Intolerância a certos alimentos nos cães

Intolerância a certos alimentos em cães

Existe a ideia errônea de que os cães podem comer de tudo. Isto não é certo e, de fato, igual a muitas pessoas, eles também podem sofrer intolerância a certos alimentos. É importante que você se certifique se o seu cão sofre algum tipo de intolerância. Neste artigo lhe falaremos dos alimentos mais comuns e dos sinais que seu cão tem intolerância a eles.

Primeiro, devemos saber o que é a intolerância, já que muitas vezes há pessoas que a confundem isso com uma alergia. O certo é que há uma grande diferencia: a intolerância pode te matar, enquanto que uma alergia não.

O que é a intolerância?

cão-comendo

A intolerância é a rejeição do organismo a certos alimentos ou a algum de seus componentes, gerando mal-estar em nosso corpo. Este mal-estar pode ser:

  • Dor de cabeça
  • Vômitos
  • Sobrepeso
  • Diarreia
  • Inflamação das articulações
  • Fadiga crônica
  • Alterações na pele

Às vezes podemos sofrer intolerância a certo alimento que estamos consumindo sem nem sequer saber. Isto pode trazer grandes riscos a nossa saúde, por isso se recomenda fazer um teste de intolerância e isto também devemos fazer em nosso animal de estimação.

A diferença entre a alergia e a intolerância é que esta última se localiza no sistema intestinal, enquanto que as alergias produzem uma reação do sistema imunológico. Agora, quais os alimentos causam intolerância nos cães?

Alimentos mais comuns que podem causar intolerância

Pode haver exceções; nem todos os cães apresentarão intolerância aos alimentos que vamos mencionar, e é possível que haja alguns outros que também possam causá-la:

  • Leite e todos seus derivados. Seus derivados são queijo, iogurtes, nata e qualquer outra coisa que leve leite; todos podem produzir intolerância em seus cães, igual ao que acontece com muitas pessoas.
  • Sal. Os alimentos preparados para cães têm um nível muito controlado de substitutos do sal, já que o sal em si é expulso mediante diarreias e vômitos pelo organismo do cão, mostrando assim sua intolerância a este.
  • Massas fermentadas. Qualquer tipo de produto que contenha levedura pode causar intolerância em seu cão, por isso você deve evitar dar a ele alimentos como o pão, por exemplo.

Sabendo que há alimentos que podem causar intolerância em seu animal, como você poderá determinar quais são os que estão causando isso em seu cão e o que fazer?

Como descobrir a intolerância alimentar em cães

A primeira coisa que o veterinário irá te sugerir será um exame de sangue, embora este nem sempre poderá mostrar a intolerância aos alimentos, por isso outros exames serão necessários.

Outros exames consistem em alimentar o cão durante 8 semanas com uma dieta hipoalérgica para eliminar os alimentos que possam fazer mal a ele. Este exame também se realizará em cães que apresentem algum tipo de alergia de acordo com determinados alimentos.

A intolerância pode ser prevenida?

cães-comendo-maças

Autor: Miss Chien

A resposta é simples, infelizmente não. Há certas raças de cães que têm mais tendência a sofrer disto, mas nenhum cão está isento de que isso possa ocorrer.

Os mais expostos são o Buldogue francês e o Boxer, mas mesmo assim, não é possível saber se um cão sofre de intolerância até que se apresente algum sintoma e que os exames sejam feitos.

Embora não exista uma fórmula mágica para prevenir a intolerância, é importante que os cães quando são filhotes se alimentem com o leite materno e que conforme forem aceitando outro tipo de alimentação, que lhes seja dada uma ração de boa qualidade. Ambas as ações melhorarão e fortalecerão o sistema imunológico de seu cão. Isso fará com que ele tenha menos risco de sofrer intolerância alimentar.

Porém, nossa recomendação é que consulte ao veterinário sobre qual o tipo de alimentação é mais adequado para o seu cão e que siga suas indicações. Não é recomendável dar aos nossos amigos peludos alimentos que não sejam específicos para cães, já que estes além de prejudicarem o aparelho digestivo, poderão provocar alergias ou inclusive intolerâncias.

 

Créditos da imagem: Leuntjens.