Como agir se o seu cão se perder

O que fazer se um cão se perder?

Se o seu cão se perder, você deve tentar manter a calma e agir com rapidez. Ainda que você costume tomar todos os cuidados necessários para que isso não ocorra, seu animal de estimação pode aproveitar um mínimo descuido de sua parte e sair correndo com destino incerto, talvez atrás de uma fêmea no cio ou atrás de qualquer coisa que tenha chamado a atenção dele.

O que você deve fazer se o seu cão se perder

Leve em conta que, quando um cão se perde, há uma série de ações para se implementar.

Se seu peludo tem um chip de identificação – deveria tê-lo – a primeira que você tem que fazer é denunciar o seu desaparecimento.

Avise ao veterinário. Peça a ele para que controle o banco de dados que compartilha com outros profissionais e que faça circular a informação sobre a perda. As clínicas veterinárias que trabalham com a implantação do microchip têm acesso ao banco de dados dos animais.

Se seu amigo peludo possuir uma coleira com uma placa que o identifique, é provável que se alguma pessoa o encontrar, ela comunique a você.

Alguns conselhos para procurar um cão perdido

Cão de rua

  • Peça ajuda aos seus familiares e amigos para que participem nas diferentes tarefas de busca.
  • Uma pessoa deve ficar sempre em casa, para caso o cão encontre o caminho de volta. Além disso, você deverá atender sempre ao telefone, já que alguém que tenha encontrado o animal poderá ligar.
  • Percorra várias vezes a área onde ele se perdeu e os caminhos habituais utilizados para os passeios e chame-o de forma carinhosa. Se ele escutar você, deverá ficar claro que você não está bravo com ele.
  • Se seu pet tiver algum brinquedo preferido que produza algum tipo de som, leve-o com você e faça que soe, como mais uma forma de atrai-lo.
  • Tente não utilizar as linhas telefônicas cujo os números estão na identificação da coleira e do microchip, para que não corram o risco de perder a ligação de alguém que possa ter encontrado o animal.
  • Procure nas associações de proteção aos animais, clínicas veterinárias, no canil municipal e em qualquer lugar que considere que poderá recolher e abrigar um cão perdido ou ferido (tenha em mente que, lamentavelmente, seu cão pode ter sofrido um acidente).
  • Não se esqueça de deixar seus dados e a descrição de seu cão em cada lugar que chame atenção.

Como espalhar a informação sobre o seu animal perdido

  • Utilize as redes sociais para comunicar que seu cão se perdeu e peça aos seus contatos que ajudem você na tarefa de espalhar esta informação pela internet.
  • Inclua também os dados de seu cão em lugares da internet que reúnam anúncios de animais perdidos e em diferentes locais.
  • Também, você pode publicar anúncios em jornais locais e pedir às emissoras de rádio e de televisão de seu bairro ou cidade que transmitam a mensagem.
  • Faça cartazes com a foto de seu cão e os dados de contato e os distribua em todos os lugares possíveis: comércios, clínicas veterinárias, praças, paredes, postes, pontos de ônibus, etc.
  • Também entregue esta informação às pessoas que circulam pelas imediações de onde o animal se perdeu.
  • Se você, nos diferentes anúncios, estiver oferecendo algum tipo de recompensa, é preferível que não indique de quanto é. É deplorável, mas, algumas pessoas se dedicam a lucrar com estas situações e, se a cifra lhes parecer modesta, nem sequer avisarão você.

O contrário também, se considerarem que a gratificação é importante, podem tentar vender o seu peludo porque pensarão que é um cão caro.

Não se desespere

Cão comendo no chão

Não perca nunca a esperança e nem se dê por vencido. São frequentes as notícias de cães perdidos que cedo ou tarde acabam encontrando o caminho de volta.

Não deixe de procurá-lo e nem de chamá-lo. Onde quer que ele se encontre, é certo que ele perceberá o seu amor e fará todo o possível para reencontrar com você.

Então:

  • Verifique com frequência os lugares onde publicou os anúncios da perda. Considere a possibilidade de que alguém possa ter encontrado o seu peludo e publicar um anúncio sem ver o seu.
  • Amplie o perímetro de busca o máximo possível e renove os cartazes e os avisos de busca.

E, quando, por fim, o seu cão retornar ao lar, não se esqueça de tirar os cartazes e os diferentes anúncios sobre seu desaparecimento. Assim a energia das boas pessoas se centrará nos animais que continuam perdidos.