Benefícios das massagens para os cães

massagens

Quem não gosta de uma boa massagem? Além dos benefícios físicos, elas contribuem com relaxamento, paz e bem-estar. Pois bem, as massagens também são para os cães. Alguma vez você já fez uma em seu cão? Contaremos todos os benefícios que elas trazem para os nossos pets e como podemos realizá-las de maneira correta.

Benefícios das massagens para os nossos pets

Nossos cães não apenas adoram as massagens, como também a nós, por isso, além dos enormes benefícios no sentido físico, há também o emocional. No sentido emocional, eles se sentirão relaxados, amados e com paz interior.

caricias-caes

Autor: Rubi Flórez

No sentido físico, estes são todos os seus benefícios:

  • Melhora a circulação. A estimulação externa dilata os vasos sanguíneos, o que melhora a circulação, e a vida de seu cão se tornará mais longa, além de prevenir enfermidades cardiovasculares.
  • Reduz o estresse e a ansiedade. Este é um efeito muito parecido com o que as massagens têm em nós, pois fazem com que nos sintamos em paz e relaxados, combatem o estresse e a ansiedade. Já pensou que um cão também pode vir a sofrer de estresse? Sim, por muitas razões, entre elas o tédio, a falta de exercícios e outras razões mais.
  • Detecção de enfermidades. Fazer massagens em seu cão pode servir como uma análise contínua para detectar protuberâncias ou quaisquer outras anomalias que ele possa ter, incluindo os parasitas.
  • Libera oxitocina. Esse hormônio, conhecido como o hormônio da felicidade, é liberado graças ao contato físico, algo que as massagens farão de forma muito simples.
  • Reforçará seu vínculo com seu cão. Seu laço se estreitará ainda mais, pois estes serão momentos que seu cão desfrutará ao máximo e para os quais você deverá lhe dedicar um tempo especial, o que, possivelmente, você não faria em outras circunstâncias.

Agora, para que as massagens cumpram com o seu trabalho, elas devem ser bem feitas, mas como?

Como e onde fazer massagens nos cães

Há vários fatores que devemos levar em conta antes de fazer uma massagem em nosso cão:

  • Fazer com que ele relaxe. Sejamos realistas, embora nosso cão adore as massagens, raramente poderemos deitá-lo e fazer com que ele relaxe assim, sem mais. Portanto deveremos começar com uma espécie de aquecimento, acariciando as áreas que sabemos que ele mais gosta. Desse modo, ele relaxará, e antes de nos darmos conta, estaremos dando sua esperada massagem.
  • Comece pelo pescoço. Com as pontas de seus dedos, de maneira muito suave, acaricie seu pescoço com movimentos circulares. Dependendo do tamanho do cão, estes movimentos poderão ser mais ou menos amplos.
  • Passe nos ombros. Depois, baixe para os ombros, pois fazer desta maneira permitirá que o animal relaxe de forma paulatina, sem se dar conta. Não aperte, estes devem ser movimentos circulares e suaves.
  • Patas e peito. Esta será a próxima área a ser massageada. Não levante as patas, mas massageie-as de cima para baixo, do mesmo modo que faria com o peito.
  • Costas e patas traseiras. Deslize seus dedos para cima e para baixo de suas costas, várias vezes seguidas, depois termine nas patas traseiras.

por-cento-das-pessoas-nao-sabem-cuidar-de-seus-pets

  • Escolha o momento. Deve ser um momento em que ambos estejam relaxados, sem estresse e sem pressa. Pode ser, por exemplo, de noite, quando ambos estão no sofá vendo televisão ou simplesmente descansando.
  • Aumente o tempo paulatinamente. É possível que, no princípio, o animal se sinta incomodado, por isso, as massagens podem ser de apenas alguns segundos ou poucos minutos. Não o force, faça pelo tempo que ele lhe permitir, e verá como pouco a pouco você facilmente chegará a 10 minutos.
  • Não seja terapeuta. Lembre-se de que você não é um profissional, portanto, esqueça as massagens intensas, deixe isso para um profissional. Suas massagens devem estar limitadas ao relaxamento do cão e também para detectar alguma anomalia que possa haver.

Lembre-se de que, para massagens mais profundas, você deverá ir a um veterinário para que indique um profissional. Querer fazer mais do que se deve, poderá fazer mal a seu animal e lhe causar prejuízos.