Quando a repreensão leva a um mau comportamento nos cães?

O comportamento dos cães

Muito se fala sobre a educação dos cães, mas raramente fala-se sobre como essa educação deve ser transmitida. Existe uma linha muito tênue entre correção e outros tipos de ações que podem ser prejudiciais para seu animal de estimação, assim contamos quando uma repreensão leva a um mau comportamento nos cães.

É importante, como na criação das crianças, repreender os animais de estimação quando atuam de maneira inadequada. Do contrário, estes consideraram que a atuação é apropriada e continuarão cometendo o ato com maior frequência. Porém, a punição deve ser proporcional e nunca excessiva.

Estabeleça uma estratégia

Treinamento cachorro

Geralmente, a punição física corresponde a uma incapacidade ou à inexistência de uma estratégia que permite terminar com os maus hábitos. Assim, o melhor é desenvolver uma que permita a seu animal de estimação compreender quando ele está fazendo uma coisa indevida.

É muito importante que seu animal de estimação associe determinada repressão com a ação que tem cometido. Por conseguinte, isso deve ser um pouco repetitivo e acontecer no momento em que o cão cometa o erro.

Algumas estratégias que podem ser usadas:

  • Usar sua voz dizendo um forte NÃO! Os cães não compreendem palavras, mas compreendem estados de ânimo e as diferentes tonalidades, que é uma forma similar à linguagem dos rosnados.
  • Utilize alguma coisa que faça muito barulho, por exemplo, um jornal enrolado, mas não use para bater no cão, mas em alguma superfície para que o  animal seja surpreendido.
  • Use sua linguagem corporal, trate de fazer ele entender quando fizer alguma coisa que você não gosta e cerque-o caminhando na direção dele e apertando o passo.
  • Faça que ele se deite com a barriga para cima. Está é a maneira em que os cães demonstram submissão perante os donos.
  • Utilize o reforço positivo quando o cão fizer alguma coisa boa.

Propiciando maus comportamentos

Adestramento clicker

Os castigos físicos ou excessivos tendem a machucar a autoconfiança do seu animal de estimação e fazem que ele desconfie de você. Por exemplo, uma das formas mais comuns de mau conduta motivada por repreensões excessivas se dá sobre o local em que ele deve urinar.

Muitos cuidadores geralmente perdem os nervos quando o cão, em especial se ele é adulto, urina ou defeca onde não deve. Porém, o uso da violência ou gritos cria neles um temor de fazer as necessidades diante do cuidador, por isso o problema acaba se agravando, porque o cão esconderá para fazer as necessidades.

Nesse caso o que deve ser feito é marcar os espaços onde o cão pode urinar, por exemplo, usando papel de jornal embebido na própria urina e deixando-o no pátio ou onde determine que pode fazê-lo. Cada vez que você ver o cão urinando onde não deve, pegue-o e leve-o até o lugar que você destinou para as necessidades do cão. Isso levará mais tempo, mas alcançará os melhores resultados ao longo prazo.

Da mesma forma, é importante determinar a origem de certas condutas. Por exemplo, muitas das atitudes destrutivas ou o latido excessivo que desenvolvem os animais de estimação tem origem de um estado de acumulação de estresse ou de tédio.

Em vez de reprendê-lo, experimente levá-lo para passear um tempinho ou brincar com ele. Passe tempo de qualidade com seu animal de estimação, visto que, um cão cansado, geralmente, fica mais tranquilo que um cão que tenha energia acumulada.

O mesmo acontece com a agressividade. Esta muitas vezes é o resultado de maus processos de educação, de clausura, maltrato ou isolamento. Deixe seu cão brincar com outros animais de estimação, leve-o para passear com frequência e deixe ele conhecer outros humanos. Isso criará um cão mais sociável e equilibrado.

Em geral, a base da educação canina é encontrada no esforço de atitudes positivas, seja com comida, brinquedos ou carícias. Existe uma grande variedade de métodos de educação e treinamento que você pode consultar, assim não duvide em perguntar a algum especialista ou seu veterinário.

O mais importante nesse processo é sua paciência, rigorosidade e firmeza, mas o afeto também tem um papel muito importante. Lembre-se que tudo tem uma medida e pense que as repreensões que der a seu animal de estimação devem estar bem justificadas.