Praticar exercícios com o seu animal de estimação

Como as pessoas, os cães podem ganhar peso facilmente e perder tônus muscular se eles não fizerem exercícios, portanto, incluir uma rotina diária de exercícios na agenda de nossos animais de estimação é uma boa maneira de ajudá-los a permanecerem saudáveis.

Além disso, isso também pode servir de motivação para os donos, já que esta atividade requer a criação de uma agenda que pode depender também do exercício humano constante.

No entanto, deve-se levar em conta que o cão não dirá claramente se ele está cansado ou se a atividade física está sendo demais para ele, então se você quer se exercitar com seu amigo, você deve aprender a identificar os sinais de esgotamento no seu animal de estimação.

 

Qual esporte escolher?

A primeira coisa que você deve fazer é decidir sobre o tipo de esporte que irá praticar com o seu companheiro canino. Correr e caminhar são os exercícios mais comuns, mas existem muitas outras possibilidades.

Algumas delas podem ser usadas para variar a rotina e evitar o tédio de ambas as partes. Além disso, uma variação de exercícios garante que o cão não irá forçar seus músculos.

Dentre a rotina de exercícios que os seres humanos e animais podem realizar juntos estão: trote, corrida, caminhada, natação, agility, ciclismo, patinagem, esqui, doga ou outras brincadeiras para cães.

Correr, trotar e caminhar funcionam bem tanto para animais quanto para pessoas, apesar de existirem algumas raças mais adequadas para realizar estes exercícios do que outras.

Cães esguios e os que têm peito e o focinho largos têm maior resistência e podem atingir mais velocidade do que outros cães. É importante não começar a correr com o cachorro até que o esqueleto dele tenha amadurecido, ou ele poderá vir a ter problemas em seu desenvolvimento.

Natação é um exercício excelente para cães, especialmente se eles têm problemas nas articulações e, para os seres humanos é um esporte completo.

Claro, é importante manter vigilância enquanto o nosso cão estiver na água, além de problemas que possam surgir, o dono pode não nadar tanto quanto gostaria. Se um cão não se sente confortável na água, não é adequado colocá-lo à força, é melhor optar por outro exercício.

Correr com cachorros

O Agility pode ser praticado com uma sequência de barreiras (cercas, túneis, cordas, etc.) para que o cão possa correr, saltar e rastejar.

Estas sequências de exercícios trabalham diferentes músculos e também exercita o cérebro do cachorro. E o dono deve acompanhar o cachorro de perto.

Outra opção é um passeio de bicicleta. O cachorro deve andar mais rapidamente do que o normal ou mesmo correr, isto vai gastar muito a energia dele.

O dono deve manter uma vigilância sobre seu cão durante toda a viagem, já que o cão vai gastar mais energia que ele e o dono deve considerar e reconhecer quando o animal de estimação estiver cansado.

Patinar no gelo e esqui são esportes que somente skatistas e esquiadores experientes devem fazer com seus animais de estimação. O cão deve seguir o ritmo juntamente com seus mestres, enquanto eles esquiam ou patinam, mas devem ser muito bem-educados e serem muito obedientes para que eles não derrubem a pessoa.

A doga é uma mistura de dog (cachorro em inglês) e yoga. O que significa é fazer yoga com o cão. É um exercício tranquilo e as aulas são dadas por especialistas. Claro que se não houver essa atividade em sua área, você poderá sempre seguir instruções da internet.

Os jogos também são uma ótima maneira de um cão fazer exercícios. Eles também aumentam a sua socialização.

Como sei se meu cachorro está cansado?

Cuidados ao fazer exercícios com os cachorros

Se um cão está fazendo exercícios e de repente cai para trás, se senta, tomba, ou simplesmente para, isso pode não ser um sinal de teimosia, mas sim de que ele está cansado.

Para os exercícios, o ideal é fazê-lo todos os dias, e tentar aumentar o tempo gradualmente para aumentar a resistência do animal. Além disso, qualquer sinal de exaustão é também um sinal de alarme. Se isso ocorrer, você deve parar o exercício e levar o cão ao veterinário.

Qualquer cão que pratique esportes deve passar por um check-up com o veterinário e, então, o dono poderá se assegurar de que ele está em boa saúde.

Antes de executar qualquer sequência de exercícios o seu animal de estimação deverá ser capaz de andar entre 30 e 60 minutos com você, sem se cansar.

Um cão em forma tende a ser capaz de caminhar entre 5 e 10 km com seu mestre. Se o dono quiser correr uma distância mais longa com seu cão, primeiro deverá consultar um veterinário.