Como tratar a conjuntivite dos gatos

Se você tem gatos em casa, já deve ter percebido que, Às vezes, seu gato tem secreções oculares, isso indica que ele pode estar sofrendo de conjuntivite. Ela pode ser causada pelo frio, pela poeira, etc., é por isso que você tem que ter alguns cuidados se o seu gato sofre deste mal.

Há épocas do ano que são mais propícias para a conjuntivite aparecer, como o verão, e não só aparece em gatos, mas também em cães.

Você deve estar ciente disto caso seu animal de estimação venha a desenvolver vermelhidão nos olhos, muita remela ou lágrimas o tempo todo.

Portanto, neste artigo, o Meus Animais vai passar algumas dicas simples para tratar a conjuntivite em gatos e, especialmente, como detectá-la o mais cedo possível.

Sintomas de conjuntivite em gatos

gato-olhos

A conjuntivite em gatos é mais comum do que se pensa, ela não só aparece nas pessoas, mas também em nossos queridos animais de estimação.

O melhor, sempre, é a prevenção. E é por isso que você tem que estar ciente dos sintomas, para que você não fique sabendo da doença tarde demais.

A conjuntivite é causada por uma inflamação da membrana ocular, causando vermelhidão típica e produção excessiva de secreções. É produzida pelo pó, pólen ou mesmo por infecções bacterianas.

Como mencionado acima, o principal sintoma é a vermelhidão dos olhos, que a princípio é um pouco rosa e que, com o passar do tempo e se não nos dermos conta, o olho todo pode ser tomado por essa irritação.

Um sinal de que algo acontece nos olhos de seu gato, é se ele está constantemente coçando ou tocando os olhos acima do normal. Isso se deve porque alguma coisa o está incomodando.

Outros claros sintomas de conjuntivite são secreções que podem surgir nos olhos, e que podem ser de diferentes cores, como branca, amarela ou até mesmo verde.

Os lindos olhos de seu gato irão inchar e também lagrimejar constantemente, algo que vai ser muito chato para seu bichano.

Mas a conjuntivite de seu gato pode ser causada não só por fatores externos, mas também por um mau funcionamento interno, como uma infecção respiratória.

Se o seu gato sofre de conjuntivite, você deve tomar medidas e cuidados adequados, caso tenha outros animais de estimação, pois eles podem ser infectados.

Em um caso extremo, o seu gato também pode apresentar febre, dor, se for causada por uma infecção respiratória, ele pode ter tosse, espirros e até fechar completamente os olhos, algo a ser evitado a todo custo, levando-o mais rapidamente possível ao veterinário.

Como tratar a conjuntivite de seu gato

gato-doente

A primeira coisa que você tem a fazer é levar o seu gato ao veterinário para avaliar a situação, então ele irá diagnosticar a doença e as causas, pois assim é mais fácil prescrever a medicação para curar a conjuntivite.

Algo que você tem que considerar é que o seu gato não esfregue os olhos, e evite lugares onde tenha poeira ou vento.

É desejável, várias vezes ao dia, que você lave os olhos de seu gato com soro fisiológico, usando uma gaze, isto irá manter os olhos dele limpos.

Mas lembre-se de não usar algodão, pois os fiapos poderiam piorar a conjuntivite.

Se o seu gato ficou com os olhos inchados, você poderá usar alguns remédios caseiros, como a camomila.

Uma infusão desta erva, preparada como um chá, deve ser aplicada fria com uma gaze nos olhos de seu gato, isso vai aliviar a coceira e os olhos irão desinflamar.

Há também líquidos para banhos oculares, como colírios, para os gatos com problemas nos olhos, que são vendidos em lojas de animais e também em clínicas veterinárias.

São produtos muito eficazes e econômicos, eles contêm pH específico que respeita a individualidade de seu animal de estimação e ajuda a combater a conjuntivite.

É muito importante que seu gato esteja bem alimentado e que seu sistema imunológico seja fortalecido, assim seu animal de estimação estará forte para combater qualquer ataque de bactérias ou infecções.

Você pode consultar seu veterinário e dar suplementos vitamínicos para seu gato, mas não faça por conta própria, sempre consulte um profissional.