Cachorrinha comove as redes sociais com assombrosa recuperação de uma sarna extrema

Sarna extrema

De todas as enfermidades da pele que um cão pode sofrer, a sarna e, especialmente a sarna extrema, é uma das mais delicadas, já que quando não tratada corretamente, pode ter complicações que colocarão em risco a saúde do cão.

Ainda que alguns animais venham a morrer quando a sarna se agrava, há os que conseguem sobreviver, mesmo em casos mais extremos.

A cachorrinha de pedra

Cadela com sarna

Fonte da foto: larepublica.pe

Isto foi o que ocorreu com Petra, uma cachorrinha de rua, de raça mestiça, de Atenas, chamada desta forma e conhecida por muitos devido a um grave caso de sarna extrema que sofria, e que deixavam algumas partes de seu corpo com a aparência de pedra.

Para o horror de muitas pessoas, o estado em que estava a pele desta pobre cachorrinha era tão impactante que parecia ser impossível pensar que ela poderia voltar a normalidade, já que, em alguns casos onde a sarna extrema se complica, dificilmente o cão pode voltar a ter a mesma aparência de antes.

Entretanto, a vida de Petra contaria com uma nova oportunidade, no ano de 2015, quando uma mulher a encontrou e tirou uma foto para depois publicar na rede social Facebook, com a finalidade de fazer com que a cachorrinha pudesse encontrar a ajuda necessária e poder ser tratada.

Sarna extrema e pânico

Pouco tempo depois do post no Facebook, o abrigo para cães “Save a Greek Stray” soube do caso e partiu em busca da cachorrinha, com o objetivo de levá-la ao abrigo e poder fazer todo o possível para lhe oferecer o tratamento mais adequado e salvá-la, mas também na tentativa de recuperar o estado saudável de sua pele.

Quem mais se comoveu com esta situação foi Valia Orfaniduo, que é parte dos membros do abrigo e que se especializou no resgate e reabilitação de cães que sofrem de diferentes tipos de doenças.

Conforme comentou esta jovem, a razão pela qual ela se comoveu tanto com o caso de Petra, era porque todos podiam ver que ela estava sofrendo, não somente com as lesões e as impactantes crostas que existiam em seu corpo, mas também pelo pouco contato que ela tinha com as pessoas, o que possivelmente resultou no agravamento da sarna e do sofrimento da cadelinha.

Um dos maiores problemas da cachorrinha, não era somente a enfermidade em si, mas também o pânico que ela tinha das pessoas, produto de diferentes rejeições e maus-tratos que ela tinha sofrido por parte de algumas pessoas, que a tratavam como se ela fosse uma espécie de monstro.

Adeus ao medo

Conseguir fazer com que Petra fosse tratada sem nenhuma dificuldade foi mais difícil do que a recuperação de sua enfermidade, já que como disse Orfaniduo, a cadela nem sequer se deixava tocar, por ninguém, e se escondia quando abriam a jaula dela, por isso se tratava de um caso mais difícil do que o esperado.

Entretanto, pouco a pouco, a cachorrinha mestiça foi começando a pegar confiança nos outros, até chegar ao ponto de começar a mover a cauda quando via alguém, o que era o máximo sinal de que tudo estava indo de vento em popa.

Tão logo Petra deixou de sentir medo das pessoas, a recuperação que poucos acreditavam que daria certo, se iniciou. Além da sarna extrema, ela estava em um alto estado de desnutrição que não lhe permitiria contar com as forças necessárias.

Apesar de tudo isso, os membros do “Save a Greek Stray” tiveram muita fé e a ajudaram a voltar a ser uma cachorrinha normal, tanto no contato com os humanos, quanto em seu estado de saúde e em sua aparência externa.

Surpresa nas redes sociais

Cadela com coleira

Fonte da imagem: larepublica.pe

Pouco mais de dez meses tinham se passado desde que Petra começou a ser tratada satisfatoriamente, Orfaniduo, então, publicou uma foto no Facebook onde já se podia ver uma outra cachorrinha, que já se mostrava saudável, muito feliz, e sem uma só crosta em sua pele.

Esta foi uma imagem que deu a volta ao mundo, já que a transformação desta cachorrinha foi considerada como uma espécie de milagre, dada a enorme diferença que existia entre o antes e o agora.

Sem nenhuma sombra de dúvidas, se trata de uma história enternecedora onde se demonstra que, além da adversidade que se esteja vivendo, sempre haverá uma oportunidade para poder se recuperar.

Fonte das imagens: larepublica.pe