5 sinais que você deve reconhecer em seu cão

sinais que indicam um pedido de ajuda

Amor e cuidado para com o seu cão também significa que você aprendeu a reconhecer as razões de algumas de suas ações e comportamentos. Lembre-se de que, por vezes, certas atitudes que podem ser engraçadas no peludo, realmente estão indicando que algo não está funcionando muito bem. Saiba como reconhecer estes sinais que indicam um pedido de ajuda.

  1. O cão arrasta o traseiro pelo chão

caes-campo

Autor: myri_bonnie

As possibilidades são que, se o animal esfrega seu traseiro no chão, é apenas cocô e ele está limpando um pouco dos restos. No entanto, se isso se tornar uma ação repetitiva e for acompanhada de, por exemplo, um constante lamber da área, certamente lá  uma inflamação ou infecção das glândulas anais. Essa circunstância faz com que normalmente ele sinta coceira e dor.

Estas duas glândulas pequenas, também chamadas de sacos anais, são encontrados em ambos os lados do ânus e são elas que produzem um odor característico e que serve para os peludos se identificarem e se comunicarem. É por esta razão que os cães cheiram a área e suas fezes.

Quando estes sacos estão bloqueados e o cão não pode, por si só, remover o líquido marrom ou amarelado, seu cão certamente irá começar o que você pode pensar que é um show de comédia: arrastar o traseiro pelo chão.

Assim, ao invés de rir ou de gravar sua graça e compartilhar nas redes sociais, é melhor ir ao veterinário para esvaziar os sacos anais de seu peludo.

Saiba reconhecer os sinais que indicam um pedido de ajuda de seu cão e que podem ser confundidos com atitudes engraçadas dele.

  1. O animal persistentemente corre atrás do rabo

Quem já não se divertiu vendo um cão tentando pegar seu próprio rabo?

Nesses casos, você também precisa prestar atenção. Quando as coisas acontecem normalmente, em sua justa medida, pode não ser nada estranho.

O problema ocorre quando a ação se torna compulsiva. E quando um cachorro corre atrás do rabo permanentemente, é muito provável que ele esteja desenvolvendo um comportamento estereotipado.

Isso geralmente é causado por tédio, ansiedade e estresse. E isso ocorre em animais que não recebem estímulo suficiente e passam muito tempo sozinhos, ou que ficam trancados por muito tempo.

Também pode acontecer que um cão que quer pegar seu rabo esteja sofrendo um pouco de dor na coluna vertebral ou que esteja apresentando algum problema dermatológico. O veterinário é quem pode fazer um diagnóstico correto e iniciar o tratamento.

  1. O cão esfrega o focinho, outro dos sinais que indicam um pedido de ajuda de seu peludo

Se um cão esfrega repetidamente o rosto contra tudo em seu caminho, não e uma sinal de que ele está confortável, mas sim outra causa para alarme.

Talvez o animal esteja sofrendo de uma infecção nos olhos ou nos ouvidos. Portanto, ele tenta aliviar a coceira ou a dor esfregando o rosto contra diferentes superfícies.

Outra possibilidade é que o seu animal de estimação tenha algo preso entre os dentes, por exemplo, restos de comida, e ele está tentando eliminá-los com este procedimento.

Então, se a atitude persistir, procure mais uma vez um aconselhamento profissional.

  1. O cão se agacha apenas com as patas dianteiras

Entre os sinais que indicam um pedido de ajuda de seu cão pode estar o de agachar apenas com suas patas dianteiras.

Embora geralmente isso esteja ligado à brincadeiras, fora de contexto e repetidamente isso pode significar que o animal sofre de dor abdominal grave.

É recomendado que você vá o mais rápido possível ao médico. O animal pode estar sofrendo de, por exemplo, pancreatite.

  1. O cão se coça excessivamente com as patas traseiras

cao-coceira

A pose que muitas vezes os cães fazem quando se coçam com suas patas traseiras é geralmente engraçada.

Mas, novamente, se este coçar ocorrer continuamente, é melhor tentar descobrir o que está acontecendo com o seu amigo de quatro patas.

Nestes casos, é muito provável que ele esteja sofrendo de uma condição da pele causada por, entre outras coisas:

Mais uma vez, a consulta com um profissional é recomendada para cuidar da saúde do seu peludo.