O que o seu gato quer segundo seu comportamento?

Você sabe o que o seu gato quer quando ele mia ou esfrega a cabeça dele contra você?

Se você já tem muitos anos de convivência com estes fantásticos animais de estimação, certamente você já sabe esta e muitas outras respostas, ou elaborou suas próprias teorias sobre o significado de tantos comportamentos e atitudes dos gatos.

Para os veteranos e principiantes, compartilharemos algumas interpretações.

Diferentes formas de miados

O gato mia; essa é a sua voz. Mas, da mesma forma que nós nem sempre dizemos a mesma coisa, nem nos expressamos da mesma maneira, o miado é bem mais do que um simples miau e varia de um animal para outro e de uma raça para outra.

O bichano emite estes sons por motivos diversos e temos que aprender a interpretá-los, sem perdermos de vista o contexto no qual eles são produzidos. Por exemplo:

  • Alegria porque você voltou;
  • Cumprimento;
  • Pedido de atenção;
  • Pedir por comida ou para que lhe abra a porta;
  • Predisposição para brigar ou acasalar;
  • Dor ou frustração.

Além de miar, os gatos também ronronam, bufam e rosnam.

Os rosnados são interpretados como um mecanismo de defesa diante da presença de um inimigo ou por uma situação intimidante.

O ronronar pode indicar que o animal se encontra confortável junto a nós. Porém, o ronronar também poderá ocorrer quando o animal estiver doente ou sentir dor, por isso muitos o consideram como uma forma de autocura.

A louca mania de “amassar” e de esfregar a cabeça dele contra você

Gato dormindo

Se o seu gato empurra ritmicamente uma parte de seu corpo com suas patas, ele está “amassando”.

É uma maneira de manifestar o conforto que ele sente ao seu lado, tanto como quando ele era filhote e estava com sua mãe. É que, quando bebês, estes felinos empurram as mamas da gata para que o leite saísse.

Quando crescidos, eles repetem esta ação como uma forma de recordar aquela situação agradável.

Se o seu gato esfrega a cabeça dele contra você, além de expressar carinho, ele está marcando você com o cheiro dele. O gato possui glândulas odoríferas sob a pele do queixo, ao redor dos olhos e nas laterais da cabeça.

Renda-se, você é dele.

Traduzindo a linguagem corporal de seu bichano

Para saber o que o seu gato quer, você terá que interpretar também sua linguagem corporal. Orelhas, cauda e olhos certamente fornecerão dados fundamentais.

Orelhas

  • Erguidas: Curiosidade;
  • Dobradas para abaixo: Agressividade;
  • Dobradas para trás: Agressão ou medo;
  • Inclinadas para frente: Relaxamento.

Cauda

  • Para cima: Felicidade;
  • Se ele a sacode: Ira;
  • Inclinada para baixo: Cansaço;
  • Entre as patas: Raiva ou medo;
  • Com movimentos lentos: Concentração;
  • Agitada de um lado para outro: Incomodo ou raiva;
  • Reta, rígida e vertical, com a ponta para um lado: Curiosidade ou interesse por algo;
  • Rígida e com a ponta que se move: Irritação;
  • Inflada e arqueada: Posição defensiva que poderá resultar em ataque.

Olhos

  • Bem abertos: Curiosidade e alegria;
  • Entreabertos: É hora de dormir;
  • Pupilas dilatadas: Espanto, o gato pode se tornar agressivo.

Além disso…

  • Se ele estica a cabeça para você, é sinal de confiança: Está pedindo que o acaricie;
  • Lombo arqueado, pupilas dilatadas e pelo arrepiado: irritação e posição defensiva.

Outros sinais para você saber o que o seu gato quer

Gato

Leve em conta também estes detalhes para interpretar o comportamento do seu gato:

  • Se ele estica a pata para tocar você, é um claro sinal de afeto;
  • Se arranha você suavemente, está pedindo sua atenção;
  • Se ele lambe os seus pelos, a sua cara ou as suas mãos, ele está acariciando você. Tome isso como um grande elogio. Isto significa que o gato tem laços de afeto com você, igual aos gatos de sua família felina;
  • Se ele ataca seus tornozelos saltando de algum esconderijo, ele está realizando jogos predatórios. Melhor você comprar para ele um ratinho com rodas para que ele possa persegui-lo;
  • Se arranha o vidro da janela, é que está vendo outros gatos ou pássaros, ou talvez o seu próprio reflexo. O vidro é a barreira que o separa destes animais, por isso ele o arranha;
  • Se senta sobre o jornal enquanto você o lê, talvez seja porque ele goste da textura do papel. O mais provável é que ele queira que você preste atenção nele e deixe a leitura de lado;
  • Se ele te arranha quando você o está acariciando, ou inclusive morde você, é porque ele já cansou de carícias. É sua forma de dizer você: “Agora já chega. Não quero mais”.