As cores dos gatos e seus significados

Uma das principais características dos gatos é a incrível variedade de cores disponíveis. É comum encontrar gatos de diversas cores dentro da mesma ninhada, sejam os gatos mestiços ou não. Leia a seguir sobre as cores dos gatos e seus significados, padrões e cores mais comuns.

Antes de prosseguirmos, note que as cores dos gatos não correspondem a uma raça, as raças são determinadas por características estruturais e genéticas, determinadas por um padrão. As cores dos gatos são definidas por uma condição genética de suas cores principais, vermelha ou preta.

É por isso que certos padrões são pré estabelecidos, mas isso não determina que todos os gatos da mesma cor pertençam a mesma raça, por exemplo, nem todos os gatos cinzas são azuis russos.

Os padrões mais comuns

Malhado

Esta é, provavelmente, a pelagem mais disseminada pelo mundo. Ela está diretamente relacionada com gatos selvagens e pode ser encontrada nos grandes felinos, como leões e linces. Esta pelagem apresenta uma característica especial, ela cria um padrão que pode ser listrado, como o Maine Coon, claro como o Gato de Bengala, ou pintado como o Ashera, que tem como principais cores o cinza e o laranja.

É provável que este padrão tenha se desenvolvido a partir do ancestral mais antigo, o gato selvagem Felis lybica do Oriente Médio. A pelagem deste gato era acinzentada, mesclada de diferentes tons de cinza, o que o ajudou a criar uma cor desigual como camuflagem.

A pelagem dos gatos que têm esta característica normalmente tem três tipos de cores em cada pelo, e é da mistura de cada um destes pelos que se tem a impressão de que são rajados.

Três cores

Saiba o significado das cores dos gatos

Também conhecidos como gatos calicós, em sua grande maioria fêmeas, já que os machos nascidos nesta raça normalmente são estéreis. O mais comum nas cores dos gatos desta raça são uma túnica branca com manchas vermelhas e pretas.

Essa combinação de cores é definida pela cor laranja, ligada ao cromossomo X, esta também é a razão pela qual quase todas as crias nascem fêmeas.

Uma curiosidade sobre esta raça é que ela é considerada auspiciosa, pois atrai fortuna e boa sorte. Nos Estados Unidos é conhecida como gato do dinheiro, enquanto no Japão é reconhecida pela figura do Maneki Neko, ou o gato que acena, é comumente tido como protetor dos negócios por atrair prosperidade.

Casco de tartaruga

Os gatos com esta característica, assim como os gatos calicós, em sua grande maioria são fêmeas. Entretanto, suas pelagens são uma mistura de preto, laranja e creme, formando uma cor semelhante a cor do casco da tartaruga (de onde surgiu o nome da raça), também diferente do padrão dos gatos tricolores, está raça tem pouco ou nenhum branco na pelagem.

Costuma-se dizer que gatos com este tipo de pelagem são especialmente vocálicos, gostam de receber atenção, são independentes e muito ciumentos com seus donos.

Genes dominantes

Saiba o porque das cores dos gatos

Os genes dominantes nas cores das pelagens dos gatos são os do preto e do vermelho, todas as outras cores correspondem a genes modificantes que derivam das mesmas. Assim, o vermelho, em menor concentração, resulta em creme, o preto, em uma concentração inferior, pode variar de cinza (ou azul), chocolate, canela ou beje.

Gatos brancos

Gatos com pelagem completamente branca tem a presença do cromossomo W, que mascara as outras cores, tornando-os brancos. Curiosamente, este cromossomo também trás a informação genética de olhos azuis e surdez, portanto, muitos gatos brancos e de olhos azuis são surdos de nascimento.

Dependendo da tonalidade da cor dos olhos, que pode variar entre verde, amarelo ou azul, pode-se determinar o nível de surdez.

As cores mais comuns dos gatos são o preto, o vermelho, o branco, o cinza ou azul e o creme.