Os gatos desafiam a gravidade ao beber água

Ao contrário dos cachorros, os gatos bebem de forma elegante e nunca se sujam. Isso despertou a curiosidade de muitas pessoas, que começaram a fazer estudos científicos sobre o tema. Dizem que os bichanos desafiam a gravidade.

Hoje vamos conhecer alguns desses estudos e como chegaram a essa conclusão.

Para beber água, os gatos desafiam a gravidade

gato na fonte de água

Diversos pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachussets se uniram para tentar descobrir por que os gatos bebem água de um jeito tão particular.

Embora acreditassem que os gatos colocavam a língua em forma de J para beber, após analisar vídeos em câmera lenta, os cientistas descobriram que a única superfície da língua do felino que toca a água é a parte superior.

Eles concluíram que os gatos têm uma técnica para beber que não “quebra” o líquido. Quando a língua toca na superfície da água, o gato a retira muito rapidamente, fechando a boca em seguida. Isso cria uma coluna de água que acaba entrando dentro da boca do animal.

Mas por que isso acontece? O efeito ocorre graças à gravidade, que tenta manter a água dentro do recipiente, e da inércia do movimento criado pelo gato. Os felinos são capazes de mover a língua 4 vezes por segundo, ingerindo 0,1 mililitro a cada gole.

Gatos versus cães

Essa estratégia utilizada pelos gatos para beber evita que se sujem, pois o fazem de forma organizada e limpa. É o extremo oposto dos cachorros, que molham todo o chão ao redor da vasilha de água e saem babando por todos os lados.

Os cães, ao contrário dos felinos, fazem um J com a língua, que consegue armazenar a água de que necessitam e são capazes de beber a cada gole. Esse método não é tão limpo e sempre deixa muitos respingos.

O movimento dos gatos é tão rápido que é impossível que uma única gota sequer caia fora do lugar. Você se lembra do truque da toalha de mesa? Aquele em que um pessoa puxa uma toalha sem se importar com os copos, pratos e talheres que estão em cima da mesa e é capaz de fazer um movimento tão rápido com a toalha que mantém todos os utensílios no lugar. Com os gatos acontece algo parecido.

Outras curiosidades sobre os gatos

acariciar um gato

Os gatos são considerados animais misteriosos. Embora saibamos cada vez mais sobre eles, ainda escondem muitos segredos e estão cheios de curiosidades que nos chamam a atenção. Conheça algumas:

  • Passam dois terços do dia dormindo. Se o dia se misturasse com a noite, os gatos não se importariam. Poderiam dormir o tempo todo.
  • Gastam o restante do dia em suas tarefas de higieneSempre que olhamos para um gato ele está se lambendo sem parar.
  • Produzem 100 sons diferentes. Essa é outra grande diferença entre eles e os cães, que são capazes de produzir apenas 10 sons.
  • Odeiam ver algo em seu nariz. Os felinos têm um ponto cego nessa posição e ficam tão incomodados ao ver algo ali que ficam aturdidos.
  • Odeiam a água por causa da pele. A pele desses felinos não os isola completamente da água. Por isso eles não gostam de tomar banho. Existem outras raças de gatos, como os da Ásia, que têm uma pele mais resistente e aceitam melhor o contato com o líquido.
  • Não sentem sabores docesA língua dos gatos não possui receptores para esse tipo de gosto, o que não significa que eles rejeitarão um caramelo de vez em quando.

Essas são apenas algumas curiosidades que queríamos compartilhar você. Se o seu gato tem algum outro hábito interessante, compartilhe com a gente.