Podemos levar um gato para passear na coleira?

Levar um gato para passear na coleira

São muitos os amantes dos felinos que já se perguntaram em algum momento por que não podem levar um gato para passear na coleira como fazem os donos de cães. A resposta a essa pergunta quem pode dar são os próprios donos. Contaremos por que.

A personalidade dos gatos não torna desnecessário levá-los para passear

Os gatos têm fama de serem independentes e de não precisarem muito de nós. Eles vão sozinhos à caixa de areia para fazerem suas necessidades, se limpam, afiam suas unhas e não gostam de muito correr, por isso o nosso pequeno apartamento pode ser mais do que suficiente para um campo de brincadeiras para eles.

Gato de coleira

Porém, isso não significa que o seu animal não precise sair ao ar livre e tomar sol como qualquer outro ser vivo. Inclusive estando dentro de casa eles procuram um pequeno raio de sol que os aqueça e lhes dê a energia que precisam para viverem seu dia.

Pois bem, podemos levar um gato para passear na coleira? Sim, sim podemos, embora essa decisão dependerá de você.

Muitos decidem não levar seus gatos para passear na coleira e evitar assim expô-los a perigos desnecessários como pisar em vidros ou outros objetos com suas delicadas patas felinas, cães inimigos dos gatos (embora se tenha cada vez menos deles), outros gatos de ruas ou, ainda, para evitar que eles comam lixo na rua.

Entretanto, muitas pessoas têm decido levar um gato para passear na coleira, pois essa seria a melhor maneira de mantê-los por perto. Embora a ideia não agrade a muitos, a verdade é que os gatos são assustados e na rua podem se alterar e sair correndo por qualquer mínima coisa que aconteça ao redor deles. Daí, portanto, é recomendável que, se você decidir sair para passear com o seu gato na rua, o faça com uma coleira.

Embora, é claro, para os nossos amiguinhos brincalhões ter uma espécie de corda saindo do pescoço deles pode ser um brinquedo a mais que os manterá ativos. Que proteção útil, não acha? Por isso surge essa outra pergunta:

Como levar um gato para passear na coleira?

Os gatos não estão acostumados a ficarem amarrados, por isso se você quer passear com um gato atado a correia, você deverá levar em conta várias indicações que listaremos a seguir:

Gato de coleira

  • Escolha uma coleira adequada. Procure uma coleira para comprar que seja a mais ajustável possível e que também seja leve, para que o animal quase não a sinta tocando seu corpo. Porém, a recomendação dos peritos é que utilize um peitoral tipo H que permitirá colocar a correia em suas costas em vez de em seus pescoços, o que o deixará mais sensível aos puxões.
  • Não o force, ensine-o paulatinamente. O melhor que você poderá fazer é permitir que o peitoral forme parte de seus pertences, que o cheire, morda e brinque com ele. Faça tudo pouco a pouco, fique um dia em casa, em algum momento lhe coloque a coleira ou o peitoral e tente levá-lo até um outro extremo da casa, até que o seu felino vá se acostumando.
  • Depois dos testes, vá à rua. Uma vez que você já tenha visto a reação de seu bichano em casa, vá à rua com ele. Não dê passeios muito longos e se você perceber que ele está desconfortável, não o force, é melhor que o pegue em braços e que voltem para casa. Amanhã será outro dia.
  • Não esqueça de premiá-lo. O reforço positivo é o que melhor funciona com pessoas e também com animais. Premie-o a cada vez que ele fizer algo corretamente. Se, por exemplo, enquanto praticar em casa ele te permite colocar o peitoral, lhe dê um prêmio. Se ele caminhar com você usando a coleira ou o peitoral até onde você quer, lembre-se de lhe oferecer um petisco como recompensa. Assim ele terá um incentivo a mais e você conseguirá mais facilmente fazer com que o seu gato saia para passear com a coleira.

Não importa o que digam, levar um gato para passear na coleira está muito além dos muitos mitos que sempre foram criados ao redor dos bichanos, no final, a decisão é nossa. Você quer levar um gato para passear na coleira? Leve sim!