Educar um cachorro: como fazer para que ele atenda ao seu chamado?

Quantas vezes você já chamou o seu cachorro até ficar rouco sem que ele te respondesse? O bom comportamento do nosso cachorro adulto será o resultado de uma boa educação. A chave para que nosso cão obedeça quando for adulto, é um bom adestramento desde filhote.

Mas se o seu animal de estimação já é grande e você está cansado de que ele não venha quando você o chama, vamos lhe dar alguns conselhos para que o seu cão atenda ao seu chamado.

Conselhos de como educar um cão

Dicas de como educar cachorro

Antes de começar nosso processo de como fazer para que ele atenda ao seu chamado, queremos dar alguns conselhos básicos, que servem para educar um cão em casa. Você tem que fazê-lo entender que em casa existem algumas regras e que ele deve cumpri-las.

Desde os quatro meses de idade você pode começar a educar o seu cão, a partir deste momento o treinamento deve ser constante e é preciso ter muita paciência. A primeira ordem que ele deve obedecer sempre, é a de atender ao seu chamado.

Você pode usar palavras curtas, claras e concisas como “venha”, mas lembre-se de usar sempre a mesma palavra para a mesma ordem.

Esta ordem deve ser sempre acompanhada de uma linguagem corporal, algum gesto que, para o cão, fique claro o que você pretende. Você não deve se esquecer de premiar o seu cachorro quando ele tiver obedecido, é muito importante que ele saiba que cumpriu bem a tarefa e que você o está recompensando por isso.

Você deve ser firme com as normas, se, por exemplo, você não quer que o seu cachorro lhe peça comida enquanto estiver à mesa, você deverá manter sempre a mesma postura e não ceder ao seu pedido. Se ele perceber fraqueza de sua parte, você nunca conseguirá estabelecer essa regra.

Todas as pessoas que vivem na mesma casa, devem agir da mesma forma e ter as ordens claras para diferentes situações.

Educar cachorro para que atenda ao seu chamado

Saiba como educar cachorro

A primeira coisa que um cão deve aprender é atender ao seu chamado, isto é fundamental para a sua educação e para livrá-lo de certos perigos, como de escapar e ser atropelado por um carro, ou que se perca quando estiver dando um passeio.

O lugar do adestramento

O adestramento deve começar em casa, em um lugar onde não haja distrações. Mostre o prêmio ao seu cão, pode ser um petisco ou o seu brinquedo favorito, afaste-se do cachorro e chame-o com a palavra “venha”, assim que ele atender diga “sim”, e quando chegar dê-lhe o prêmio. Você deve repetir este processo várias vezes, até conseguir que ele atenda o seu chamado sem mostrar-lhe o prêmio.

O olhar

É muito importante que o seu cão se acostume a olhar para você, isto é para que você possa conquistar a sua confiança. Cada vez que você falar com o seu cachorro, ou que lhe der alguma ordem, ele deverá olhar para você.

Você pode fazer uma brincadeira muito simples para conseguir que ele o olhe, consiste em colocar seu brinquedo favorito bem a sua frente e não permitir que o toque, ele vai apenas olhar o brinquedo, mas depois irá olhar você nos olhos para pedi-lo.

Este exercício deve ser diário e não esqueça de premiá-lo cada vez que ele olhar para você.

As guloseimas

Da mesma forma que os humanos, os cães adoram guloseimas, e é por isso que são uma boa técnica para o adestramento. Utilize o que ele mais gostar, como biscoitos, salsichas, etc., já que serão um bom estímulo para que ele obedeça. Fale com seu cão para conseguir que ele olhe para você, dê-lhe uma ordem com a palavra “venha” e se ele atender, você lhe dá o prêmio

Persistência e paciência

Estas palavras são o segredo para o que cão atenda ao nosso chamado. Se você fizer os exercícios um dia e outro não, o seu cão irá esquecê-los. Você tem que adestrá-lo todos os dias e também tem que saber que, possivelmente, você não verá resultados imediatos, é preciso ter paciência e ir tentando diariamente.

Também é importante lembrar de acariciá-lo e demonstrar o seu carinho, ele o agradecerá por isso.

Atitude positiva

Você precisa criar um bom ambiente de trabalho entre você e o seu cachorro, não é permitido gritar, nem ficar bravo, sem falar que, como diríamos a uma criança “não pode bater”. Se o seu cão não atende ao seu chamado, você não deve perder a paciência.

Este treinamento deve estar baseado no carinho e o seu cão deve se sentir relaxado, de forma que veja a situação como uma brincadeira, não como um castigo.