Com o que os cães sonham?

os cães sonham

Alguma vez você já se perguntou o que os cães sonham? O sonho dos cães é muito diferente do das pessoas. Eles tiram algumas sonecas ao longo do dia, sempre de forma rápida e vigilante, portanto eles são capazes de sair rapidamente do estado de sono se houver um estímulo de voz, algum aroma de comida ou um toque.

Estes períodos de sono que os cães têm durante o dia são momentos de descanso muito benéficos para os nossos animais de estimação, entre outras coisas porque contribuem para manter o brilho de seus pelos e também para que eles consigam alguma energia complementar.

Quando chega à noite, a serenidade do ambiente e a ausência de luz facilitam para que o cão entre em uma espécie de cochilo permanente. Se ele acordar por qualquer motivo, ele realizará inspeções por toda a casa, aproveitando para acessar todos os cantos proibidos e examinar todos os objetos.

Com o que os cães sonham? Fases do sono

os cães sonham

Durante o sono, o descanso alcança sua plenitude quando o animal dorme profundamente, mas esse período é curto, apenas 20 minutos. Nesses momentos o animal tem sonhos que o fazem mover muito depressa os olhos com as pálpebras fechadas e, no cérebro deles, há toda uma atividade (o mesmo ocorre com os humanos), que provoca diferentes reações no cão, como é o caso de lambidas, movimento das articulações e das orelhas, latidos ou grunhidos em função do objeto de seus sonhos, que pode ser um dia de caça, acreditar que se ouve um ruído perigoso, se encontrar diante um apetitoso alimento, etc.

Um cão dormir em excesso não é muito saudável porque pode se tratar de um indício de falta de energia e, além disso, esse comportamento pode se derivar em sobrepeso. O animal tem que descansar segundo as atividades que ele desenvolve e os exercícios que faz.

Em uma análise das diferentes raças, podemos encontrar algumas mais preguiçosas do que outras; como por exemplo, os cães da raça São Bernardo, os Basset Hounds e os Shar Peis, essas raças têm a preguiça como uma de suas características principais.

Com o que os cães sonham? Insônia e horários

Quando um cão sofre de insônia, ele poderá se tornar agressivo, pois ele não consegue relaxar. Conhecer os hábitos de sono de nosso cão é muito importante para manter o bem-estar de nosso pet. Respeitar as horas de sono dele tem tanta importância como lhe dar de comer e o levar para passear.

Em uma análise de horários, podemos dizer que os cães adultos dormem melhor entre as 9 da noite e as 4 da madrugada. Durante o dia eles têm um sono muito ligeiro e estão em vigilância permanente, para reagir quando algo lhes perturba.

Os cães têm a fase REM de sono, assim como às pessoas, é a fase em que eles movem os olhos muito depressa, se mexem, ofegam e inclusive latem dormindo. Os cães, assim como os seres humanos, sonham. Os especialistas asseguram que quando um cão está dormido, ao contrário do que se pode supor, a atividade cerebral do animal aumenta.

Embora não saibamos ao certo o que os cães sonham, podemos imaginar pelos gestos que eles fazem, assim como pelos desenhos de um encefalograma. Além de sonhos prazerosos, eles também podem ter pesadelos.

Com o que os cães sonham? Velocidade do sono

os cães sonham

Da mesma forma que ocorre com as pessoas, as fases rápidas e lentas do descanso do cão vão se mesclando durante o tempo de sono. É sabido, em virtude de alguns estudos, que quando o nosso animal dorme durante toda a noite, unicamente na terceira parte do tempo de sono é que ele estará na fase de sono profundo, a fase REM, o resto do tempo será em ondas cerebrais lentas. De noite, o cão dorme entre cinco e vinte minutos seguidos, desperta algumas vezes, até que cai definitivamente no sono e dorme por um bom tempo seguido.

O ritual do cão na hora de dormir se parece muito com o de seus ancestrais, os lobos. A eles os cães devem muitas das pautas de seu comportamento, e têm muitas similaridades com eles. Os cães são caçadores defensores e por isso eles têm que estar em alerta contínuo. O instinto vigilante deles também os impede de conciliar o sono de forma definitiva.

Por estas razões, a fase REM, de sonho profundo, dura muito menos que no caso dos humanos. Além disso, devido a especial sensibilidade auditiva desses animais, eles podem despertar a qualquer momento, caso surja alguma ameaça. Se os cães os cães que viviam próximos a vida selvagem dormissem de uma forma muito profunda, isso os colocaria em perigoso, e esse é o instinto que eles herdaram.