Os benefícios da canela para os cães

A canela para os cães

Entre os dados realmente curiosos do mundo dos cães, está o relativo gosto da canela para cães. Para eles, a canela é um autêntico manjar, além de ser muito saudável e contribuir com muitos benefícios para a saúde dos peludos.

A origem da canela e os benefícios da canela para os cães

A canela para os cães tem sido tradicionalmente utilizada para curar muitos problemas de saúde, como é o caso de flatulências, náuseas, diarreia, períodos menstruais dolorosos, etc., além de potencializar, com seu delicioso aroma, diferentes alimentos.

Cão correndo

Outro dos benefícios da canela que é muito difundido é o aumento de energia, da vitalidade e do desenvolvimento cerebral. Há vários tipos de canela, mas as mais procuradas e populares são a do Ceilão e a canela Cassia.

Entre os benefícios da canela para os cães, encontra-se a regulação do nível de açúcar no sangue e o aumento da resistência à insulina. Assim como a canela é muito benéfica para as pessoas em sobrepeso e com diabetes, ela também é para os cães idosos com obesidade.

Outras vantagens são derivadas das infecções por leveduras. Desta forma, os cães que sofrem alergias têm especial propensão às infecções por fungos, e a canela é um instrumento a mais na luta contra estes fungos.

A canela tem um importante poder anti-bacteriano e detém a deterioração dos produtos alimentícios. Por exemplo, o restante de uma lata de comida para o nosso animal de estimação será conservada muito melhor se a refrigerarmos com um pouco de canela por cima.

Estudos e pesquisas

Diferentes testes e análises chegaram à conclusão de que a canela pode inclusive impedir o crescimento de diferentes bactérias. O efeito anti-inflamatório desta substância também é muito conhecido, por exemplo, no caso da luta contra a artrite. Misturar um pouco de canela com mel, além de ser um medicamento saudável e natural, constitui uma boa solução contra diferentes inflamações.

Se o nosso cão tiver câncer nos ossos, a canela o ajudará a suportar as dores que esta enfermidade provoca. Também no caso de problemas estomacais, eczemas, doenças do coração, etc.

A canela oferece uma importante contribuição de cálcio e fibra, melhora o nível de colesterol e é um repelente natural contra insetos. Simplesmente misturando água e azeite em um pulverizador, obteremos um bom remédio contra diferentes insetos que estejam presentes no ambiente.

Algumas precauções

Um tipo de canela chamado Cassia tem entre seus elementos um composto chamado cumarina, que pode prejudicar o fígado dos cães, caso seja administrado em altas proporções. O efeito anticoagulante que a substância produz no sangue pode ocasionar importantes problemas de sangramento se o animal está exposto a determinados tratamentos.

No caso das cadelas prenhas, um abuso na ingestão de canela pode ter efeitos prejudiciais no útero.

Resumo dos benefícios da canela para os cães

Cachorro na grama

  • Suas propriedades anti-inflamatórias podem ser utilizadas com êxito no tratamento das dores causadas por algumas enfermidades, como a artrite.
  • Contribui com elementos que podem regular o açúcar no sangue, no caso dos cães diabéticos.
  • No caso de câncer nos ossos, a ingestão de canela pode causar um alívio nas dores causadas por esta grave patologia.
  • A canela é um eficaz tratamento contra o mal-estar estomacal, contra a diarreia e a indigestão.
  • Os eczemas na pele de nossos animais de estimação também podem ser curados com o uso da canela.
  • O alto conteúdo de cálcio e fibra da canela, ajuda a prevenir doenças cardíacas nos cães e é um excelente elemento para o coração dos nossos amigos peludos.
  • O nível de colesterol no sangue também pode se manter baixo com o uso da canela.
  • Para afugentar insetos basta colocar em um pulverizador água com óleo essencial de canela e, assim, obter um repelente natural de grande efetividade para manter os insetos afastados dos cães e também das crianças.

É importante analisar a raça de cada cão em específico, a alimentação do mesmo, o tamanho, histórico de doenças, etc., antes de aplicar tratamentos, ainda que sejam tratamentos naturais. É sempre melhor, portanto, consultar um veterinário ou especialista, que poderá sempre oferecer as orientações mais adequadas para cada cão em particular.