Os cães ajudam seus filhos na luta contra a asma

asma

Embora ter um animal em casa gere alguns desconfortos para certas pessoas, já que eles soltam pelos e causam alergias em algumas pessoas, também está provado que os animais contribuem com muitos benefícios para a saúde. Em um estudo realizado na Sociedade Americana de Microbiologia, foi provada a ligação entre ter um cão em casa e a diminuição das possibilidades dos membros da família de virem a ter asma, assim como a melhoria dela, nos casos de quem já tem asma.

Uma causa muito conhecida das infecções do aparelho respiratório em crianças e lactantes é o denominado vírus respiratório sincicial (VRS). Por exemplo, nos Estados Unidos mais da metade dos pequenos contraem este vírus durante o primeiro ano de vida. A consequência deste vírus é o efeito secundário da asma a longo prazo. Foi provado que ter cães em casa pode evitar este problema no futuro.

Análises realizadas sobre cães e asma em crianças

asma

Para levar a cabo as provas, os pesquisadores trabalharam com três grupos de ratos: um exposto ao VSR, um grupo alimentado com pó das casas com cães que tinham o vírus, e um grupo de controle livre do vírus.

Os ratos expostos ao pó não apresentaram os sintomas do efeito dos vírus, tais como a inflamação e a produção de muco, nem alterações gastrointestinais.

As consequências desta análise são claras: os micróbios que existentes no pó associado a casa com cães podem colonizar o espaço gastrointestinal e criar uma resposta imune e proteger o hospedeiro contra o patogênico causador da asma. Estas provas são um primeiro passo na identificação de espécies microbianas que protegem contra este patogênico respiratório.

No que se refere aos gatos, não se conseguiram resultados similares nos lares que possuem um destes felinos.

O pelo do cão é bom para a asma de seu filho

Ao contrário do que estamos acostumados a pensar, o pelo do animal não tem tanta culpa assim nas alergias que sofrem os membros do lar. É mais provável que estes problemas sejam gerados pelas escamas de pele, saliva, restos de urina e inclusive as penas de alguma ave doméstica. Embora o pelo não seja nenhum problema diretamente, um lar pode acumular ácaros de pó, mofo e outros agentes suscetíveis de causar a alergia.

Alivie a asma em seus filhos

Uma das possíveis soluções para aliviar os sintomas das alergias são os purificadores de ar, pois eles utilizam filtros que eliminam as partículas que estão na atmosfera, incluindo a caspa dos animais. Um estudo sobre o uso de filtros de ar no dormitório revelou dados surpreendentes, pois se pode reduzir de forma surpreendente os alérgenos que provêm dos gatos e dos cães.

Quando há crianças pequenas em casa que sofrem de asma, ao se pensar na possibilidade de se ter um cão, se imagina efeitos muito negativos. Entretanto, embora seja certo que a maioria dos cães produzem e soltam determinadas partículas chamadas de caspa, que podem ser nocivas para pessoas com asma e alergias, há algumas raças de cães que as produzem em menor medida, sendo inclusive benéficos para crianças asmáticas.

Em uma análise dessas raças podemos encontrar o Yorkshire Terrier, o Terrier irlandês, o Terrier americano, o Maltês, o Chihuahua, entre outras. Embora estes benefícios foram provados, se a criança tiver um quadro de asma muito desenvolvido, o melhor é a consulta ao veterinário antes de introduzir o animal em casa.

O chihuahua

asma

A crença popular diz que estes pequenos cães possuem a qualidade de curar os asmáticos. Embora possam trazer alguns benefícios, a cura total não foi cientificamente provada, embora a maioria dos médicos especialistas não a descartem.

Na Internet é fácil encontrar diferentes sites nos quais pacientes asmáticos agradecidos com seus chihuahuas compartilham suas experiências a respeito desta crença, inclusive recomendam estes cães como animal de estimação ideal para os lares onde há crianças com asma, pois os benefícios serão evidentes com o passar do tempo.

Os chihuahuas medem entre 15 e 23 centímetros e pesam de um a três quilogramas. Entre suas características mais destacados está a cabeça muito arredondada, em formato de maçã, as orelhas são pontudas e a cauda longa a qual costuma enrolar ou formar um semicírculo, com a ponta em direção ao lombo.