Conselhos para fotografar o seu animal de estimação

Dicas para fotografar seu pet

Todos queremos conservar lembranças dos momentos, pessoas ou animais importantes em nossas vidas. É por isso que aprender a tirar as melhores fotografias é uma grande ideia. Assim, lhe daremos alguns breves conselhos para fotografar o seu animal de estimação.

Isto nem sempre é um trabalho fácil, pois os animais costumam se mover muito, nem é necessário falar sobre os olhos vermelhos que fazem com que as nossas melhores lembranças pareçam terem sido tiradas na noite dos mortos vivos. Assim, fique atento às seguintes recomendações!

Coloque-se na altura dele

Se você não quiser que o seu animal de estimação pareça um Hobbit ou que você tenha que carregá-lo em seu colo, o que fará com que ele pareça incômodo na foto, ajoelhe-se para ficar no mesmo nível de seu bichinho. Você pode, inclusive, se arrastar pelo chão com os seus cães ou com o seu gato; isso fará com que a imagem tenha melhor perspectiva e assim poderá captar o seu animal de estimação a partir de sua própria altura, tal como ele vê o mundo.

Utilize a luz natural para fotografar

A menos que queira que a foto de seu animal de estimação pareça ter sido tirada no “cemitério dos animais de estimação”, utilize uma fonte de luz natural (luz solar) ao fotografar o seu pet. 

Todos nós, alguma vez, já tiramos fotos com os nossos animais de estimação e seus olhos saíram com uma cor vermelha e assustadora. Isso se deve ao uso do flash, que além disso poderá assustar o seu animal de estimação, e assim você não conseguira uma foto ideal. Em caso de uma foto noturna, tente uma fonte de luz artificial, como um abajur com luz branca.

Cachorro pulando no sol

Mostre sua personalidade

Uma maneira de obter uma foto que poderia ser capa da National Geographic é centrando-se na exibição da verdadeira personalidade de seu animal de estimação, sua verdadeira natureza.

Se ele adora brincar com a bola, tente retratar isso, seja o seu animal de estimação ativo ou não, a personalidade é o que dá esse “plus” às imagens, que fazem com que elas saiam maravilhosas.

Tire fotos “em movimento”

Se você possui uma câmera profissional, semi-profissional ou com um dispositivo com esta opção, isto será ideal para fotografar o seu animal de estimação.

Os animais se movem muito, e isso permite tirar muitas imagens em microsegundos. Assim, além da sensação de movimento, terá mais oportunidades de ter obtido, pelo menos, uma boa foto.

Use o horário de seu pet a seu favor

Ninguém conhece seu animal de estimação melhor que você; use isso para tirar a melhor foto possível. Por exemplo, se souber que o seu cão enlouquece de alegria em um horário específico, por exemplo, com à chegada de seus filhos da escola, prepare a câmera para captar esse momento.

Busque as coisas que você mais gosta de seu companheiro peludo, para que sejam precisamente essas as que possa conservar para o futuro, seja um gesto ou alguma particularidade; essas são as coisas que os fazem únicos e são as que você gostará de ver quando ele já não estiver mais aqui.

Cachorro brincando

Utilize brinquedos

Conseguir captar a atenção de seu cão ou gato pode ser uma missão impossível, tente com uma pluma e uma corda, ou um brinquedo sonoro. Estes são utilizados para chamar a atenção do animal e obter uma foto mais facilmente, mas não seja mau, assim que conseguir o que quer, recompense-o com uma boa sessão de brincadeiras.

Respeite o seu animal de estimação

Uma boa foto não é aquela que o animal se vê incomodado, está colocado em uma situação perigosa ou não se sente à vontade. Respeite os horários e os espaços de seu pet, dessa maneira você poderá ter uma relação melhor com seu animal de estimação.

Muitas vezes, para parecermos engraçados, colocamos os nossos animais em situações que podem não ser as melhores, como colocar neles coisas ridículas que eles não estão acostumados, objetos pesados, entre outras coisas.

Não seja teimoso, pense o que você sentiria se submetem a você a um determinado tipo de tratamento, se a resposta for que você não gostaria, então não faça o seu animal de estimação passar pelo mesmo.