Dicas para economizar com o seu animal de estimação

Em tempos de “vacas magras” temos que utilizar toda a nossa criatividade para resistir à tempestade econômica. Se você tem animais de estimação, você sabe bem que mantê-los implica um custo fixo permanente, além das emergências veterinárias que possam vir a surgir. Portanto, quando o seu orçamento encolher, algo que você tem que considerar, é o ajuste necessário de suas contas.

Obviamente, tudo depende do tamanho e do número de animais de estimação que você tem em sua casa. Um peixe não é o mesmo que um São Bernardo, é claro.

A questão, então, passa a ser gastar menos sem implicar em uma menor qualidade de vida para você e sua família, incluindo os animais.

Algumas ideias para economizar com o seu animal de estimação

Economizando com os animais de estimação

Não se trata de fazer mágica, mas sim de buscar algumas alternativas para o assunto e tentar poupar algum dinheiro.

Os “cachorreiros” e, também, os “gateiros” de plantão, sabem que uma alimentação equilibrada e saudável não é exatamente barata. Mas eles também sabem que dar aos seus animais uma ração de menor qualidade não é a melhor opção para reduzir os custos.

Você coloca em risco a saúde do seu animal e vai acabar gastando mais do que o esperado com o veterinário. Como dizem: “o barato sai caro”. Este é um bom exemplo para aplicar a esta frase.

Também não se deve dar comida caseira, porque vai ser difícil garantir que todos os nutrientes que o seu cão ou gato precisam, estejam incluídos de forma equilibrada na alimentação.

No entanto, existem outras formas de poupar neste assunto particularmente sensível para o seu bolso:

  • Escolha comprar sacos grandes de ração para baratear o preço do quilograma. Cuidado, você deve manter os pacotes de ração em um local fresco e seco. Você também pode utilizar recipientes apropriados para armazenar e manter a ração fresca e com qualidade.
  • Você poderá se juntar com outros amigos e vizinhos que também possuem cães e gatos e fazer uma compra maior.
  • Sempre pesquise os preços antes de comprar. Você irá se surpreender com as diferenças notáveis ​​do mesmo produto de um comércio para outro.
  • Procure pelas marcas com a melhor relação custo / benefício, seguindo as orientações de seu veterinário.
  • Aproveite as ofertas e promoções.

Outras opções para reduzir os custos

Economizar com saúde?

A saúde é uma outra categoria em que você não poderá economizar com o seu animal de estimação.

Consultas periódicas, vacinações ou vermifugações são questões que não devem ser deixadas de fora e não são particularmente econômicas. No entanto, também há opções para reduzir suas despesas nesta área:

  • Alguns veterinários oferecem uma taxa fixa que cobre vacinas e consultas, incluindo descontos em medicamentos, transporte e outros benefícios.
  • Considere também a possibilidade de cuidar de seu animal de estimação em um hospital veterinário de caráter público. Nesses locais, os alunos fazem as práticas de pronto atendimento e são orientados por seus professores. Os preços dos serviços, quando pagos, são consideravelmente menores.
  • Descubra quais as vacinas são absolutamente necessárias para aplicar em seu animal de estimação e quais podem ser opcionais.
  • Fique atento às campanhas de vacinação e castração gratuitas que são organizadas com frequência.
  • Também há organizações de proteção animal, onde você poderá vacinar, esterilizar e socorrer seus animais a um preço módico.
  • Consulte o seu veterinário para saber quais são as alternativas genéricas em medicamentos para o seu animal de estimação. Substitua o remédio ou ajuste a dosagem.
  • Considere algumas opções caseiras e naturais para eliminar as pulgas e os carrapatos e que substituem as pipetas e outros produtos para eliminar estes parasitas. Em caso de dúvida, consulte sempre um profissional.

Além disto:

  • Banhe você mesmo o seu cão. Torne-se um cabeleireiro canino.
  • Substitua os biscoitos e, especialmente os mais caros, passe a utilizar como recompensa para o seu cão quando você o treinar, algum alimento que você tenha em sua casa e que o seu veterinário o tenha autorizado a usar.
  • Seja criativo e faça você mesmo os casacos, brinquedos e arranhadores para seus os cães ou gatos.

Se você pensar bem sobre isso, seu animal de estimação também poderá ajudar você a reduzir as suas despesas pessoais. Brincar com ele, andar e fazer um pouco de exercícios com o seu cão, por exemplo, pode ser uma boa opção para economizar com academia.

Acariciar e brincar com o seu gato todos os dias, com certeza é a melhor maneira de substituir um psicólogo e esquecer, pelo mesmo por um tempo, as suas preocupações, incluindo uma crise econômica pessoal ou global.