O seu cachorro já tentou morder você? Causas e soluções

O que o dono de um cão nunca espera é que seu amiguinho peludo um dia perca a cabeça e tente mordê-lo. Às vezes, vimos nosso pet irritado com outros e, inclusive, conosco. Mas, nunca teríamos imaginado que tentasse nos dar uma mordida. O seu cachorro quis mordê-lo? Tranquilo, não há motivo para ser um problema.

Neste post, vamos falar para você quais puderam ser as causas e quais soluções pode ter o problema. Porém, ainda que tenha jeito, não é um comportamento que devemos deixar passar batido. Temos que agir com rapidez para acabar com isso.

Por que o seu cachorro poderia querer morder você?

cao-protetor-de-mulheres

Os cachorros e humanos há muitos anos convivem juntos. Ainda que, claro, o cão teve que passar por um processo para se adaptar às normas da sociedade humana. Isso comprova que os bichinhos não são agressivos. O fato de que seu animal de estimação tenha tido vontade de mordê-lo não significa que seja algo inerente a ele ou que não haja solução.

Entretanto, ainda que os cachorros tenham se adaptado muito bem às normas e comportamentos humanos, seu instinto e sua criação, além do que foi aprendido com seus ancestrais, é algo que não podem eliminar da sua personalidade. Mas, sim, existem alguns comportamentos que podem ser controlados.

Como contamos em muitas ocasiões, os lobos são os antepassados dos cachorros. E embora eles nunca tenham sido domesticados, os cães guardam muitas semelhanças com eles.

Por exemplo, acostumaram-se a viver ao ar livre, com a família animal deles. Por isso, adaptar-se à vida em um pequeno apartamento não é algo tão fácil para eles. Essa é uma situação antinatural. Se não forem estabelecidas as bases corretas desde o primeiro momento, é provável que surjam problemas de comportamento.

Essas bases são: estimular o amor, o carinho, a paciência e, sobretudo, socializar o cachorro de maneira apropriada.

Necessidade de pertencimento

Por outro lado, cabe destacar a grande necessidade canina de pertencer a uma matilha. Antes de serem domesticados, da mesma maneira que os lobos, os cachorros se deslocavam em matilhas e tinham um líder. Ainda que com facilidade se submetessem e se submetam a um líder, se vissem que o líder não cumpria o papel dele de forma correta, começavam brigas para assumir o papel.

Portanto, aplicando isso aos cachorros domésticos, o líder da matilha dele é você. Se o animal vê que você não cumpre o seu papel, ele vai querer assumi-lo. Como ele tira isso de você? Através de brigas, quer dizer, mordendo você.

Como você poderia, inconscientemente, demonstrar que não é um bom líder? Sendo permissivo demais com ele. Se o cachorro vê que pode fazer e desfazer de acordo com a vontade dele, você terá perdido toda a autoridade diante dele. Ele se tornará o novo líder da matilha.

O que fazer se o seu cachorro já tentou morder você?

castigo-para-caes

Se o seu cão já quis morder você, é porque, como dissemos antes, há falta de autoridade. Para evitar que isso aconteça, ou mesmo, se isso já tiver acontecido, você deverá delimitar as regras e cumpri-las.

O cachorro deve entender que você é o dono e senhor da casa e que ali as coisas funcionam da sua maneira. Também, é importante que, se houver outros membros na família, eles estejam a par das normas que podem abranger horários de saídas, de comidas, de brincadeiras e de comportamento.

Nesse contexto, é preciso definir coisas como, por exemplo, se o cachorro pode ou não subir na cama ou no sofá, se ele pode entrar ou não nos quartos ou qualquer coisa que ele pense em fazer e que se adapte a sua casa.

Por outro lado, se esse comportamento aconteceu quando o seu cachorro já é adulto, talvez tenha como causa a falta de socialização. Embora isso seja um processo que deve ser iniciado desde filhote, não é impossível tentar melhorar a socialização de um cão adulto.

Em nosso blog, você encontrará muitos conselhos a respeito disso e também poderá contar com a ajuda de seu veterinário, um adestrador ou inclusive um psicólogo.

Sobretudo, é importante que não desculpe o comportamento dele. Na primeira vez que o seu cachorro tentar morder você, você deve agir sem demora e pôr fim a esse comportamento.