5 comportamentos humanos que os cães não entendem

Não é segredo para ninguém que o cão é o melhor amigo do homem, já que com o passar do tempo, não apenas nos dão sua companhia e amor incondicional, mas acabam nos conhecendo melhor do que muitas pessoas.

Entretanto, ainda que saibam perceber muitos de nossos humores e emoções, existem alguns comportamentos e ações que eles não são capazes de entender.

Conheça agora os cinco comportamentos humanos mais evidentes que os cães não compreendem.

Acariciar seu rosto

Autor: slowdevil

Nem todas as pessoas gostam que toquem seu rosto, a menos que seja um toque sutil de alguém em quem confiam, já que esse é um ato que pode gerar grande desconforto em quem o recebe. Apesar disso, muitos têm a ideia de que os cães gostam e com frequência fazem carinho nessa região de seu corpo.

Os cães interpretam esse gesto como uma invasão do espaço deles, de modo que muitas vezes reagem com rejeição, ainda que possam permitir que o dono continue fazendo isso.

Olhar fixamente para eles

Quando você olha para uma pessoa que não conhece e ela se aproxima sem desviar o olhar, pode sentir uma sensação incômoda, por não saber se sua abordagem de aproximação é amigável ou não.

Embora poucos saibam, muitos cães não veem com bons olhos o contato visual, interpretando esse comportamento como uma atitude ameaçadora e dominante por parte daquele que o olha. Uma vez que seu cachorro tenha se acostumado, não há mais problema. No entanto, se ele não te conhece, pode agir agressivamente. Por isso, recomenda-se que não olhar fixamente para um cão que você não conhece.

Falar muito com seu cão

Não se trata de uma brincadeira ou piada de mau gosto. Nossos amigos caninos não podem entender o que falamos com eles, ainda que em muitas ocasiões cumpram nossas ordens e aprendam o significado de algumas palavras. Longe de compreender a nossa linguagem, muitas vezes os cães se sentem muito confusos quando falamos sem parar com eles.

A chave para uma relação única com os seres humanos gira em torno de uma incrível capacidade de interpretar a linguagem corporal, o que os permite conhecer os nossos pensamentos e sentimentos com muita facilidade.

Fantasiar os cães

Muitos pais fantasiam os seus filhos quando são pequenos, porque acham que eles ficam adoráveis e fofos quando vestem as fantasias. Algumas crianças aproveitam esse momento, mas há outras que se sentem muito desconfortáveis e não gostam da ideia.

Os cães são iguais a essas últimas, já que para eles, vestir uma fantasia é a representação máxima da invasão de seu espaço e da confusão. Seja por se sentirem mais quentes que o habitual ou por terem menos mobilidade, fantasiar o seu cão apenas gera tensão.

Abraçá-los

Ao longo da história, os abraços se transformaram na forma mais expressiva, carinhosa, doce e terna de manifestar amor e afeto a uma pessoa. Também fazemos esse lindo gesto com nossos animais de estimação, porém os abraços não significam para eles o mesmo que para nós.

Para um cão, o ato de abraçar não significa carinho, nem companheirismo. Eles enxergam o abraço como uma mostra de dominação. Enquanto alguns não manifestam nenhum desconforto com isso, normalmente se sentem tensos, nervosos e retraídos, o que pode gerar reações hostis de sua parte.

Se quando o abraçar você notar que ele tenta fugir, evite olhar em seus olhos, abaixa a cabeça, lambe seus lábios ou mantém o focinho fechado, ele está implorando que o solte.

Não se esqueça!

carícia cachorro

Os cães são seres especiais que requerem não apenas cuidado e carinho, mas também respeito e compreensão. Quando esses adoráveis amigos formam parte de sua família, deve tratá-los de forma exemplar, já que eles compreendem e sentem cada uma de suas ações.

Se evitar qualquer tipo de ato ou comportamento que faça seu animal de estimação se sentir incômodo, ele será mais feliz e se sentirá muito melhor em sua companhia.