Uma cadela que perdeu três patas recebe uma prótese

Às vezes ocorrem acidentes com os nossos amigos animais, outras vezes eles sofrem maus-tratos. A verdade é que quando algo acontece não podemos assegurar 100% se se tratar de um ou outro a menos que haja testemunhas oculares confiáveis. Esse é o caso de Boneca, uma cadela que perdeu três patas por um terrível… sucesso?

Não é uma história agradável, mas ao menos foi conseguida uma “solução” para que a cadela que perdeu três patas não tenha que passar o resto de sua vida deitada. Vamos conhecer esta dura e comovedora história?

Boneca, a cadela que perdeu três patas. Como?

cão-doente

Boneca é uma linda cadela de cor canela e orelhas pontudas. Muito amável, carinhosa e brincalhona. Todos os dias ela gostava de sair para uma área verde do bairro Protecho, em Cidade Bolívar, Venezuela.

Na Venezuela, os organismos que governam o país, contratam empresas externas de limpeza e manutenção que se encarregam de manter bonita, limpa e cuidada a cidade em que residem. Neste caso, em Cidade Bolívar, a encarregada era uma empresa chamada Asseio Capital.

Asseio Capital já era encarregada por vários anos da manutenção das zonas verdes de Cidade Bolívar. Mas um dia, aconteceu uma desgraça.

Boneca estava pulando e correndo pelas áreas verdes do bairro Protecho, no mesmo momento em que os operários de Asseio Capital estavam cortando a grama dos jardins.

As máquinas para cortar grama, fossem estas uma com rodas que se arrasta ou uma menor que se pendura no corpo, ambas levam lâminas ou cordas plásticas que podem cortar enormemente.

Boneca, ferida por uma máquina

Sem saber como, nem em que momento, Boneca, que estava correndo por essas mesmas áreas verdes, de repente estava sangrando e com uma só pata aderida ao seu corpo. Como isso pôde ocorrer? Ninguém explica. Uns pensam que a cadela se lançou em direção a máquina, sob as lâminas; enquanto outros dizem que o operário do Asseio Capital era um opositor dos animais e realizou um ato desumano de maltrato.

Nós não vamos julgar isso por várias razões. Uma, não estávamos no lugar dos fatos. Dois, não somos ninguém para julgar algo que não vimos e três, porque o nosso blog só quer contar histórias reais que despertem a sensibilidade para com os animais. Para julgar já há outros organismos.

O que aconteceu à cadela que perdeu três patas?

Voltando para a história, o que aconteceu depois? A cadela que perdeu três patas foi ajudada por vários transeuntes que a levaram até uma clínica veterinária onde foi atendida com urgência. As feridas eram grandes e ela tinha perdido muito sangue, mas depois de várias horas e muito esforço conseguiram salvar a vida da cachorra.

Logo Martha Ciro, a diretora de uma Associação Defensora de Animais se encarregou da cadela que perdeu três patas, já que seus donos, se é que ela os tinha, não tinham aparecido. Durante semanas, meses, ela cuidou de sua higiene, sua alimentação e também tratou suas feridas, assim como da medicação que necessitava para a dor e cicatrização.

Asseio Capital, denunciada

carrinho-para-cães

Martha, que estava a par do ocorrido e de quem foi o culpado da cadela perder três patas, protocolou uma denúncia contra a empresa Asseio Capital. Não se sabe se o julgamento foi levado adiante ou se eles chegaram a um acordo, o que sim sabemos é que a Asseio Capital pagou todos os gastos que a triste situação em que Boneca se encontrava exigiu.

Pagaram sua hospitalização, veterinários e concordaram em pagar por próteses especiais para cães que foram feitas sob medida para Boneca nos Estados Unidos e que são comercializadas através de uma empresa espanhola.

Boneca, a cadela que perdeu três patas, agora as substituiu por três próteses, que embora não lhe permitiram ser a mesma de antes, sim, elas facilitaram a mobilidade e a vida da cachorra. A cadela ainda está se acostumando a elas e aprendendo a caminhar, mas estamos seguros de que ela conseguirá. Ânimo Boneca!

Imagem cortesia de myri_bonnie.