Os filhotes são como as crianças, adoram se divertir!

Filhotes

Não nos resta dúvidas de que os filhotes são como as crianças. E é um prazer vê-los brincar e se divertir, gastando toda a grande energia que possuem.

Porém, da mesma forma que com as crianças, temos que tomar as devidas precauções para que não se machuquem enquanto correm, saltam ou rolam no chão. É importantíssimo começar a colocar limites no que eles podem e não podem fazer.

Brinquedos para o seu filhote

Filhotes brincando

Assim como as nossas crianças, os cachorrinhos também adoram brinquedos. Por isso costumamos enchê-los com estes acessórios que estão disponíveis, aos montes, nas lojas de animais de estimação. É conveniente que você consulte um veterinário sobre quais são as melhores opções de brinquedos para um filhote.

Também, você mesmo pode fazer brinquedos para o seu pequeno amigo peludo.

De qualquer forma, na hora de comprar ou de fazer brinquedos para o seu cachorrinho, preste atenção ao seguinte:

  • Que o material não seja tóxico;
  • Que não se rompam com facilidade;
  • Que tenham o tamanho adequado para que os filhotes não possam engoli-los.

A idade dos danos

A verdade é que o seu filhote irá quer morder qualquer objeto que estiver em seu caminho.

Além disso, este comportamento irá aumentar ainda mais quando ele entrar em sua etapa de dentição.

É o momento em que, se não forem tomadas as devidas precauções, você começará a ver gravemente danificados, entre outros objetos:

  • Sapatos;
  • Roupas;
  • Almofadas;
  • Tapetes;
  • Pernas de móveis.

Por isso, este também é um bom momento para ensinar ao seu cãozinho o que ele pode morder e o que não pode.

Como educar o seu cãozinho brincalhão

Ainda que a educação do filhote deva começar quando ele chega ao seu lar, é bom assinalar os limites diante de exemplos concretos.

Assim como quando ele faz suas necessidades fora do lugar e você deverá indicar o lugar correto com uma folha de jornal embebida em sua urina, quando um filhote mastiga um sapato você deve tirar da boca dele e lhe dar um de seus brinquedos no lugar dos sapatos.

Lembre-se de utilizar sempre o reforço positivo para a educação. Quando o animalzinho morder o seu brinquedo em lugar de algum objeto da casa, recompense-o e elogie-o por seu bom comportamento.

As únicas criaturas suficientemente evoluídas para terem um amor puro são as crianças e os cães.

-Johnny Depp-

Na hora de brincar, os filhotes são como as crianças

Para um cachorrinho, sua nova casa é um mundo para ser descoberto. Guiados por sua curiosidade e seu poderoso olfato, eles examinam cada lugar e cada canto que possam ter acesso.

Por esse motivo, você deve aumentar ainda mais os cuidados para que o seu pequenino não se machuque durante suas aventuras exploratórias. Então:

  • Evite que os cabos elétricos estejam expostos. Eles são uma tentação para que os cães os mordam.
  • Cubra as tomadas. Se o cão as lamber, poderá sofrer uma descarga elétrica. 
  • Tente fazer com que eles não alcancem os cordões das persianas para que não se enrolem neles.
  • Verifique se as prateleiras estão bem presas às paredes, para evitar o risco de que caiam em cima de seu filhote.
  • Mantenha bem fechados os armários que contêm produtos de limpeza ou medicamentos.
  • Cuide para que o seu cão não tenha acesso a agulhas, porta-joias ou a diferentes elementos pequenos que ele possa vir a engolir.

Outros conselhos para que o seu filhote se divirta sem correr riscos

Filhote brincando

Se o seu amiguinho peludo também circula por sua cozinha, tire de seu alcance o cesto de lixo. Assim você evitará que o seu pequeno peludo fuce elementos perigosos. Por exemplo:

  • Comida em decomposição;
  • Ossos;
  • Papel alumínio;
  • Plásticos.

Além disso, preste atenção aos seguintes detalhes:

  • Não cozinhe em sua presença. Ele poderá sofrer queimaduras;
  • Tire a toalha da mesa depois de comer. Provavelmente, em algum momento, ele irá puxá-la e fará cair tudo o que tenha em cima;
  • Ponha telas de segurança em lareiras, estufas e aquecedores;
  • Instale grades na entrada das escadas até que ele esteja pronto para as subir (ou descer);
  • Assegure-se de que em seus vasos, quintal ou jardim não tenha plantas venenosas para os animais de estimação.

Um cãozinho feliz

Considerando diferentes detalhes de segurança, você fará de seu lar um lugar onde o seu cão poderá brincar e se divertir à vontade, sem correr riscos evitáveis.

Dê a ele toda a atenção que ele merece e estimule-o com diferentes jogos e brincadeiras, e desfrute desta etapa maravilhosa da vida dos cães.

E, já que sabemos que os filhotes são como as crianças, não se esqueça de colocar a tempo os limites necessários. Isso deverá ser feito com muito amor e muita paciência. Como você faz ou como faria com seus filhos.