Como conseguir que o seu cão pare de latir para tudo

latir para tudo

O latido é a forma que o nosso cão tem de se comunicar, em qualquer situação. Às vezes, para demonstrar alegria, e outras como um alerta para situações perigosas. Você sabe como conseguir que o seu cão pare de latir para tudo?

Para evitar que o seu cão lata para tudo, você deve primeiro conhecer as causas que provocam isso.

Situações que fazem o cão latir para tudo

Tais hábitos, se eles são muito fortes em um cão, não são fáceis de serem alterados. Primeiro, você deve ser muito paciente e compreensivo.

Estresse

Nosso cão tem necessidades básicas para além dos alimentos. A companhia, suas caminhadas diárias, espaço suficiente em casa, e muitas outras. Se alguma das suas necessidades básicas não estão sendo atendidas, talvez o nosso cão esteja tentando libertar o estresse acumulado.

Em situações de estresse muito extremas, maus-tratos, solidão excessiva, pouco espaço ou frustração, ele pode usar o latir como seu único meio de escape e, assim, expressar a sua tensão.

Muita solidão

cao-latindo

O cão é um animal social. E tem a necessidade de interagir constantemente com o seu ambiente, já que são animais muito ativos.

Se ele vivesse em liberdade na natureza, tal cão ficaria com seus congêneres 24 horas por dia e sempre teria alguém para olhar, interagir e brincar.

Se ficamos muito tempo longe de casa, possivelmente, a solução ideal seria buscar um companheiro para o nosso amigo.

Ansiedade de separação

Este problema está relacionado com o de cima, solidão. Se o seu animal é deixado sozinho em casa sem controle ou supervisão, é possível que ele canalize sua ansiedade de separação mordendo móveis ou latindo.

Nesses casos, a solução é tratar essa ansiedade contribuindo para o bem-estar, tranquilidade e conforto do cão.

Dificuldades de socialização

Mesmo os cães que estão constantemente entretidos, por vezes, podem latir para objetos concretos, veículos e pessoas. Isso pode acontecer, entre outras coisas, porque eles não desenvolveram desde filhotes a capacidade de se socializarem. Podem ainda temer estímulos da vida diária, ruídos, crianças, bicicletas, etc. É necessário tratar o problema com um profissional.

Excitação excessiva

Há cães muito brincalhões e excitáveis, especialmente se eles são filhotes e não conseguem parar de latir diante de alguns estímulos. Geralmente isso acontece quando brincam com outros animais, descobrem coisas novas, quando fazem algo que eles gostam, pois tudo isso os deixa animados e emocionados. Esta emoção também pode levá-los a fazer suas necessidades sem controle.

Nesses casos, é melhor recompensar as atitudes de “calma” no animal e evitar repreendê-lo por algo que ele faz voluntariamente.

Evite coisas que frustram

Há algumas atitudes e algumas brincadeiras que podem frustrar o cão. Por exemplo, brincar com laser – luzes que eles perseguirão, mas que nunca irão apanhar, isso pode parecer engraçado para nós. Mas o animal se sente frustrado e isso pode afetar sua personalidade.

Problemas de saúde, ansiedade, velhice e até mesmo a surdez

Alguns cães, com o passar da idade, perdem a audição ou a acuidade visual. Isso pode fazer com que eles venham a latir muito na velhice.

Estes animais precisam de cuidados especiais e conforto, devido à sua condição. Você precisa ser compreensivo e respeitoso com o cão idoso.

Medos

Experiências difíceis e traumáticas podem gerar medos em relação a outros cães, pessoas e objetos. É importante lidar com esses casos com paciência e entender que o animal está latindo apenas para se proteger daquilo que ele considera “perigoso”.

Alguns truques para evitar que o cão pare de latir para tudo

beagle-latindo

Para que o nosso amigo pare de latir para tudo, há algumas dicas que você pode considerar:

  • Temos que aumentar o relaxamento ou nível de tranquilidade do animalem casa e no exterior. Carícias, massagens e prêmios são excelentes incentivos.
  • Não o repreender quando ele estiver latindo. Com este comportamento, a única coisa que você irá obter é a piora do problema.
  • Cães que tendem a latir para tudo precisam de exercícios físicos. Nenhum treinamento excessivo, mas um exercício contínuo e moderado.
  • Se o cão late na rua quando cruza com outro de sua espécie, o ideal é tentar não puxar a coleira (já que ele irá notar a tensão), continue a caminhar como se nada tivesse acontecido.
  • Mantenha uma atitude calma e firme para que o cão a note também. Faça tudo sempre visando a segurança e o bem-estar de seu pet.