O que você deve saber se for levar seu cão ao parque?

levar o seu cão ao parque

Em quase todos os países do mundo, as coisas se complicam e surgem regras para tudo. Com os nossos animais de estimação não é diferente. Embora às vezes as coisas possam parecer difíceis, certas regras devem ser seguidas, velando pela segurança de seu animal de estimação e pela sua própria tranquilidade, por isso é importante se ater a certos detalhes ao levar seu cão ao parque.

Não é difícil ver brigas de cães nos parques. Estas, em sua maioria, são geradas por falta de conhecimento por parte dos donos a respeito do que devem saber e fazer antes de levar seus cães ao parque.

Regra para levar o seu cão ao parque

passeio-com-filhote

A primeira coisa que você deve saber é que seu cão é sua responsabilidade e, portanto, qualquer acidente que ele sofrer ou que causar aos outros será você quem terá que assumir. Ele pode ser mordido ou morder, pular em alguém ou qualquer outra coisa.

Outro detalhe que não se deve esquecer é que cada cão é um mundo e que nem todos gostam de ir ao parque para brincar. Alguns cães podem ser muito tímidos ou muito medrosos e podem não se sentir bem em um parque cheio de peludos.

Dito isso, o que se deve levar em conta para que, ao levar o seu cão ao parque, vocês tenham um momento agradável e não um problema?

Escolher o parque

Isto é algo importante, pois nem todos os parques para cães são seguros, especialmente se você quer deixá-lo sem coleira. Por isso, o parque perfeito deve ter as seguintes características:

  • Deve ser cercado. Isso poderá evitar que, em caso de uma briga ou de seu cão se assustar por algo, ele saia correndo para a rua e corra o risco de ser atropelado.
  • Duas entradas. Que seu cão seja amigável não significa que outros o sejam e duas entradas em diferentes lugares pode facilitar a fuga caso seja necessário.
  • Normas de segurança à vista. Isto é importante para que você possa saber como agir no local e para saber como advertir os outros, caso seja necessário.
  • Bebedouros. Embora muitos donos levem água, nunca se sabe o quanto se pode esticar o passeio e provavelmente seu cão terá sede, por isso, alguns bebedouros por perto sempre serão de grande ajuda.
  • Examine o parque. Antes de entrar, veja quantos cães há e o comportamento que eles têm, para evitar contratempos.

Caderneta atualizada de vacinas

Isto é algo legal e exigido em muitos países. Seu cão deverá estar vacinado e completamente em dia com todas as suas vacinas. Isto ajudará o seu animal de estimação em caso de ser mordido ou dele morder outro cão ou pessoa, esperamos que isso não aconteça.

Na maioria de parques para cães, a vacina da raiva é obrigatória.

Cão obediente

Garanta que seu cão está educado o suficiente para acatar ordens simples, inclusive sob pressão, tais como “vem”, “solta”, “quieto”. Isto será de grande ajuda caso ocorra algum incidente.

Leve o necessário

passeio-cão-1

Quando for levar o seu cão ao parque, não é uma boa opção deixar o telefone celular em casa, pois este será de grande ajuda em caso de uma emergência, seja para ajudar o seu cão ou a outros.

Embora na maioria de parques haja dispensadores de saquinhos para que os donos recolham as fezes dos cães, leve sempre alguns, nunca se sabe o que pode ocorrer.

Tente ter em mãos algum objeto que possa deter uma briga, como uma corneta de ar, por exemplo, ou um apito. E, é óbvio, não esqueça a coleira de seu cão.

Não tire os olhos dele

Não é que você tenha que estar lá na defensiva o tempo todo, mas mantenha seu cão sob sua supervisão, assim como a outros cães. Não pense que seu animal nunca fará mal a outro, pois você não sabe como ele pode reagir em situações pelas quais possivelmente nunca passou.

Isto é o que consideramos como o mais importante a ser levado em conta quando você for levar o seu cão ao parque. Bom passeio!