Cães e Gatos versus Pássaros

Normalmente, o cão persegue o gato e, o gato, persegue o pássaro. Se vivemos com qualquer um destes animais, esta tríade natural de caça pode ser vista todos os dias em nossa casa. Mas também podemos perceber que não apenas os gatos perseguem as aves, os cães também o fazem.

As aves são, frequentemente, vítimas fáceis de cães e gatos. No entanto, apesar da natureza caçadora dos cães e gatos, ambas as espécies podem coexistir sob o mesmo teto.

Gatos versus pássaros

Gatos vs. Pássaros

Os gatos são excelentes predadores e a influência da vida selvagem depende do ecossistema onde os gatos estão vivendo. Estudos recentes revelaram que, em algumas partes do planeta, os gatos devastaram algumas espécies de aves nativas. Na verdade, quase 60% das aves são vítimas de gatos.

No senso comum, poderíamos pensar que os gatos selvagens caçam para comer. Muitas vezes, isso é uma verdade, mas e os gatos domésticos? Também caçam aves para comer? A resposta é não.

Ainda que as aves alimentem alguns poucos peludos, um estudo mostrou que apenas 30% dos gatos que caçam pássaros comem o que pegam.

Então… ainda que alimentemos os gatos, eles não deixarão de caçar. Mas como podemos resolver isto?

Certamente, o problema é mais complicado do que parece, mas qualquer mudança real requer, sem dúvidas, uma mudança no comportamento humano.

As pessoas continuam abandonando gatos, não os adotando e não castrando os bichinhos. Esta situação agravou ainda mais o problema, os gatos se multiplicaram e se expandiram territorialmente.

Talvez, uma solução seria castrar os gatos de rua desde pequenos. Conseguir isso é possível através de várias campanhas de castração, a criação de abrigos e através da sensibilização dos donos de animais a serem mais responsáveis.

Se falarmos de gatos domésticos, também devemos notar que eles têm um fraco para com as aves. Sua natureza selvagem os ensinou a observar cuidadosamente as aves e, então, caçá-las.

Você, mais de uma vez, provavelmente, já deve ter visto o posicionamento de caça dos gatos quando eles olham para um pássaro, emitindo alguns sons estranhos.

Então, saltam sobre eles e tentam imobilizá-los. Em seguida, eles brinca, com a presa até a morte e, uma vez alcançado seu objetivo, como um troféu, eles vão levar sua presa morta aos seus pés.

Este comportamento não é fácil de evitar, pois faz parte de sua natureza. Na melhor das hipóteses, você pode manter algumas janelas fechadas para evitar que eles façam isso, mas quando você se descuidar, seu gato irá saltar sobre alguma presa.

Se você tem em casa gatos e pássaros em gaiolas, é recomendado que você mantenha os pássaros longe dos gatos.

Embora ambas as espécies possam coexistir, não devemos ser ingênuos. Por isso, é melhor que as gaiolas estejam localizadas em um lugar muito alto para que o seu gato não tenha nenhum acesso a eles.

Cães versus pássaros

Cães vs. Pássaros

 

Os cães também são excelentes caçadores especialmente de aves aquáticas. A raças de cães, como o Labrador Retriever, o Golden Retriever, o Springer Spaniel Inglês e o Braco alemão de pelo curto, são caracterizadas por serem de excelentes caçadores.

Para a natureza caçadora do cão, os pássaros são uma das presas mais desejáveis. Ao contrário dos gatos, que podem passar horas observando e estudando a presa aguardando o momento certo de atacar, os cães são menos pacientes.

A ansiedade deles muitas vezes os trai e, muitas vezes, atacam as presas ou as assustam com alguns dos seus temidos latidos.

Cães, ao contrário de alguns gatos, comem o que caçam. Para muitos cães selvagens as aves são uma fonte segura de alimentação.

Dentro de uma casa, os cães podem viver com as aves sem dificuldades. Talvez elas possam chamar a atenção do cão, com algum movimento ou som, e soltem um latido ocasional, mas geralmente não são agressivos com as aves e, geralmente, respeitam o espaço delas.

Embora seja sempre bom tomar precauções, se você tem cães e pássaros em sua casa, o melhor é manter a gaiola fora do local que o cão costuma ficar.