O que fazer quando o cachorro atrapalha seu sono

Se você tem um cachorro em casa e durante a noite ele atrapalha seu sono, você terá que colocar em prática algumas medidas para que a convivência seja mais amena. Talvez o comportamento de seu animal de estimação seja o resultado da falta de exercício suficiente durante o dia. Ou por ele não ter recebido o treinamento adequado, ou mesmo que, inconscientemente, você venha reforçando seu mau comportamento.

Porém, não se preocupe, essa situação é reversível. Leve em consideração que sempre é possível ensinar novos truques para seu cãozinho. Tudo depende da sua disposição de conseguir atingir o objetivo. A seguir vamos dar algumas ideias que podem ajudá-lo a chegar lá.

Causas do mau comportamento

cachorro22

Os cachorros precisam passear pelo menos uma vez ao dia. Se você ficou fora de casa durante muitas horas e não teve condições de proporcionar ao seu animal de estimação uma saída, certamente à noite ele não vai lhe deixar dormir, pois não teve as oportunidades adequadas para utilizar toda a energia armazenada.

Outro motivo que pode ser a causa do problema é o fato de seu cachorro não ter recebido o treinamento necessário. Ainda que possa parecer uma obviedade, se o treinamento de seu cão parou depois que ele aprendeu a sentar, deitar e fazer suas necessidades no lugar adequado, isso significa que os ensinamentos ficaram no meio do caminho e alguns comportamentos que não são apropriados poderão ser desenvolvidos. Portanto, lentamente, tente introduzir novos comandos e praticá-los como se fosse um jogo, uma brincadeira.

Talvez seu pequeno amigo esteja sonhando e esta seja a causa de seus latidos, respiração profunda e eventualmente alguns espasmos. Se for isso, mude a cama dele para um lugar mais afastado da sua.

O mau comportamento do seu cachorro também pode ter sido motivado por sua própria reação se, em algum momento, você reforçou esse mau comportamento. O que você faz quando o cachorro late para chamar sua atenção? Como responde? Começa a gritar com ele? Se fizer isso, está cometendo um erro. Demonstre a seu cão que ele está errado ao latir, porém não o castigue nem grite. Você não ganhará nada com isso. É melhor ensinar novos truques para melhorar sua conduta.

A raça do seu cachorro é muito importante. Nem todos os cachorros têm as mesmas necessidades. Por exemplo, se você tem um Border Collie e o leva para passear duas vezes ao dia, está cometendo um erro. Essa frequência é suficiente para um Galgo, mas não para um Border Collie, uma raça que foi criada para trabalhar e, por isso, necessita gastar mais energia.

Medidas para melhorar o comportamento do seu cachorro

cachorro7

Utilize a palavra “Não” corretamente. “Não” é uma palavra disciplinadora, portanto, deve ser utilizada com cuidado. Quando for empregá-la, nunca use o nome de seu cachorro para chamar sua atenção. O cachorro só deve associar o seu nome com o reforço positivo. Quando o cão se portar mal, chame sua atenção tocando levemente em seu pescoço e dizendo, em tom de voz severo, a palavra “Não”.

Nunca chute ou bata no seu cachorro. Os cães não entendem que isso seja para corrigir um comportamento. Se usar de violência, o cachorro ficará com medo. Os cães respondem muito bem aos reforços positivos. Em vez de centrar seus esforços em disciplinar seu cachorro quando ele não lhe deixar dormir, dê uma recompensa quando o animal fizer algo que você gosta, oferecendo um petisco.

Talvez seu cachorro não lhe deixe dormir por querer fazer suas necessidades. Se for isso e você não tiver disponibilidade para levá-lo para passear com frequência, crie um espaço adequado para que o cachorro possa acessar livremente. Para isso, escolha um local em sua residência, coloque uma caixa de areia e o ensine a fazer suas necessidades ali. No caso de morar em uma casa com jardim, é possível adaptar uma porta com abertura para que o cachorro possa entrar e sair quando for necessário.

Se você mora em um lugar pequeno, como um apartamento, ou por algum motivo não tem condições de levar seu animal de estimação para os passeios que ele precisa, talvez seja o caso de contratar uma pessoa para fazer esse trabalho por você. Essa é a melhor opção para que o cachorro possa satisfazer suas necessidades, gastar sua energia e tornar sua convivência em família muito mais saudável.

Caso seu cachorro, logo depois de você ter aplicado essas medidas, apresente uma melhora substancial de comportamento, demonstre seu carinho e cumprimente-o.  Encontre um tempo para passar com ele. Saia para passear com ele ou ofereça um petisco. Porém, se a resposta às suas ações for negativa, recorra a um treinador profissional para melhorar a conduta de seu cachorro. Você vai ver que com um bom treinamento, tudo vai melhorar. E lembre-se: tenha paciência. Tudo leva tempo.