Bobtail, uma curiosa raça de cães

Bobtail

Você pode se surpreender com o nome desta raça, mas certamente a reconheceu rapidamente ao ver a foto. Quem nunca viu um desses adoráveis e peludos amigos cinza e branco? Talvez eles não sejam muito comuns em nosso país, por isso devemos nos perguntar: de onde eles vêm?

Origem

Bobtail

Autor: Томасина

O primeiro nome dado a essa raça foi “Old English Sheepdog”, que significa “Antigo cão pastor inglês”, substituído depois por “Bobtail”, ou “Rabo curto”.

Seu nome atual, Bobtail, é fruto de uma característica comum entre os seus cães, o rabo curto. E seu antigo nome remete, sem dúvida alguma, ao seu local de origem, a Inglaterra.

A ausência da cauda nos cães é atribuída ao fato de que elas começaram a ser cortadas para que os predadores de gado não a arrancassem em uma fuga. O Bobtail foi usado como cão pastor e guardião de gado, embora não haja evidência desse fato ou da existência da raça antes do século XVIII.

O Bobtail parece ser fruto de uma mistura entre as raças Ovcharka, Border collie e Poodle, gerando assim uma das raças mais nobres e fofas que existem.

O primeiro Bobtail foi apresentado em uma exposição em 1887 e, sete anos depois, foi reconhecido pelo Kennel Club e fundado o primeiro clube da raça. Vamos conhecer um pouco mais sobre esse animal.

Características

O Bobtail é musculoso, robusto e inteligente. Possui grande energia e, se olharmos de cima, seu corpo possui forma de pera. Ao caminhar, se movimenta de forma original e única, fazendo dele um cão autêntico.

Sua cabeça é volumosa e quadrada. Seu focinho mede metade do comprimento total da cabeça. Seu focinho é grande e preto, com narinas grandes.

Em relação a seus olhos, geralmente são escuros ou cinza, ainda que você possa encontrar espécimes com olhos azuis. Olhos muito claros seriam um defeito no Bobtail. Seu corpo é pequeno e mais gordinho, não sendo um cão muito atlético.

A única característica desse animal que será um pouco complicada de cuidar é o seu pelo. Ele é longo, denso e um tanto grosso e ondulado. Poderá dar nós se não for penteado regularmente, sendo necessário aparar a pelagem… fazendo seu animal perder a beleza exótica.

Agora vamos a uma das características que mais nos interessa: a personalidade.

Personalidade 

Assim como outras raças de cães, o Bobtail é carinhoso e sociável. Mas se algo que caracteriza o Bobtail, e todos os que tiveram um concordarão, é seu poder de adaptação. Já falamos neste blog em diferentes ocasiões que qualquer cão vive e morre para e por seu dono, mas o Bobtail vai ainda mais longe.

Ele se integra muito bem nas atividades familiares e é capaz de dar a cada um dos membros da família o que ele necessita. Algo que ele mesmo deduzirá ao observar cada habitante de seu novo lar. Desse modo, será o melhor companheiro de brincadeiras para as crianças, mas também a melhor babá quando for necessário protegê-los com sua vida. Será o seu companheiro de caminhada ou exercícios quando preciso ou seu fiel cobertor para os pés quando quiser relaxar.

Será um excelente cão familiar quando preciso e o melhor guardião quando ordenado. Seu maior objetivo de vida é fazer felizes aqueles ao seu redor, obedecendo ordens sem falhar, estando os membros da família presentes ou não. Sua fidelidade e obediência são características que irão acompanhá-lo sempre, mesmo quando estiver sozinho.

É um cão extremamente observador, tanto que não é comum ter animais dessa raça que necessitem de adestramento adicional. Ele é o tipo de cão que observa e absorve. Se vê algum membro da família triste ou irritado, não vai parar até que ele sorria. Irá “forçá-lo” a brincar com ele ou rir com qualquer coisa, menos aceitar ver cara feia.

Não te parece um animal especial? Sem dúvida seria bom ter um animal com qualidades tão “humanas” como companhia em nosso lar. Se você está pensando em ter um cão que não lhe peça muito e lhe dê mais do que você pede, não hesite, escolha um Bobtail. Você não vai se arrepender!