Cão se joga contra um ônibus para proteger a dona

Já ouvimos mais de uma vez que os cães são extremamente leais e que podem proteger 100% seus donos. Algumas semanas atrás, uma nova notícia que retrata a valentia dos cães surpreendeu o mundo. De acordo com vários meios de comunicação, um cão guia se lançou contra um ônibus para evitar que sua dona fosse atropelada. A seguir, compartilharemos essa história.

Um cão protetor

golden retriever 2

No município de Putnam, em New York, um cachorro que ajudava a sua dona cega a atravessar a rua conseguiu salvá-la de morrer atropelada. Figo é o grande protagonista da história. Segundo os relatos, quando ele percebeu o perigo, ele protegeu a sua dona e se lançou em direção ao ônibus para desviar o veículo e, assim, evitar que fossem atropelados.

O motorista de ônibus escolar não parou na faixa de pedestres e por isso foi na direção de Figo e sua dona. No entanto, o cão protegeu sua dona evitando um desfecho fatal. A ousadia só não terminou com um final perfeito porque Figo conseguiu seu objetivo e o ônibus não os atropelou, mas por causa da manobra repentina que o motorista fez o cão e sua dona receberam uma pancada. Portanto, ambos tiveram que passar por um período de recuperação.

De acordo com os detalhes das notícias publicadas em diversos meios de comunicação, e apesar de Figo ficar gravemente ferido, o cão se recusou a deixar sua dona e permaneceu ao seu lado até a chegada dos médicos.

A veterinária de Figo, LouAnn Pfeifer, disse ao canal CBS que comportamento do animal tinha sido indescritível. “Eu não posso explicar isso. Se ele agiu consciente ou inconscientemente, foi absolutamente incrível.”

veterinária explicou que está tentando estabelecer uma chat via vídeo entre Figo e sua dona já que “ver e ouvir a voz da dona irá ajudá-lo na recuperação”.

Outras histórias de valentia e coragem

pastor alemão 2

Como mencionamos, a história de Figo não é a única. Se analisarmos, existem centenas de cães de todo o mundo que salvam as pessoas de momentos realmente terríveis. Em seguida, comentamos alguns dos relatos mais importantes.

Brutis:  Um cão da raça golden retriever que se tornou herói em 2004. Por quê? Este cão adorável pegou uma cobra coral que rastejava perigosamente perto de uma criança em Hudson New Hampshire (Estados Unidos).

Zoey: Todo mundo sabe que os cães menores mostram com atitude o que lhes falta em tamanho e Zoey é a prova viva dessa disposição. Este Chihuahua, da cidade do Colorado, nos EUA, foi notícia em 2007 por resgatar uma criança da mordida mortal de uma cobra cascavel.

Shana: Esta cadela, mistura de pastor alemão, salvou um casal de idosos de uma tempestade de neve. Quando Shana encontrou Norman e Eva presos pela neve ela começou a cavar um túnel para que eles pudessem escapar.

Moti: Este pastor alemão salvou sua família humana de um assalto. Quando o intruso mascarado entrou na casa da família Patel, Moti não perdeu tempo e começou a latir para chamar a atenção do mordomo. Após o disparo, o desconhecido fugiu. Felizmente, Moti se recuperou de suas feridas.

Napoleão: se pensa que os gatos e os cães são inimigos, isto nem sempre é assim. Napoleão é um Bulldog Inglês que desafiou as habilidades de natação que tem a sua raça para nadar até o fundo de um profundo lago e resgatar um saco de pano que continha 6 gatinhos abandonados.

Herói: Um antigo cão da raça Golden Retriever ajudou o seu dono, paralítico, a mover sua cadeira de rodas que havia ficado presa em um terreno lamacento. Quando Gareth Jones se viu incapaz de se mover, seu cão-guia estava disposto a responder obedientemente puxando a corda que Jones lançou em sua direção. Dessa forma, ele pôde sair do terreno.

Ginny: Em uma ocasião particularmente notável, Ginny lançou-se contra um tubo vertical em um canteiro de obras para que pudessem escapar alguns gatos que estavam presos dentro do tubo.

Trakr: Ao lado de um policial, Trakr ajudou a escavar os escombros instáveis do World Trade Center e assim, foi capaz de localizar alguns dos sobreviventes do ataque de 11 de setembro.