Cachorros vira-latas, muito mais que uma raça

Os cachorros mestiços, que mais popularmente são conhecidos como vira-latas, são produto do cruzamento de diferentes raças que foram sendo misturadas ao longo do tempo e, dessa forma, geraram cães com características únicas. Apesar de não possuírem valor comercial, contam com todas as qualidades dos animais com o melhor pedigree, além de algumas extras.Possivelmente uma das maiores desvantagens que são enfrentadas pelos cachorros mestiços é a atitude de muitas pessoas que preferem os cães de raça. Algumas vezes, a raça do cachorro indica o poder aquisitivo do dono e funciona como um catalisador social.

Na maioria dos casos os donos preferem uma raça específica porque tiveram experiência prévia com ela e gostaram das qualidades ou desenvolveram afeto por cães desse tipo, a decisão de escolher um cachorro de raça em vez de um mestiço se deve a um simples ato de vaidade.

Algumas vantagens

As vantagens dos cães mestiços

A criação específica de raças, além de perpetuar certas características físicas e estruturais, também faz com que determinados genes que transmitem doenças hereditárias continuem a acontecer.

Esse é o caso da surdez nos Dálmatas ou das convulsões nos Boxer. Manter a pureza também implica que certas desordens genéticas sejam aperfeiçoadas.

Ao comprar ou adotar um vira-lata, você tem a garantia de ter um cachorro cujo sangue e genes foram misturados.

Normalmente, os processos genéticos tendem a selecionar aquelas características que tornam o cão mais forte, eliminando genes que, a menos que sejam dominantes, não serão transmitidos para geração seguinte. Isso reduz as possibilidades das doenças por consanguinidade.

Embora isso dependa, em grande parte, da herança genética, esse tipo de cachorro geralmente é o mais nobre. Nesse aspecto, isso se deve mais à mistura de mestiços com outros mestiços do que a de cachorros de raças dominantes.

A mistura também ajuda a que esses cachorros sejam menos propensos a contrair doenças e tenham mais resistência física, ou seja, possuem maior expectativa de vida.

Por esse motivo, costumam ser mentalmente mais estáveis e têm menos tendência a desenvolver problemas de comportamento. Apesar de que isso dependerá em grande parte do tipo de criação e da educação que o animal irá receber.

Um estigma que deve ser evitado é considerar que todos os cachorros mestiços são de rua. Na verdade, é possível dizer que todos os cachorros são mestiços, pois são descendentes dos lobos e devem suas características especiais às misturas que foram realizadas através dos anos.

Cachorros vira-latas

Neste ponto, a criação é importante, pois se denomina que um cachorro faz parte de uma raça por ele reunir determinadas características a partir de um padrão estabelecido e da existência de um número de espécies relativamente abundante que garanta a subsistência da mesma.

Infelizmente, o comércio criou uma discriminação em relação aos cachorros mestiços e uma das perguntas mais comuns que os donos de animais de estimação recebem é sobre a raça a que pertence seu pequeno amigo.

Isso gerou um problema muito grande para os cachorros nessas condições, pois é mais difícil encontrar uma casa para eles, seja quando vêm da rua ou mesmo quando tenham nascido sob os cuidados de alguém.

No entanto, tem aumentando a conscientização sobre a adoção de cachorros mestiços, sendo cada vez mais frequente ver em casas de amigos ou familiares animais que são adotados seja a partir de abrigos ou diretamente das ruas.

Na atualidade, a mentalidade sobre ter esses cachorros mudou um pouco. Apesar de que adotá-los ainda seja considerado um ato altruísta. Tampouco essa é a ideia, pois caímos novamente no campo da vaidade.

Portanto, o exercício da consciência deve ser feito sobre a oportunidade que representa oferecer a um cachorro um lugar para morar, independentemente de sua raça, onde possa ser amado, mimado e que tenha sua vida garantida, de uma maneira ou de outra, sob a responsabilidade do homem, pois nossa espécie tem sido a mais beneficiada nesse processo de domesticação com o uso dos cachorros para trabalho e companhia.