Como os cães veem

A resposta mais óbvia para essa pergunta é: com os olhos. Mas a resposta mais comum é: em preto e branco. Entretanto, recentemente, foi  descoberto que essa última resposta não é verdadeira. Os cães podem ver em cores, mas a gama que eles percebem é menor do que a dos humanos.

Você nunca percebeu que seu cão demora para encontrar algum brinquedo vermelho, ainda mais se ele estiver cansado na grama? Ou que ele não presta atenção à bola vermelha, mas sim a bola azul?
Isso é porque os cães têm dificuldades para perceber algumas cores que os humanos percebem sem problemas. Neste artigo explicamos a você como os cães veem.

O que é a visão, exatamente?

Como os cães veem?

O que se conhece como visão é o resultado de uma combinação de fatores que incluem: o campo visual (a “largura” da visão. Ou seja, o que se vê pela extremidade do olho), a percepção de profundidade (que é usada para medir distâncias. Sem isso, iríamos estar sempre batendo contra as paredes), a acuidade (a habilidade de focar e não ver as coisas de forma imprecisa), a percepção do movimento e a diferenciação da cor.

A combinação desses aspectos, processados pelo cérebro, é o que possibilita a visão.

No que é diferente a visão canina da humana?

O grau de visão periférica e a largura do campo visual são determinadas pela posição dos olhos na cabeça.

O campo visual de um cão é de 240º, enquanto que o dos humanos é de 200º, o que significa que sua visão é mais ampla que a de um ser humano.

Entretanto, a capacidade de visão periférica de um cão é aproximadamente a metade da de um humano, por isso ele mede pior as distâncias.

A acuidade visual (o foco) é o que, nas pessoas, mede-se com as “letrinhas” com as quais o oftalmologista faz seus exames. Essa capacidade, em um cão, é bastante menor que a de um ser humano.

Um cão distingue a 6 metros o que uma pessoa distingue a 25. Portanto, sua capacidade de ver à distância é muito baixa, então nunca espere que seu cão reconheça você, se você estiver há mais de 6 metros de distância.

Por outro lado, os cães sofreram uma evolução ótica própria dos animais caçadores. Isso quer dizer que eles possuem uma estrutura especial sob a retina, que funciona como um espelho e intensifica a quantidade de luz que o animal percebe.

Isso significa que eles têm uma excelente visão noturna e movem-se melhor na escuridão ou em situações com pouca luz.

Como funciona a percepção da cor nos cães?

Como funciona a percepção da cor nos cães?

A percepção da cor (em cães e em humanos), é determinada por fotorreceptores denominados cones, que se encontram na retina (na parte detrás do olho) e que são estimulados em condições de muita iluminação.

Enquanto que nos humanos a retina é formada exclusivamente por cones, nos cães só 20% da retina são cones, por isso sua visão só capta determinadas longitudes de ondas.

Isso implica que os humanos podem ver 3 cores primárias (magenta, ciano e amarelo) e todas suas combinações, enquanto que os cães só podem ver 2 cores primárias (ciano e amarelo), por isso o número de combinações reduz-se drasticamente e se perdem os vermelhos, laranjas, violetas, marrons…

De fato, foi comprovado que os cães confundem o vermelho e o verde, como os daltônicos, e portanto, eles têm dificuldades reconhecendo objetos de cor vermelha. Principalmente, se forem vermelhos sobre um fundo verde (ou verdes sobre um fundo vermelho).

Assim, quando for comprar brinquedos para seu cão, escolha os de cor azul ou amarelo para que eles possam  distingui-los melhor.