A longa viagem de Vali

Quando falamos de uma viagem, logo nos vem à mente férias, praias paradisíacas ou ficar relaxados sem fazer nada. Contudo, a viagem de Vali é muito diferente, uma pela qual ninguém ia querer passar, embora também tenha sua parte positiva.

Se você quer conhecer a história dele, está no lugar certo, pois vamos contá-la. Embora o começo tenha sido triste, o final foi feliz. Sabemos que essas são essas histórias as que você mais gosta.

A história de Vali, um cãozinho muito especial

vali-768x576

Fonte: Facebook de Refugio de Animales de Cambados

Esta história vem da Espanha, na verdade, de Cambados, na província de Pontevedra. Um vizinho encontrou um cãozinho abandonado e muito desnutrido. Era da raça Pointer. Estava jogado em um terreno baldio, sem um teto sob o qual se abrigar.

Sua desnutrição estava em estado muito avançado e por suas veias corria apenas sangue anêmico. Pesava menos de dez quilos, apesar de seu grande porte. Quando o vizinho o levou até a sociedade protetora e os veterinários o viram, pensaram que não se podia fazer nada por ele.

No entanto, Vali tinha muita vontade de lutar, e, sobretudo, muita vontade de viver. Por isso, em apenas 5 dias após ter sido cuidado e alimentado na sociedade protetora, já pôde ficar em pé. Em poucas horas, deu seu primeiro passo.

Depois de um exame detalhado por parte dos veterinários, chegou-se à conclusão de que havia deixado de ser alimentado fazia semanas e que havia ficado acorrentado por um longo período de tempo. Ainda que, infelizmente, não se saiba quem foi o culpado disso.

Sete dias depois de chegar à sociedade protetora, Vali já tinha engordado um quilo e meio e melhorou muitíssimo seu pelo e pele. Come com ansiedade, como se quisesse recuperar o tempo perdido, ou talvez motivado pelo medo de voltar a ficar sem comida.

Vali é conhecido nas redes sociais

Esta história foi lançada nas redes sociais pelos veterinários da sociedade protetora e não demorou muito tempo para eles receberem mensagens de centenas de pessoas que estavam dispostas a dar a Vali uma nova família e um novo lar.

Contudo, o estado em que Vali se encontrava era muito delicado, razão pela qual ainda precisava de um tempo para se recuperar. Assim, as famílias dispostas a adotá-lo terão quer esperar um pouco. Eles serão submetidos a um teste para saber se são aptos para a adoção e esperamos que, muito muito rapidamente, Vali possa estar  com uma família que goste dele e que saiba cuidar bem dele.

Outros cães com recuperações assombrosas

Falar de abandono é sempre algo triste, mas casos como o de Vali despertam esperança. Ele não é o único; foram muitos os cães pelos quais não se dava nada e que sobreviveram, graças ao amor e carinho recebidos, e, claro, de sua vontade de viver.

  • O que é? Um animal chegou encharcado em lodo a uma sociedade protetora, tanto que nem sequer seria possível saber qual animal era. Pensaram que não poderia sobreviver por causa dos danos causados pelo fluido. Contudo, tudo terminou bem e foi possível descobrir que o animal era um filhote de lobo.
  • A cadela com sarna. Uma cadela abandonada foi encontrada com uma sarna extrema, que lhe tinha arrancado pedaços da pele. Acreditava-se que lhe restava pouco tempo de vida, mas sua recuperação foi assombrosa.
  • Figo. Esse foi um cão que se jogou contra um ônibus para impedir que sua dona fosse atropelada. Acabou ficando gravemente ferido, mas se negou a se separar de sua dona. Graças ao bom trabalho dos médicos, pôde seguir em frente. Um bonito exemplo de lealdade.

Fonte: Facebook de Refugio de Animales de Cambados