Os gatos preferem as vozes femininas

É verdade que muitas pessoas pensam que os cachorros são os melhores amigos do homem, bem poderia, então, ser dito que o gato é o melhor amigo das mulheres. Desde sempre existe um interesse particular no comportamento desses pequenos felinos e agora a comunidade científica parece mais interessada do que nunca.

Na verdade, um dos muitos estudos que têm tentado compreender o comportamento, está um que parece indicar que os gatos preferem as vozes femininas.

Assim, a suposição de que fizemos no início deste artigo não parece tão absurda, mas vamos rever algumas questões de fundo sobre o comportamento do gato e a relação com a nossa voz.

Um fenômeno de indiferença

gato-coça-a-cabeça-2

Em um estudo prévio relacionado com o tema de como os gatos reagem a nossa voz, originado no Japão (que é um dos países onde os animais de estimação preferidos são os gatos), descobriu-se que os gatos são conscientes e reconhecem a voz do seu dono, inclusive sabem identificar a voz dos pertencentes ao grupo familiar.

No entanto, muitas vezes eles decidem ignorar quando os chamamos.

Os pesquisadores da Universidade de Tóquio identificaram que os gatos apresentam reações em sua linguagem corporal que lhes permitem determinar, que os felinos reconhecem as vozes pertencentes às pessoas do seu grupo familiar, tais como: a dilatação das pupilas, o movimento dos ouvidos ou da cabeça enquanto essas pessoas falam.

Assim, o gato sabe quem está falando, e porque muitas vezes eles compreendem palavras curtas e instruções simples, eles também sabem o que queremos dizer.

Portanto, o estudo mostra que muitas das respostas que recebemos dos gatos parecem resultar de uma decisão e não de  um condicionamento comportamental a partir dos comandos de voz.

A preferência a voz feminina

gatos-em-casa-3

Em um estudo prévio realizado na Universidade de Viena, demonstrou-se que o mais provável é que o gato opte pela companhia feminina.

No entanto não é tanto a preferência de gênero ou por algum sexto sentido especial que os conecta. Simplesmente, os gatos tendem a dirigir mais atenção as vozes agudas.

Por conseguinte, numa casa onde o gato tem dois donos de sexos opostos, é provável que o animal opte em manter mais contato com a figura feminina.

Aparentemente, a voz das mulheres é extremamente atraente para os gatos, eles têm uma excelente audição, esse é o sentido mais aguçado que eles têm.

Segundo os pesquisadores, o som da voz feminina se assemelha aos sons que as gatas emitem, portanto, conclui-se que os sons mais agudos lhes dá uma sensação de familiaridade, por isso é mais conveniente.

Outros Fatores

No entanto não é só a voz que é crucial neste fenômeno. Os gatos também tendem a se apegar mais às mulheres, pois elas tendem a ser mais carinhosas, além de dedicar mais tempo aos cuidados e companheirismo aos animais.

As carícias e demostrações de afeto são extremamente importantes para o desenvolvimento das relações duráveis ​​e confiáveis ​​com um gato.

Os felinos, ao contrário da crença popular, são animais de estimação muito receptivos a afeição, mas eles não demonstram de forma tão aberta como os cães.

Outro dos fatores, é que as mulheres tendem a conversar com os gatos, e eles respondem através dos miados.

O miado dos gatos é uma característica evolutiva que foi desenvolvida no seu processo de domesticação para se comunicar com os seres humanos, pois, entre eles, existem outros códigos que soam mais efetivos.

Portanto, quando escutar seu gato miando, a melhor coisa a fazer é dar-lhe resposta.

Um motivo não comprovado, mas que já tem algumas referências, é que as mulheres tendem a ser manipuladas mais facilmente pelos animais de estimação.

Os gatos são muito inteligentes, e parte de suas relações sociais consiste, como nos seres humanos, nas relações de influências.

Enquanto um cuidador do sexo masculino não está preocupado em saciar todos os caprichos dos bichanos, as mulheres são muito mais receptivas quando os animais quebram algumas regras para agradar e mimar o seu bichinho.