Atenção! Os cães também podem ter resfriado

resfriado

Ainda que isso possa parecer tolice para muitos, o resfriado é uma enfermidade que também pode atacar o melhor amigo do homem, isso mostra como os cães são parecidos com as pessoas em muitos aspectos.
Se você não sabe nada sobre esse tema, a seguir você terá todos os detalhes associados a ele.

Os cães também podem ter resfriado

Em primeiro lugar, é importante assinalar que assim como os seres humanos, estes pequeninos também são vítimas de numerosos microrganismos que afetam o sistema imunológico deles e debilitam o estado de saúde desses animais.

Nesse caso, o vírus que causa o resfriado é o Parainfluenza, caracterizado por ser altamente contagioso, e por ser o maior responsável pela tosse dos canis.

Como ocorre com as pessoas, quando os cães se resfriam, a condição de saúde deles pode piorar facilmente, isso ocorre porque no corpo deles entram determinados tipos de bactérias que se aproveitam da debilidade de suas defesas e anticorpos.

Sintomas do resfriado nos cães

resfriado

Como é de se supor, esta delicada enfermidade que também pode acometer os cães, conta com uma série de sintomas cujo o diagnóstico é de suma importância para poder tratá-lo adequadamente. Esses são os sintomas mais comuns.

Espirros

Alguma vez já aconteceu de você estar brincando tranquilamente com o seu peludo quando, de repente, ele começa a espirrar? Quando isto ocorre o mais provável é que ele esteja sofrendo de um resfriado, já que o espirro é uma das manifestações mais claras de que o seu pequeno amigo de quatro patas tem o vírus.

Neste ponto, eles são tão parecidos conosco que inclusive chegam a espirrar várias vezes seguidas logo depois do primeiro espirro, o que é algo extremamente incomodo.

Muco

E sim, neste ponto os cães que sofrem de resfriado também são extremamente parecidos com as pessoas que passam por esta enfermidade, já que é muito comum que eles apresentem uma grande quantidade de muco em seus narizes.

Quando isto ocorre, a primeira coisa que o cão faz é lamber compulsivamente o próprio nariz, por isso se, em algum momento, você notar que ele faz isso, é porque ele está doente.

No caso da mucosidade estar acompanhada de sangue, você deverá levar o seu cão a um veterinário, devido a isto ser uma consequência de uma patologia mais grave.

Tosse e complicações respiratórias

Para notar esse sintoma é só observar atentamente o seu pequeno amigo e você saberá identificar se ele está respirado com mais força do que o normal, ou se há uma espécie de assovio em seu nariz quando ele respira.

A tosse é um sintoma muito comum, mas poderá vir acompanhada por vômitos, quando se tratar de casos mais graves.

Mal-estar geral

Este é provavelmente o sinal mais difícil de determinar quando o seu cão está resfriado, já que é normal confundi-la com tristeza ou depressão.

Isto se deve ao fato dos sintomas do mal-estar geral serem muito parecidos com os destes estados emocionais, se você não acredita, descreveremos a seguir.

  • Seu cão se mostrará decaído.
  • Não terá apetite.
  • Não terá forças.
  • Se sentirá muito cansado.
  • Não terá sede.
  • Não manifestará entusiasmo frente a nenhum estímulo.

Como é de se supor, estes são sintomas que virão acompanhados de outros, assim você poderá determinar que ele está doente.

Como cuidar de um cão resfriado

resfriado

Autor: Christine und David Schmitt

Uma vez que se determine que o seu cão sofre desta enfermidade, você deverá ter uma série de cuidados para que ele se sinta melhor e possa recuperar seu estado de saúde. Estes são os passos recomendáveis.

  • Determine um espaço cômodo e acolchoado onde o seu cão possa descansar apropriadamente enquanto ele estiver sofrendo com o resfriado.
  • Mantenha seu cão bem hidratado, ainda que ele não tenha vontade de beber nada, já que a água será muito importante para ajudá-lo a diluir a mucosidade.
  • Se seu cão perdeu por completo o apetite e não quer comer seu alimento, você poderá preparar para ele um caldo de frango cozido, já que isso é algo a que ele não poderá resistir e melhorará sua saúde.
  • Você deverá mantê-lo em espaços onde haja uma temperatura quente, já que o frio pode piorar o estado de saúde dele.

Como podemos ver, o resfriado é uma delicada enfermidade que também pode atingir os cães, mas que você poderá prevenir evitando as mudanças bruscas de temperatura.