Como conseguir que seu cão emagreça

Como conseguir que seu cão emagreça

Fazer com que seu cão perca peso é uma tarefa mais fácil do que parece, ainda que muitas pessoas a transformem em algo bastante complicado.

Quando seu pequeno amigo de quatro patas sofre de obesidade, é de vital importância tomar certas medidas para reverter isso, já que não é um segredo para ninguém que os quilos a mais representam um sério inconveniente que pode gerar diversos problemas de saúde.

Se seu companheiro não está em forma e precisa perder peso, deixamos aqui algumas recomendações para que você possa conseguir fazer isso da maneira mais simples e eficiente possível.

Leve-o ao veterinário

Veterinária e cachorro

Evidentemente este será o primeiro passo a dar, já que desta maneira será possível determinar, com a ajuda de um especialista, tudo o que está relacionado à obesidade que seu cão sofre, como quantos quilos ele precisa perder, ou simplesmente quais são as opções mais recomendáveis para restabelecer o metabolismo do seu animal de estimação.

Estes dois aspectos têm uma grande importância, já que um vez que você os conheça, poderá dar início a um processo de emagrecimento do cão sem que isso prejudique a sua saúde, pois quando você faz com que ele emagreça de maneira incorreta, pode causar danos que, em algumas ocasiões, são irreversíveis.

Quando você estiver com o veterinário, não deixe de compartilhar com ele todas as suas preocupações e dúvidas para que assim não exista nenhum inconveniente quando começar a nova vida com o seu cão, já que definitivamente, para eliminar a obesidade, são necessárias mudanças importantes nas rotinas e costumes.

Estabeleça uma dieta saudável

Como poderíamos supor, uma dieta saudável é indispensável para fazer com que seu pequeno amigo de quatro patas possa perder peso, por isso é fundamental reduzir não apenas a quantidade de comida consumida, mas também as vezes em que ele se alimenta, caso sejam mais de três ocasiões por dia.

Além disso, é preciso eliminar da sua alimentação as guloseimas, já que elas são prejudiciais para a sua saúde por fazê-los engordar e aumentar os níveis de colesterol em seu sangue, por isso não dê uma quantidade grande, mesmo que seja uma recompensa para quando ele se comporta adequadamente.

Para evitar que isso se torne muito complicado para o seu animal, é fundamental substituir as guloseimas por alimentos que sejam melhores para a sua saúde, como os seguintes:

  • Manga
  • Brócolis
  • Maçãs
  • Cenoura
  • Aipo

Além disso, os biscoitos com poucas calorias também são recomendados, mas é indispensável comprovar constantemente se os alimentos que seu cão está consumindo são bons para a sua saúde.

Exercícios para emagrecer

Cachorro correndo

Se alguma vez você ouviu que os cães são muito parecidos com os humanos, tudo isso se torna mais verdadeiro do que nunca quando é preciso perder peso, já que assim como ocorre no nosso caso, a melhor solução de todas é fazer exercícios, já que a atividade física nos coloca em forma e elimina os quilos a mais.

Para fazer isso com seu companheiro, você deverá levá-lo para passear e começar a caminhar pouco a pouco no caso de que ele não esteja acostumado a esse tipo de atividade, por isso o mais recomendado é começar do zero para que lentamente possa ir aumentando o ritmo e as distâncias do exercício.

É importante que, quando comece a caminhar, você não o deixe se distrair com os objetos ou pessoas que encontrará pelo caminho, já que ao perder a concentração o pequeno pode parar o exercício e será muito difícil fazer com que ele retome o ritmo inicial.

Quando o cão não está acostumado a fazer exercícios, é importante que realize alguma atividade que represente pouco esforço antes de começar.

Uma que pode ser bastante eficaz é brincar de jogar uma bolinha para que ele a pegue e devolva. Assim, ele verá a atividade como um jogo e não ficará entediado nem perderá o interesse ao se exercitar.

Não se esqueça!

Cada cão é completamente diferente, e por isso se você deseja que seu animal de estimação emagreça, é fundamental levá-lo a um especialista a cada duas semanas, para que o mesmo possa determinar se tudo está bem.

Lembre-se de que ao ser seu dono e melhor amigo, é preciso ter paciência e tratá-lo como merece, já que por ser uma mudança drástica em sua vida, o melhor que você poderá fazer é dar a ele todo o carinho de que precisa.