Como eliminar carrapatos com camomila

Carrapatos em cães

Os donos de animais de estimação se veem frequentemente infestados com um inconveniente muito grande: os parasitas. Um parasita é um ser vivo (normalmente da família dos insetos) que vive à custa de outro animal, normalmente alimentando-se de seu sangue.

Uma infestação parasitária é incômoda, já que causa coceiras, crostas e além disso há um inseto vivendo em seu animal de estimação. O pior é que os parasitas não só podem incomodar aos animais de estimação, como também aos humanos.

Os parasitas mais comuns em animais de estimação são os carrapatos e as pulgas. Aqui lhe explicaremos como eliminar carrapatos com camomila.

O que é um carrapato?

Cão se coçando

Um carrapato é um inseto pequeno com muitas patas que se engancha na pele dos animais de estimação (ou dos humanos) e se alimenta de seu sangue. Costumam ficar atrás das orelhas, ao redor do ânus ou na nuca, onde o animal de estimação não consiga arranhá-los.

Estes parasitas além de serem portadores de enfermidades, como a doença de Lyme, pode provocar nos cães inflamação das articulações, mudanças em sua pele, aparição de febre, mal-estar e dores musculares.

Cada vez que o cão voltar de um passeio ou de brincar e correr fora de casa, você deve examiná-lo para se certificar de que não há nenhum carrapato na pele dele. De qualquer forma, se o animal de estimação se arranhar continuamente ou tentar coçar as áreas acima mencionadas, é conveniente examinar a pelagem por completo, para verificar a presença de carrapatos ou de outras pragas no meio dela.

O ideal é encontrar os carrapatos quando eles ainda são pequenos, porque assim pode-se eliminá-los mais facilmente com remédios caseiros. Se já são grandes, o melhor é retirá-los com pinças, usando luvas para evitar que grudem na pele do dono, e iodo para depois desinfetar a ferida.

Os remédios caseiros também podem ser usados para prevenir a aparição de carrapatos, embora seja mais eficaz colocar uma coleira repelente no cão e levá-lo regularmente ao veterinário para que seja administrada uma pipeta antiparasitária.

Eliminar carrapatos com camomila

Camomila

Para eliminar carrapatos com camomila é necessário água, algodão e flores de camomila, à venda em qualquer loja de chás ou de ervas. Também podem ser utilizados saquinhos de infusão de camomila, mas sempre é melhor que o produto seja o mais natural possível.

Uma vez reunidos os ingredientes, deve-se preparar uma infusão. Para isso coloque água para aquecer e quando ferver (NUNCA antes) acrescente as flores ou o saquinho de chá de camomila.

Deixe a preparação repousar durante 15 minutos para que a água extraia todas as propriedades da camomila e retire o saquinho ou as flores. Quando a infusão estiver morna, embeba um pedaço de algodão no líquido, escorrendo-o para eliminar o excesso de líquido, e aplique-o sobre a pele de seu animal de estimação, percorrendo todas as dobras de seu corpo, especialmente a região das orelhas, do pescoço, a cabeça e as patas, que são as zonas preferidas dos carrapatos.

A camomila espantará os carrapatos que fugirão com o aroma dela, já que é desagradável para eles. Este truque caseiro deve ser feito uma vez a cada 15 dias até que desapareça a infestação e logo você poderá continuar realizando o procedimento como prevenção. Pode-se aplicar este remédio depois do banho do animal de estimação, como último enxágue.

Depois de desinfetar o animal de estimação, deve-se limpar bem a casa também, para prevenir uma nova infestação e eliminar os carrapatos que possam ficar por aí. Para isso, além de colocar na máquina de lavar roupa tudo o que o cão tem contato, pode-se borrifar na casa um preparado de limões e água (ferva meio litro de água com dois limões em rodelas).

Deixe ferver durante um minuto e depois deixe uma hora em fogo baixo, com o cuidado de que a água não evapore. Quando esfriar, coloque em um borrifador.

Se os carrapatos tiverem deixado feridas na pele do animal, aplique nelas cremes de calêndula (que é um cicatrizante), géis ou cremes com Aloe vera (que hidrata e umedece a pele) e óleo de lavanda (que protege a ferida de infecções).