Cat-café: uma cafeteria onde você pode se cercar de gatos

Cat-café

Faz uns dois anos que começou a ser aberto na Espanha um novo tipo de negócio chamado Cat-café. Já lhe falamos em uma outra ocasião sobre o “Espai de Gats”, um café inaugurado em Barcelona e que já conta com uma filial em Madrid. Falaremos mais sobre estes locais e sobre o que se pode fazer neles. Se você for amante dos gatos, não perca!

O que é um Cat-café

Gato e caneca de café

Autor: Espai de gats

Um Cat-café é um lugar para tomar café com gatos. Não pense que este é um lugar para você levar o seu gato, não, é um lugar onde você poder ir e ficar cercado por gatos.

Você poderá beber algo, seja um café ou qualquer outra bebida, poderá se conectar a uma rede Wi-fi, trabalhar com seu laptop, ler o jornal ou fazer o que mais gosta para se distrair. Tudo isso com uma boa e suave música de fundo.

Quando você entrar em um cat-café não irá mais querer sair, disso estamos certos. Os gatos têm feito com que estes lugares se tornem ainda mais acolhedores. 

Mas por que gatos em uma cafeteria?

Além de querer que os amantes de gatos se cerquem de seu animal preferido enquanto tomam a bebida que mais gostam, o fato dos felinos estarem por todo o local tem uma finalidade solidária.

Estes gatos provêm de associações protetoras e são animais que procuram um dono e que por algum motivo ainda não encontraram. Este tipo de local oferece uma oportunidade para aqueles que amam os bichanos de irem diariamente ao encontro deles, conhecer a personalidade desses bichinhos e descobrir se há um felino que se adequa às suas necessidades.

Possivelmente essa pessoa já tenha outro gato e quer adotar mais um, ou talvez não tenha nenhum, mas gostaria de ter. Em um Cat-café você tem a oportunidade de poder conhecer bem a um felino e poder tomar uma decisão apoiada nos sentimentos que desperta cada um, antes de tomar a decisão de adotá-lo.

É possível brincar com eles, acariciá-los, colocá-los no colo, dar de comer… O único risco é que você se apaixone por um deles.

De onde surgiu a ideia?

Isto não é muito claro, mas o que sabemos é que há diferentes Cat-cafés ao redor do mundo: Taiwan, Londres, Paris, Budapeste, Japão e outros.

Parece que o de Taiwan foi o primeiro a ser inaugurado em 1998, pelo menos é o primeiro de que se tem notícia.

Sem dúvida é uma excelente iniciativa para dar um lar aos gatos mais desfavorecidos e esperamos que, muito em breve, essa brilhante ideia seja implantada em todos os países do mundo.

Gatos

Neste momento, na Espanha, por exemplo, já há dois: A “Gatoteca” em Madrid e o “Espai de Cats” em Barcelona. Se você visitar umas destas duas cidades não poderá deixar de entrar em um destes dois Cat-cafés, seja você um amante de gatos ou não, a curiosidade terá que ser saciada.

Por exemplo, na Gatoteca, em Madrid, pede-se uma colaboração de 5 euros pela entrada e isso inclui consumação. Não é nada ruim, levando em conta que esse dinheiro será destinado a alimentação, atenção veterinária e aos cuidados dos gatos que vivem no café à espera de serem adotados.

O “Espai de Gats” é um local que abriu suas portas há apenas dois meses e que foi criado por duas amigas que se conheceram em suas viagens ao redor do mundo.

É uma excelente notícia saber que há empreendedores que se atrevem a fazer algo diferente, algo que ajuda aos animais mais desfavorecidos. Uma boa nova para aqueles que amam os animais.

E se você gosta mais dos cães, é provável que esteja se perguntando quando um lugar igual a esse, só que para os cães, será inaugurado? Quem sabe em breve! O mundo está cheio de empreendedores.