Os cães entendem quando uma pessoa esta mentindo

Os que são pais têm claro que se não falarmos a verdade a nossos filhos, eles acabarão deixando de confiar em nós. Então, embora pareça surpreendente, com alguns animais de estimação acontece uma coisa similar, visto que, de acordo com um interessante estudo, os cães entendem quando uma pessoa mente para eles.

A universidade de Kyoto, no Japão, tem realizado uma curiosa pesquisa sobre a inteligência social dos cães e como eles são capazes de notar que mentimos para eles.

Além disso, o estudo mostra que se nós mentirmos para eles, deixarão de confiar em nós e também de obedecer nossas ordens, pois eles apenas se submetem às instruções das pessoas que eles confiam.

Primeiro estudo com 24 cães

Homem e cão brincando

 

Efetuou-se um primeiro estudo no qual vários psicólogos analisaram o comportamento de 24 cães que estavam treinados, partindo da premissa de que, por isso, obedeceriam às ordens recebidas. Colocaram diante dos animais vários recipientes opacos, um dos quais escondia comida e o outro não.

Num primeiro momento, dava-se a ordem ao animal de dirigir-se ao recipiente que continha alimento.

Depois, dava-se a ordem para ele se dirigir ao recipiente que estava vazio, com a intenção de que o cão começasse a perceber que a pessoa não era merecedora de sua confiança, visto que estava dando uma informação falsa.

Quando repetiram a instrução, comprovaram que 80% de todos os cães que haviam sido previamente enganados obedeceram a ordem. Agora surgiam-lhes uma nova dúvida: se a desconfiança seria só para a pessoa que havia mentido para eles ou para a humanidade em geral.

Embora já existam alguns estudos prévios que mostram que este tipo de animal de estimação era capaz de julgar individualmente, as pessoas quiseram comprovar por elas mesmas.

Um segundo estudo para comprovar até que ponto os cães sabem quem mente para eles

Petiscos para cães

 

Para esta segunda pesquisa, juntaram outros 26 cães diferentes, com os que repetiram o estudo anterior, passo a passo.

Nesta ocasião, utilizaram-se duas pessoas distintas, uma primeira que falava para eles a verdade e outra que, em seguida, mentia para eles.

Para eles o resultado foi mais evidente: quando a pessoa que não os enganou dava-lhes qualquer ordem, eles obedeciam sem duvidar. No entanto, decidiam não obedecer às ordens do mentiroso.

Para os autores do estudo, essa pesquisa demonstra que a inteligência emocional desse tipo de animal é superior ao que é encontrado habitualmente.

Inclusive, comentam como têm-se efetuado uma prova similar com crianças que antes dos 5 anos não são capazes de discriminar se uma pessoa é confiável ou se, pelo contrário, não é confiável.

A inteligência social dos cães

Para os especialistas, a inteligência dos cães têm melhorado muito nas últimas décadas graças à convivência com o ser humano. Por esse motivo, como indica outro estudo, eles podem até entender o que lhes falamos.

Comprovou-se que o cérebro processa a linguagem de uma maneira que não é muito diferente à que as pessoas utilizam.

Não só captam o tom da nossa voz, mas, além disso, entendem o significado de algumas palavras. Isso se confirmou com um surpreendente experimento com um Border Collie, que conseguiu memorizar os nomes de 1022 brinquedos e reconhecê-los com um índice de acertos de 95%. Talvez, isso seria muito difícil para alguns humanos, não é mesmo?

Também, outras investigações mostram como os cães entendem nossas reações diante de certos estímulos e as tomam como referência. Ou seja, eles observam como reagimos a certos acontecimentos para logo tomar nosso comportamento como referência e repeti-lo.

Por exemplo, em uma situação que, teoricamente, deve dar medo, se nós reagirmos de maneira relaxada, em muitas ocasiões, eles aprenderão a se comportar da mesma forma.

Inclusive viu-se como essas reações sociais foram aprendidas com independência da relação emocional que tinham com a pessoa.

Não necessariamente tem porque ter um vínculo emocional para aprender a imitar o comportamento humano. Uma capacidade que, por certo, as crianças adquirem a partir dos 15 meses de idade.

Temos certeza de que, a partir de agora, você começará a olhar com outros olhos o seu parceiro mais fiel e não mentirá para ele nunca. Do contrário, ele deixará de confiar em você.