Por que os gatos às vezes têm medo de pepinos

pepinos

Tenha você um gato ou não, estamos certos de que o título deste artigo lhe chamou a atenção. Pois bem, como você ouviu, ou melhor dizendo, como você leu: os bichanos têm medo de pepinos. Isto cria situações engraçadas que nos fazem rir.

Para que compreenda a “gravidade” do assunto e o porquê, decidimos dedicar um artigo completo a este tema, compartilhando este vídeo, que lhe mostrará isso e que  também irá te fazer rir muitíssimo.

Embora divertido, o certo é que, se pararmos para pensar, os pobres gatinhos passam mal todas as vezes que veem seu terrível inimigo: o pepino.

O medo felino dos pepinos

Mas o que têm os pepinos de tão especial para causar essas reações nos animais? Nada. Nem mais e nem menos. Um pepino não é nada mais que um vegetal sem vida que nada pode fazer ou causar aos animais.

Porém, a viralização deste tipo de vídeos fez com que alguns investigadores profissionais ficassem curiosos para desvendar o segredo dos gatos, o mais bem guardado até o momento.

Por exemplo, o biólogo Jerry Coine relacionou o medo de pepinos que os gatos têm aos predadores. Um dos mais temidos é a serpente, e é possível que a forma do pepino lembre uma delas.

Já Roger Mugford chama isso de “medo do desconhecido”. Os pepinos nunca foram parte da vida dos felinos, assim quando eles veem um é normal que se surpreendam e se assustem. Segundo ele, haveria o mesmo problema com uma banana, um abacaxi ou uma berinjela.

O que têm de certas estas afirmações não sabemos, mas o que sim sabemos é que os gatos têm uma atitude de fuga e medrosa ante os pepinos, como bem vimos no vídeo. Por isso lhe recomendamos que não utilize este vegetal para assustar o seu bichano sem razão. Por quê?

Não assuste o seu gato

Embora vídeos como o que acabamos de ver nos façam rir, assustar o gato pode prejudicar sua saúde. Poderia debilitar a resistência de seu coração, e o pior, ele pode deixar de se sentir seguro em casa.

Se você puser o pepino, como vimos no vídeo, perto de onde ele come, isto pode lhe causar um trauma e ele pode se tornar agressivo. A área em que os gatos comem é como um abrigo seguro onde eles se sentem tranquilos.

Fazer com que o seu gato se sinta estressado, com medo e nervoso não é nada legal e totalmente desnecessário. Como vimos no vídeo, suas reações não são agradáveis; você quer, realmente, fazer com que o seu animal passe por isso? Tudo isso sem contar que em um dos pulos de medo que o animal pode dar, ele poderia bater em algo ou cair de mau jeito e se machucar.

Hoje em dia existem milhares de brinquedos diferentes e brincadeiras para você fazer com o seu gato e terem ambos um momento agradável sem a necessidade de fazer o seu bichano passar mal.

Outras coisas que dão medo ou causam estresse nos gatos

Apesar da curiosidade inata dos gatos e de sua valentia, há coisas que lhes dão medo e que não se pode evitar:

  • Aspirador. Ligue-o e se prepare para ver o seu gato pular e correr em busca de um esconderijo.
  • Pelúcias. Não acontece com todos, mas se você tiver pelúcias em casa, é certo que algumas delas causam medo em seu bichano.
  • Rojões. Isso é uma das poucas coisas que os gatos têm em comum com os cães. Quando escutam rojões ou outros fogos pirotécnicos, eles saem correndo como uma bala.
  • Ventilador. É ver um e sairão correndo. O vento e o rápido movimento são demais para eles suportarem, o porquê, é incompreensível.

Lembre-se de não utilizar nada do que causa medo em seu gato só para dar algumas risadas. Apenas será um momento de diversão para você e não para ele. E o seu bichano, com o que se assusta?

Fonte da imagem principal: www.elnortedecastilla.es