Como calcular a idade dos cães em anos humanos

É de conhecimento comum que os cães envelhecem mais rápido do que as pessoas. Existe a crença popular de que os cães envelhecem sete anos por cada ano natural de uma pessoa. Entretanto, esse modelo é incorreto. Na verdade, a determinação da idade exata de um cão em particular é muito mais complexa, já que ela varia de acordo ao peso, raça, e o estado de saúde do animal.

Além disso, o envelhecimento canino é muito mais rápido durante os dois primeiros anos de vida de um cão, com relação aos primeiros quatorze anos de vida de um ser humano. Como resultado, para muitas raças, o primeiro ano de vida de um cão é igual a perto de 14 a 15 anos humanos.

Tamanho e raça

idade-cao-2

O tamanho e a raça também influenciam na velocidade em que um cão envelhece. Embora os cães menores tendam a viver mais do que os cães maiores, eles podem amadurecer mais rapidamente nos primeiros anos de vida.

Um cão grande pode amadurecer mais lentamente no começo e pode ser considerado ancião aos cinco anos de vida.

As raças pequenas não se tornam adultas até aproximadamente seus 10 anos, enquanto que as raças de tamanho mediano encontram-se em termos médios tanto de amadurecimento quanto de vida útil.

Por outro lado, por exemplo, a esperança de vida de um Buldogue é estimada em aproximadamente 7 anos, e um Grande Dinamarquês vive até os 8 anos e meio, em média, enquanto que um Poodle Toy tem uma vida útil de aproximadamente 15 anos.

Portanto, a raça faz uma enorme diferença no número de anos que um cão pode viver.

A mistura de raças tende a viver mais tempo, devido a uma maior diversidade genética, enquanto que algumas raças puras são propensas a contrair diversas doenças.

Como determinar a idade de um cão

idade-cao-3

Se você adotou um filhote ou um cão, mas não sabe a história de seu animal, como sua data de nascimento, por exemplo, ainda é possível estimar sua idade.

Por exemplo, os dentes podem dar uma indicação aproximada da idade que ele tem, seja pelo seu grau de crescimento ou pelo grau de tártaro e desgaste que podem apresentar.

Algumas pautas gerais:

Nas 8 semanas: todos os dentes de leite estão presentes.
Aos 7 meses: todos os dentes permanentes estão presentes e são de cor branca e limpa.
1 ou 2 anos: os dentes são mais apagados e os dentes posteriores podem ter alguma cor amarelada.
Entre os 3-5 anos: todos os dentes podem ter acumulação de tártaro e algumas peças dentais podem apresentar certo desgaste.                                                                                                                                                                                           Entre os 5-10 anos: os dentes mostram mais desgaste e sinais de doenças.                                                                       Entre os 10 a 15 anos: os dentes estão desgastados, e é provável que exista grande acumulação de tártaro e alguns dentes faltantes.

Seu veterinário também pode calcular a idade do  seu cão sobre a base de um exame completo físico ou provas que procuram nos ossos, articulações, músculos e órgãos internos.

Nos cães de idade avançada, os sinais de envelhecimento podem aparecer em uma variedade de maneiras, incluindo um aspecto turvo nos olhos, o embranquecimento do pelo, especialmente, em um primeiro momento, ao redor da boca e que depois se estende para outras zonas da cara, cabeça e  corpo.

O cão também pode apresentar menor rigidez e elasticidade na pele.

Outro indício que permite determinar a idade de seu animal é uma doença que se denomina esclerose lenticular. Geralmente, ele começa entre os seis e oito anos de idade, dependendo do tamanho e da raça.

É possível distinguir o início precoce dessa doença pelas linhas finas que aparecem através dos olhos. Depois de oito anos de idade podem mostrar um tintura cinza, branca ou azulada leve. Essa doença não afeta a visão até que o cão fique muito velho.

A razão pela qual os cães podem chegar ao pleno amadurecimento sexual só depois de um ano de vida, é que nossos amigos caninos envelhecem mais rápido durante os dois primeiros anos de sua vida se comparados com os humanos.

Existe também uma fórmula genérica um pouco simplificada que muitos veterinários usam para determinar a idade de uma mascote: durante os primeiros dois anos de vida, cada ano de seu cão equivale a 10,5 anos de vida humana. Depois se contabilizam 4 anos por ano humano.