Os benefícios para o coração quando se tem um cão

 

Já falamos em outras ocasiões sobre como o fato de ter animais de estimação pode melhorar nossa saúde física e mental. Hoje vamos falar de um animal de estimação e de um órgão em particular: os cães e o coração. Até os médicos estão de acordo com o fato de que ter um cão melhora a saúde cardíaca.

Já sabemos com quantas coisas boas contribuem os cães: amor, fidelidade, lealdade e amor incondicional. Os cães ajudam a apagar a nossa solidão e nos “obrigam” a nos exercitar. Tudo isto faz com que a nossa saúde e a nossa mente melhorem. Vejamos as comprovações que os estudiosos têm feito sobre como ter um animal de estimação melhora o nosso coração.

Os benefícios para o coração quando se tem um cão

dieta-coração-2

A Fundação Espanhola do Coração admitiu que as descobertas feitas e publicadas em um artigo pela American Heart Association estão totalmente certas. Estas descobertas mostram que ter um cão reduz as enfermidades cardiovasculares, o colesterol, melhora os níveis da pressão arterial e evita o sobrepeso.

Por que? Não se pode dizer que o simples fato de se ter um cão melhore o nosso coração de forma mágica. Mas é certo que ter um cão nos incita a fazer mais exercícios e que a nossa saúde mental também melhore, já que isso nos permite deixar de sermos hipocondríacos e de nos manter pensando sempre nas doenças que temos ou nas que poderemos vir a ter.

Embora os estudos demonstrem uma relação entre ter um cão e um melhor estado destes fatores de riscos cardiovasculares, a relação causa-efeito não pôde ainda ser comprovada, embora exista uma melhora nos hábitos de exercício de quem tem um animal de estimação. Além disso, os aspectos psicológicos também podem se ver melhorados em uma parte da população, especialmente a mais idosa com pouco apoio social ou familiar, com possibilidade de se tornarem responsáveis pelos cuidados de um animal

Doutor Vincent Arrarte

Outros estudos

Há muitos anos fizeram outros estudos que demonstraram os benefícios para o coração quando se tem um cão. Pessoas que tinham sofrido algum tipo de alteração cardíaca, quadruplicaram a possibilidade de sobrevivência ao viverem com um cão. Enquanto isso, os que não tinham um cão tinham 4 vezes mais probabilidades de ter um outro ataque.

No Japão, foi comprovado que as pessoas que tinham um cão estavam muito mais perto de cumprir com a meta recomendada de exercícios, a qual faz diminuir enormemente os riscos de obesidade, colesterol e enfermidades cardíacas.

Quais são os benefícios de ter um cão?

cão-pequenos-corações

Os benefícios de ter um cão são para todos. Comprovou-se que ajuda crianças com asma, às pessoas da terceira idade e neste artigo vimos provas que os benefícios de se ter um cão também se estendem ao nosso coração.

Este último benefício tem muito a ver com aquelas pessoas entre 18 a 64 anos que, segundo a OMS, não realizam a quantidade de exercícios recomendados para se manterem saudáveis. Este grupo deveria cumprir com uma média de 150 minutos semanais de exercício e, embora ter um cão não fará com que alcancem essa meta, sim, os aproximará muito dela.

Portanto, os benefícios de se ter um cão não apenas abrangem o nosso coração, mas também nos ajudam em outros muitos aspectos. Não seria boa ideia, segundo os médicos, pensar em ter um cão só por estas questões, já que um cão é um animal vivo que requer cuidados e cuidados que temos que estar dispostos a lhe dar.

Assim, em resumo, o que podemos tirar destes estudos é que o exercício diário com o nosso cão nos ajuda a estar mais saudáveis por dentro e por fora.

Por isso, se você está pensando em ter um animal de estimação, um cão será ideal, pois não só te ajudará a melhorar sua saúde, mas também te encherá de amor e te alegrará a vida. Mas, lembre-se sempre: um cão não é um brinquedo, é uma responsabilidade.