Labrador Retriever: a nobreza canina

A raça Labrador Retriever é uma das mais populares do mundo. Os cães na cor creme são particularmente conhecidos graças aos anúncios da marca de papel higiênico Scottex, da empresa transnacional de origem norte-americana Kimberly-Clark.

Porém, além de saber que ele pode ter cor creme, que é capaz de ser treinado para ser cão-guia e de que gosta de brincar com papel higiênico, o que mais conhecemos a respeito do Labrador Retriever?

Qual a origem do Labrador Retriever?

Origem do Labrador

O Labrador Retriever é um cachorro originário de Terra Nova, da província de Terra Nova e Labrador (daí o nome), no Canadá.

O precursor desse cachorro é o Cão de San Juan, (“Lesser”, ou “Cão de Saint John”), que também teve origem nessa ilha e surgiu através da reprodução feita pelos primeiros colonos da região no século XVI, a partir de raças de trabalho que ingleses, irlandeses e portugueses levaram para o Canadá. O nome inglês da região é Newfoundland.

O Cão de San Juan tinha duas variedades: o Terranova Superior e o Terranova Menor.

O Terranova Superior era mais pesado, maior e com pelagem mais longa, enquanto o Terranova Menor, como diz o nome, tinha porte inferior, era mais leve, porém mais ativo, e possuía pelagem mais curta e suave.

O Terranova Menor logo deu lugar ao Labrador Retriever. Esses cachorros (os Terranova Menor) eram utilizados pelos pescadores para ajudá-los a levar os cabos entre os barcos e para recuperar e tirar as redes de pesca da água.

Como os cães gostavam de água e de trabalhar duro, além de serem muito leais, isso os transformava em companheiros muito úteis para os pescadores.

No final do século XVIII, o conde de Malmesbury levou os cachorros de água de San Juan para sua mansão na Inglaterra.

Isso teve um papel decisivo no estabelecimento do labrador moderno em solo inglês. A raça foi reconhecida oficialmente como Labrador Retriever em 1903.

Como é a aparência do Labrador Retriever?

Aparência do Labrador Retriever

O Labrador Retriever é um cachorro grande. Os machos podem chegar a medir 57 cm e as fêmeas um pouco menos, 56 cm.

O peso dos exemplares masculinos podem atingir 36,4kg e nas fêmeas chegar a 31,7kg. O cão possui uma constituição forte, tem um crânio amplo e focinho poderoso com mordida em tesoura, mas não afiada (o que quer dizer que a face interna dos incisivos superiores está em contato com a face externa dos incisivos superiores).

Seus olhos são de tamanho médio na cor castanha ou avelã e possuem um pescoço poderoso. O lombo é amplo, curto e forte, com pelo e costelas amplas e profundas e região renal curta.

O rabo é um dos aspectos mais característicos dessa raça, grosso na base e fino na ponta.

É de tamanho médio e sem flocos, porém deve estar completamente coberto com pelo curto, grosso e denso. Sua pelagem é curta e densa, sem ondulações ou flocos e dá a sensação de ser duro ao tato.

Possui uma subcamada de pelo resistente à água, o que faz com que possa permanecer por grandes períodos dentro dela. Pode ser de cor negra, creme ou chocolate, ainda que seja possível encontrar uma pequena mancha branca no peito.

Qual o temperamento do Labrador Retriever?

O Labrador Retriever é um cachorro gentil, sociável e dócil, o que o transforma em um excelente animal de estimação para famílias.

Por isso, tem boa reputação com crianças de todas as idades e com outros animais, além de ser um cão de ajuda para pessoas idosas, que pode ser treinado para recolher coisas que foram jogadas, apagar luzes, trazer objetos… Portanto, também é um excelente cão-guia.

Como é extremamente sociável, não é adequado para cão de guarda, pois não atacará, ainda que possa latir. De natureza agitada, necessita de exercício constante para não ficar entediado, e precisa de adestramento desde pequeno ou então se tornará incontrolável.

É recomendável que o treinamento com coleira seja realizado desde o começo, para que ele se acostume e evite se rebelar quando for maior e resolva arrancá-la.

Além disso, estes cachorros podem levar objetos na boca com grande delicadeza, o que é conhecido entre os caçadores como boca macia. Um labrador bem treinado pode levar um ovo na boca sem quebrá-lo, por isso são ideais para transportar coisas.

Eles respondem muito bem a todo o tipo de adestramento e treinamento. Por isso é possível treiná-los como parte de brigadas antidrogas e antiexplosivos, cães de busca e resgate.

Como é a saúde do Labrador Retriever?

O Labrador Retriever pode chegar a viver de 10 a 12 anos e é uma raça relativamente saudável, ainda que, como todos os cachorros de esqueleto grande, sejam propensos à displasia da anca e problemas no joelho, como a luxação da rótula.

Além disso, podem ter problemas de visão (atrofia progressiva de retina, catarata, distrofia corneana e displasia de retina) e miopatia hereditária (deficiência de fibra muscular).

Alguns labradores podem desenvolver uma síndrome conhecida como colapso induzido por exercício, que causa hipertermia, fraqueza, colapso e desorientação após períodos curtos de exercício.

Também podem ter deficiências autoimunes e surdez. Essa raça, além de tudo isso, tem um apetite voraz e, por isso, tem uma tendência ao sobrepeso, o que faz com que precisem seguir uma dieta controlada.