O gato Himalaio

Você já imaginou o que aconteceria se um gato persa e um gato siamês cruzassem? Talvez a resposta seja o gato Himalaio. Poderíamos dizer que ele é, essencialmente, um gato persa com os pelos coloridos e com olhos azuis, como os do siamês. Aqui, o Meus Animais, vai contar tudo o que você precisa saber sobre esta linda raça de gatos.

De onde surgiu o gato Himalaio?

Apesar de seu nome, ele não veio do Himalaia. O nome vem pela similaridade de suas cores com o coelho do Himalaia, mas na verdade sua origem pode ser localizada na Suécia, em 1924, quando um geneticista começou a fazer cruzamentos entre gatos siameses e gatos de pelos longos.

No entanto, a obra definitiva com esta raça foi feita em 1930, na Universidade de Boston, quando Cyde Keeler e Virginia Cobb estavam fazendo um trabalho sobre o mecanismo de transmissão das cores.

Seus primeiros cruzamentos geraram apenas gatinhos de pelo curto e com as pontas coloridas do siamês, porém todos portadores do gene siamês e persa.

Do acasalamento entre essas espécies, só nasceu um gato de pelos longos, que foi chamado de estreante. A estreante cruzou com seu pai e, deste cruzamento, nasceu a primeira cópia de pelos longos com pontas coloridas.

O Trabalho de Keeler e Cobb havia terminado ali, mas o trabalho de seleção foi retomado na Inglaterra depois da segunda guerra mundial e o gato persa-siamês definitivo ocorreu em meados de 1960.

Qual a aparência do gato Himalaio?

Gato Himalaio

É morfologicamente igual a um gato persa. É compacto, de médio a grande porte, cuja característica mais proeminente (além dos pelos longos) é seu rosto largo e plano.

Sua cabeça é redonda e seu crânio largo com a testa arredondada, bochechas proeminentes, focinho curto e achatado e queixo forte. Seus olhos são grandes, redondos, separados e intensos, e de um brilhante azul, sempre abertos.

Suas orelhas são pequenas e arredondadas, cobertas de pelos, o corpo é musculoso e arredondado, com pernas pequenas e grossas. A cauda é espessa, arredondada na extremidade, e a pelagem desta raça é longa, farta, grossa e sedosa, e requer cuidados especiais.

A cor da pelagem pode variar do branco ao azul muito pálido, passando por todas as gamas de creme, e tem as pontas das orelhas e da cauda coloridas, como o siamês, com cores como marrom, azul, creme, vermelho e chocolate.

Como é o temperamento do gato Himalaio?

O gato Himalaio tem uma personalidade calma e sociável, e facilmente coexiste com outros animais. Gosta da vida em casa, embora ele também goste de sair e é considerado muito bom caçador.

Do gato Siamês herdou sua curiosidade e vitalidade. No entanto, ele não herdou seus miados, então é um gato muito mais tranquilo.

É inteligente, amoroso, simpático e complacente, aprende fácil. Por ser calmo e sociável, é um gato ideal crianças, pois é muito paciente.

Que cuidado requer o gato Himalaio?

O gato Himalaia precisa de um rigoroso e constante cuidado com sua pelagem, por isso deve-se penteá-lo diariamente com um pente de metal para remover os nós. Além disso, você deve dar banhos, pelo menos a cada quinze dias, pois a falta de higiene pode causar sérios problemas de saúde.

Como é a saúde geral do gato Himalaio?

O gato Himalaio tem uma tendência a doenças faciais e oftalmológicas, também transtornos do maxilar, causados pelo rosto curto e achatado, ou seja; ele pode ter roncos ou outras dificuldades respiratórias.

Além disso, os olhos tendem a lacrimejar e, por isso devem ser limpos diariamente, para que não ocorram infecções.

Também, eles têm uma tendência ao excesso de peso, que os força a ter uma dieta controlada e equilibrada, porque eles são gatos muito preguiçosos e se exercitam muito pouco.

Como eles têm pelos longos, outro problema são as bolas de pelo, que podem se acumular no trato digestivo e causar asfixia.

Este problema é facilmente tratável com uma solução baseada em óleo de parafina, malta ou xarope de manteiga.