Jude, o Pitbull resgatado depois de ser obrigado durante anos a participar de brigas

Jude o pitbull

Sempre digo que adoro contar histórias com final feliz. Apesar de ter havido, no caminho para essa felicidade, coisas não tão agradáveis, sempre acreditei que o importante é onde se chega, não como se chega. Conheça Jude, o Pitbull que tem uma história muito singular.

O nosso amigo que irá ilustrar a história de hoje é Jude, o Pitbull que teve um caminho cheio de pedras e muito difícil, antes que ele pudesse encontrar sua felicidade. Quer conhecer sua história?

As brigas de cães

Cachorros brigando

É sabido por todos que as brigas de cães, infelizmente, continuam ocorrendo em muitos países. E por mais intervenções que a polícia e os governos façam para freá-las, a ambição do homem sempre está muito mais focada no dinheiro.

Estas brigas geram muito dinheiro, pois por uma razão que ainda desconhecemos, há seres humanos sem escrúpulos que desfrutam em ver os outros sofrer, e se forem animais melhor ainda.

Os cães usados para brigas, além de entrarem em depressão, vivem atemorizados, têm traumas enormes e são separados de suas famílias sem piedade, sem amor e sem um lar digno, também sofrem grandes danos físicos que, em muitas ocasiões, causam a morte desses animais.

Sem dúvida, isso é algo que faz ferver o sangue dos amantes dos animais.

Jude, o Pitbull com má sorte

Jude, o Pitbull que hoje iremos falar a respeito, foi um dos “escolhidos” para participar destas brigas. Não sabemos de onde vem, nem como chegou lá. Tampouco quanto tempo o mantiveram nesse sofrimento e sendo obrigado a brigar.

O que sim imaginamos é que por sua raça e seu tamanho, que ele seria muito valorizado entre os apostadores das brigas.

Não queremos nem pensar nos sentimentos de tristeza, baixa autoestima e outros sentimentos que Jude sentiu. Tão somente por ser um Pitbull, a vida desse cão seguiu um rumo que seria muito infeliz para ele.

A má sorte termina

As brigas de cães são consideradas maltrato animal e são punidas por lei em muitos países, esperamos que logo sejam em todo o mundo. Jude escolhido para participar das brigas, foi utilizado para esse fim nos Estados Unidos, país que castiga com penas muito fortes quem as realiza ou participam delas.

Jude foi resgatado em uma batida policial contra as brigas de cães feita pela polícia de New Jersey, nos Estados Unidos. Quando o levaram para a clínica veterinária, depois de ser examinado, puderam ver que o Pitbull lutador não só tinha feridas externas, mas também os danos internos eram muito grandes.

Ele tinha um sopro no coração, seus órgãos não funcionavam bem e, principalmente, suas feridas externas eram dilaceradoras. Todos acreditaram que o cão deveria ser sacrificado para evitar a dor. Mesmo assim, não se renderam e decidiram tratar Jude.

Sua recuperação

Pouco a pouco, apesar de algumas recaídas que fizeram os veterinários acreditar que já não havia mais o que fazer, Jude se recuperava. Sem dúvida, o Pitbull tinha vontade de viver, de conhecer uma vida diferente do inferno que tinha vivido e, graças a isso, logo se pôde ver um precioso animal com pelos brilhantes, porte elegante e olhar alegre.

Passou de ser Jude, o Pitbull de brigas, para ser Jude, o Pitbull carinhoso. Agora faltava o mais difícil: encontrar uma família para ele.

Jude, o Pitbull renascido e sua adoção

Jude, o Pitbull

Fonte: Team Jude

Às vezes, julgamos pelo exterior, não importa se se trata de pessoas ou animais. E a raça de Jude é considerada como agressiva por aqueles que não sabem muito sobre ela.

Entretanto, Jude é um exemplo a mais de que isso não é verdade. Logo ele encontrou uma família amante de cães que não se importou que Jude já fosse adulto e que tivesse os tristes antecedentes que tinha.

Justamente o contrário, isto os comoveu e os fez agir e dar a Jude o lar que jamais tinha tido. Este casal, que tinha um bebê, nunca duvidou de que um cão como Jude seria o melhor guardião que o filho deles pudesse ter. E eles não estavam errados.

Jude logo começou a desenvolver um amor pelo menino que não dá para expressar com palavras, e o menino pelo cão. A relação é tão estreita que todos os que os conhecem dizem que “se amam sobre todas as coisas”. Jude, seja feliz, você merece.