Comida comercial ou feita em casa: qual é melhor?

Comida para nossos animais de estimação

Este é um tema que causa dúvidas em muitas pessoas, e a resposta não é necessariamente óbvia ou simples. E assim continuamos no debate: comida comercial ou feita em casa? Qual delas é melhor para os nossos queridos animais de estimação?

Comida pré-fabricada versus comida caseira

Cachorro olhando comida

Mesmo sem considerar os interesses comerciais dos grandes fabricantes de alimentos enlatados e rações, e há muitos deles, as posições sobre a forma mais correta de proporcionar uma dieta adequada aos animais de estimação são muitas.

Todas as partes apresentam seus argumentos bem definidos a favor e contra. Nestas circunstâncias, sempre o senso comum indica que as verdades absolutas costumam não existir.

Por isso, o ideal seria que você se informasse a respeito do tema, consultando diferentes especialistas e tirando as suas próprias conclusões sobre a melhor forma de alimentar o seu animal de estimação.

Independentemente de dar comida comercial ou feita em casa para o seu animal de estimação, o importante é que a mesma contenha ingredientes de qualidade e cubra as suas necessidades nutricionais em cada etapa de sua vida.

A realidade do cotidiano costuma resolver o dilema entre comida comercial ou feita em casa

Suponha que alguém sempre quer dar o melhor alimento possível ao seu animal e que uma comida caseira, certamente, é a melhor opção para ele.

Mas a realidade às vezes mostra que não temos tempo nem de cozinhar para nós mesmos ou para a nossa família humana.

Assim, nosso animal de estimação termina se alimentando de ração. E nós comemos rapidamente em um local de fast food ou uma refeição congelada.

Qual é a maneira mais adequada de alimentar o seu animal de estimação?

Seja qual for a comida que você escolher para o seu amigo de quatro patas, o importante é que a mesma contenha ingredientes de qualidade e cubra as suas necessidades nutricionais em relação a:

  • Tamanho
  • Idade
  • Condições físicas
  • Características de cada raça

O que argumentam os defensores da comida comercial?

Os defensores da comida comercial indicam que com este tipo de alimentação cobrimos todas as necessidades nutricionais dos animais de estimação e que, por este motivo, não é preciso complementar a sua dieta com outro tipo de alimento.

Para sustentar esta afirmação, eles se baseiam no fato de que as rações oferecem os elementos indispensáveis em quantidades adequadas, algo que não é fácil de alcançar quando preparamos uma comida caseira.

Além disso, eles insistem em dizer que se dermos outro tipo de alimento aos animais, além da ração, poderemos acabar desequilibrando a sua dieta.

O que dizem os que preferem a alimentação natural?

Os partidários da comida caseira, por outro lado, afirmam que os alimentos pré-fabricados não alimentam corretamente os animais de estimação. Eles explicam que a maioria das rações contém uma quantidade de cereais em sua composição, e estes não deveriam fazer parte da dieta natural de animais carnívoros como os cães e os gatos.

Os mais puristas insistem que os animais devem consumir alimentos crus, pois é isso que eles comeriam em seu estado e habitat natural.

Recomendações para cozinhar para seu amigo de quatro patas

Se a opção escolhida é fazer a comida do seu animal de estimação, lembre-se de que a ideia não é que ele se alimente com o que sobrar do seu almoço ou jantar. Tenha em mente que as necessidades nutricionais de um cão ou gato são muito diferentes das de uma pessoa.

Por isso, você deve elaborar as suas refeições e montar a sua dieta com consciência, para proporcionar a ele os alimentos que ofereçam o necessário para cada etapa de sua vida.

É importante, então, consultar um especialista no tema para que ele possa guiá-lo por este caminho.

Conselhos na hora de dar comida comercial ao seu animal de estimação

Alimentação caseira para animais de estimação

O caso de que você alimente seu amigo peludo com ração, leve em conta os seguintes pontos:

  • Selecione produtos que indiquem que não usam cereais.
  • Escolha rações de qualidade, para evitar problemas de saúde por causa de uma alimentação deficiente.
  • Mantenha o alimento em um lugar fresco e seco, e em um recipiente bem fechado.

Em busca de equilíbrio

Assim, você já sabe, independentemente da forma como você escolher alimentar seu cão ou seu gato, o importante é proporcionar a ele a dieta adequada de acordo com as suas características.

Se você não pode cozinhar para ele e para você diariamente, faça-o de vez em quando e prepare um prato delicioso para você e outro para ele.

Seu animal certamente irá agradecer.