Corrigindo a agressividade dos cães

A agressividade nos cães é algo normal, por serem animais que vivem em grupos, onde sempre existe uma hierarquia, os animais lutam entre si para poderem manter a posição dentro da matilha.

Mas, às vezes, essa característica de sua personalidade extrapola e dá origem a um cão que pode ser perigoso, para ele mesmo, para outros animais e, principalmente, para as pessoas.

Se seu cão tem este problema, tome nota dos conselhos que você verá neste artigo.

Razões para o comportamento agressivo dos cães

Por que eles são agressivos?

Especialistas apontam para duas razões principais que podem tornar um cão muito agressivo:

  • Medo de perder sua posição de dominância; com ambos, pessoas e outros animais. A agressividade poderá ocorrer com os seus donos se o animal achar que eles estão tentando dominá-lo. O mesmo ocorre para com os estranhos.

Por exemplo, se um estranho tentar invadir o seu território, o cão vai querer proteger o que ele considera dele, incluindo as pessoas.

  • Medo de que o machuquem. Em outras ocasiões, o animal sente medo de que alguém tente lhe fazer mal. Às vezes, o medo pode ser percebido quando ele joga as orelhas para trás, porém alguns animais não fazem qualquer gesto que indique medo.

Observe que ambas as causas podem ser infundadas ou não. Em muitos casos, os animais se sentem ameaçados por seus donos, familiares e amigos do dono.

Por essa razão, nunca poderá ser descartada a possibilidade de que os cães agressivos poderão causar danos as pessoas que, ainda que eles se relacionem bem com elas, pode ser que, um dia, eles as percebem como uma ameaça para ele.

Dicas para corrigir a agressividade dos cães

Corrigindo a agressividade

Agir rapidamente. A agressividade dos cães não é uma questão que nós devemos tratar levemente. Dependendo do tamanho do animal, poderá acontecer coisas as quais nós iremos nos arrepender mais tarde.

Então, para que isso não aconteça, aja rapidamente. O que pode ser muito útil é encontrar um bom treinador, já que eles empregam técnicas especiais que ajudam a acabar com a agressividade dos cães.

Não estresse o cão. Enquanto você reeduca o seu animal, é essencial que ele não seja exposto a situações que causem nervosismo.

Com certeza, você, melhor do que ninguém, é capaz de discernir o que altera o comportamento de seu animal de estimação, pode ser o barulho, crianças ou até mesmo outros cães. Tome medidas para que ele não perca o controle.

Origem da agressividade. Às vezes, a agressividade dos cães tem uma origem que, uma vez que a identifiquemos, será possível excluí-la e, em seguida, corrigir o problema.

Por exemplo, o animal pode estar passando por algum tipo de doença que pode causar dor ou desconforto e, a sua maneira de expressar o que acontece, é tendo um comportamento agressivo.

Por esta razão, seria conveniente que, quando você notar esse comportamento, leve o animal ao veterinário,para que ele possa avaliar a situação.

Esterilização. Em muitos casos, será conveniente castrar o animal a fim de corrigir o problema. Nos casos em que a necessidade de satisfazer seus desejos sexuais leva ao comportamento agressivo, poderá ser uma boa medida a ser tomada.

Claro, seu veterinário será quem melhor poderá avaliar a situação e considerar se é a melhor opção.

Agressão provoca agressão. Há donos que pensam que a melhor maneira de controlar a agressividade dos cães é através do castigo corporal. Grande erro, violência sempre gera violência, então se nós empregarmos este método o que teremos em retorno será um aumento do problema.

Negociação. É claro que o nosso relacionamento com os animais de estimação é de troca, o que não se deve esquecer é que estamos lidando com animais.

Então quando, por exemplo, tirarmos algo que não pertence a eles, mas com o qual eles estabeleceram uma relação de apego, não devemos tirar sem mais, é melhor trocá-lo por algo que também seja atraente para o animal. Dessa forma é possível reduzir a agressividade dos cães.

Cuidado com as brincadeiras. Às vezes acontece dos donos que estão reclamando do comportamento de seus cães, serem aqueles que estão despertando a agressividade nos mesmos. Isso pode ser feito em certas brincadeiras que incentivam seus erros, então o melhor é evitá-las.

Precaução. A agressividade dos cães pode ser corrigida, mas o mais importante é que, enquanto eles continuarem manifestando tal comportamento, evitemos expô-los a situações de perigo que poderiam causar danos.

Então muito cuidado, especialmente com as crianças, não só porque elas deixam o nosso animal de estimação nervosos, mas acima de tudo, porque elas são a coisa mais valiosa que nós temos.

Ter um animal agressivo pode ser muito frustrante, mas antes de tomar outras medidas, tente corrigir o problema. Com paciência e ajuda profissional, com certeza você conseguirá.