Seu cão manda no passeio? Conselhos para evitar isso

passeio

Muitas vezes vemos um cão puxar o dono como se fosse ele quem mandasse no passeio ao invés de seu dono, quando deveria ser justamente o contrário. Talvez isso aconteça com você e, apesar das muitas iniciativas para evitar que isso ocorra, parece que as coisas não mudam muito enquanto vocês passeiam.

Hoje vamos dar a solução definitiva para esse problema. Siga os nossos conselhos e verá como as coisas voltarão ao lugar delas, será que é você que passeia com seu cão e não o contrário?

Coleira e peitoral corretos para um bom passeio

passeios-com-seu-cão

Esta é uma condição essencial se quisermos que o nosso passeio junto com o nosso cão seja prazeroso. Ele deve estar confortável e com os acessórios adequados. Mas, como escolhê-los?

Não pense que um bom acessório irá modificar o mau costume que o seu cão tem de puxar a coleira quando vocês dão um passeio juntos, mas ajudará para que o animal não se machuque enquanto aprende, assim como você.

O mais recomendável é escolher um peitoral ao invés de uma coleira que só envolve o pescoço do animal. O peitoral passa pelo peito e, no caso de puxões, será melhor, pois o cão não irá se machucar. Já existe um tipo de peitoral antipuxões que evita que o condutor sinta os puxões que o cão dá.

Para evitar que você também se machuque, escolha uma coleira acolchoada, macia na região das mãos, para que quando o seu cão a puxar você não se machuque.

Por que o seu cão te puxa em seu passeio?

Os cães que puxam a correia o fazem pelas seguintes razões:

  • Excitação. Sair à rua e dar um passeio é algo que encanta a qualquer cão e que causa um alto nível de excitação. Uma forma de prevenir isso é levar o cão com mais frequência para passear ou, se não for possível, dar caminhadas mais longas para que ele se torne mais consciente, pouco a pouco, de que terá tempo de sobra para gastar sua energia. Essa excitação deve passar depois de 10 ou 15 minutos de passeio na rua.
  • Estresse ou ansiedade. Os puxões de correias em seu passeio às vezes não são mais do que uma mostra a mais da ansiedade e do estresse de seu cão. Se depois de 15 minutos na rua ele continuar puxando a coleira, leve-o a um veterinário, é provável que ele tenha problemas de nervosismo.
  • Energia acumulada. Alguns cães demoram mais que outros para gastar toda a energia que acumulada. Caso o seu cão seja um deles, verifique a quantidade de alimentos que ele consome e evite lhe dar mais que o necessário. Passeios longos que permitam-lhe correr e liberar a adrenalina serão essenciais.

Como deve ser o passeio com seu cão

Seu cão tem duas necessidades: as fisiológicas e a de ser ensinado e educado por você. Você deve entender que não pode acumular ambas as coisas, porque seu animal ficará louco.

Por essa razão, os primeiros minutos do passeio serão para que o seu pet faça suas necessidades, por isso, você não deverá tentar acalmá-lo ou tentar fazer com que ele caminhe ao seu lado ou que cumpra suas ordens. Isso seria um erro.

Depois que o seu animal já tenha se “aliviado”, então você poderá começar a educá-lo para que ele não dê puxões, que caminhe perto de você e que entenda que é você quem o leva para passear, e não contrário.

Ensine seu cão a caminhar ao seu lado

passeio-cão-1

Para que o seu cão esteja ao seu lado em seus passeios faça o seguinte:

  • Você deve escolher um som ou uma palavra que o cão possa relacionar com o ato de caminhar junto a você.
  • Use recompensas. Use a palavra escolhida e, quando o seu cão atender a sua ordem, lhe dê uma guloseima. Não dê tempo a ele de puxar a correia de novo, e repita o processo muitas vezes seguidas. Desse modo o animal se familiarizará com a palavra ou com o som que escolheu.
  • Caminhe devagar enquanto lhe diz a palavra várias vezes, para que o animal não se afaste.
  • Use uma guloseima como isca, fazendo com que o animal o siga enquanto repete a palavra ou som que escolheu como ordem.
  • Tenha paciência. Não espere que o seu cão o obedeça todas as vezes ou durante todo o passeio, você precisará repetir o processo durante vários dias seguidos.