Carta de um cão adotado para sua dona

Carta de um cão para sua dona

Adotar um cão pode ser uma ideia maravilhosa se você estiver disposto a assumir as responsabilidades que isso implica, dar amor, carinho e todos os cuidados necessários. Um animal que é adotado de um canil, associação protetora ou de outros locais, é sempre muito grato e te compensará com tudo o que seja possível para um cão oferecer. Alguma vez você já pensou em como se sente um cão adotado? Essa comovente carta de um cão a sua dona ajudará você a ter uma ideia.

Carta de um cão adotado para sua dona: quando me sentia sozinho

Cachorrinho

Todos os dias, quando eu acordava com frio na jaula de metal que eu dormia, sentia um enorme vazio em meu interior. Apesar de ter muitos companheiros na mesma situação que eu ao meu redor, ainda assim eu me sentia muito sozinho.

Os vizinhos de jaula, além de tristes, também estavam zangados e cada vez que eu queria conversar com eles ou me aproximar, eles grunhiam como se eu fosse lhes roubar comida. Eu tinha a lembrança de quando estava em casa feliz, com meus donos, eles eram adoráveis, mas eles me adotaram quando já eram muito idosos e, um dia, quando fui acordá-los, eles não acordaram…

E, então, alguém me trouxe para cá. Não sei quanto tempo faz e nem por quanto tempo ainda estarei aqui. Nem sequer sei como sou, parece que não muito bonito e nem fofinho, porque vejo como as pessoas gostam dos outros cães vizinhos e os levam para casa. Posso ver seus olhares, não os agrado muito, apesar de me esforçar para sorrir e fazer brincadeiras para os divertir.

Porém, no final, sempre termino cabisbaixo e deitado em minha fria jaula de novo.

Carta de um cão adotado para sua dona: e então chegou você

Era um dia, como em outro qualquer, em frente à minha fria jaula de aço inoxidável, de repente surgiu você e nossos olhares se cruzaram. Seus olhos eram tão profundos e carinhosos… quis ir para casa com você desde aquele momento. Entretanto, logo fizeram com que você tirasse o seu olhar de mim, e eu me desanimei de novo pensando que esse gesto só tinha sido um refresco na minha sedenta solidão.

O dono do centro te levou para ver outros cães, você estava em frente a outras jaulas quando senti que… você estava me estava olhando…, mas não, estava tudo em minha mente, não podia ser verdade. Me deitei com meu olhar para o interior da jaula, era melhor não pensar mais no assunto.

De repente escutei meu nome, era o dono do centro, o que ele queria? Ele viu que estou triste? Ele é bom, é ele quem me dá de comer, não posso desobedecê-lo. Eu consegui dar a volta muito facilmente na jaula, a porta estava aberta! E aí estava você, agachada, sorrindo para mim. Queria me conhecer, mas eu não queria criar muitas ilusões, e se depois você não me escolhesse?

Não deu tempo nem de me fazer de interessante, você já tinha decidido: me queria para você!

E chegamos em casa, a nossa casa!

Cachorro deitado na sala

Eu estava assustado, chegamos em casa e eu não conhecia nada, não sabia como me comportar, assim preferi ficar atrás de seus pés e seguir seus passos. Não queria fazer nada de errado agora que, finalmente, eu tinha encontrado alguém. 

Você falava comigo docemente enquanto sussurrava meu nome, me ensinou onde comer e onde dormir, me comprou tudo o que eu precisaria… você estava me esperando! E fazia tempo que eu também estava te esperando.

Passaram os dias e seu amor e carinho me fizeram te amar, me sentir bem em nosso lar. O que eu poderia te dizer agora que meus dias estão terminando? Você cuidou de mim, me amou e se deixou amar por mim, era disso o que eu mais precisava.

Não posso me esquecer dos dias em que você chegava cansada do trabalho e sempre sorria para mim, me levava para passear e brincava comigo, me fazia receitas deliciosas, me abraçava quando eu estava doente, são muitas as lembranças boas. Não importa para onde eu vá ou onde você esteja, jamais poderei te esquecer e nunca terei palavras suficientes para te dar obrigado e te dizer o quanto eu te amo.

E agora que estou partindo, não fique triste e dê todo o amor que me deu para um novo cãozinho, para que quando os dias dele terminarem, que ele parta tão feliz como eu estou partindo. Termino essa carta dizendo obrigado e até logo.