O que saber sobre a raça Borzoi

 

O Borzoi ou Galgo Russo, é o grande desconhecido no clube dos cães. Possivelmente você nunca tenha visto um, mas é uma raça interessante para se conhecer, também para inclui-la entre as nossas opções se estamos pensando em adquirir um cão. Neste artigo falaremos de suas características físicas, sua personalidade e os cuidados necessários. Esperamos que este artigo te ajude se você ainda está se decidindo por um animal de estimação ou que, ao menos, amplie seus conhecimentos sobre esta raça.

Características

borzoi2

O Borzoi é um cão ágil, forte e veloz. Suas medidas variam entre os 66 e 79 centímetros e seu peso está entre os 25 e os 48 quilogramas.

Sua cabeça é larga e estreita, fazendo de seu nariz uma das partes mais proeminentes de sua cara. Diferente de outras raças com estas características em sua cabeça, suas orelhas são pequenas embora caídas, mas isso é compensado pela elegância intrínseca que seu porte e seu grande tamanho o fazem apresentar.

Sua cauda é larga e peluda, além de curvada. Seu pelo é macio e comprido e, em estranhas ocasiões, pode ser um pouco encaracolado. Quase sempre é de cor branca com manchas escuras, embora também se apresente exemplares de cor canela ou chocolate, mas estes são raros.

História

O Borzoi é proveniente da Rússia e foi muito valorizado entre os Czares, já que o adestraram para utilizá-lo na caça do lobo siberiano. Ter sido criado entre a realeza e adestrado como caçador real, pode ser a causa de sua elegância intrínseca e de seu caminhar arrogante.

Quando os Czares caíram e com isso, todo o sistema político e real da Rússia, esta raça foi quase extinta em seu país de origem, embora pareça que alguns exemplares chegaram até a Europa e propagaram a espécie, por isso ainda hoje podemos vê-los na Europa e América.

Personalidade

Devido ao fato de ele ter sido criado durante toda sua história por seu dono e quem acompanhava a este, o Borzoi é muito carinhoso com quem conhece, mas muito desconfiado com os estranhos, já que seu subconsciente não está preparado para receber a ninguém mais em sua vida. Tanto é assim que ele pode chegar até a morder. Se alguma vez ver um, e se sentir tentado a acariciá-lo, cuidado!

Porém, isto é questão de tempo, até que ele ganhe confiança. Mas será ele quem ditará a quem se aproxima e quem não. Não o force quando tiver visita em casa que se deixe mimar por eles, poderia ser uma decepção. Com respeito as crianças, se você tiver filhos, lamentamos te dizer que o Borzoi não é o cão ideal para estar com elas.

Sua personalidade não é muito de cão brincalhão e, embora seja um cão muito paciente, não lhe agradará que as crianças o tombem e ele não permitirá que elas subam em cima dele.

É um cão sigiloso ao atuar e tem uma delicadeza excepcional na hora de se mover. Por isso você não deve se preocupar que ao chegar em casa, o seu grande animal de estimação te jogue no chão pela alegria de te ver, o Borzoi não fará isso. Seus gestos de alegria são bem mais, para chamá-los de algum modo, reverenciais. Lembre-se que ele foi criado na nobreza.

Na relação com outros cães, o Borzoi não é agressivo, mas um tanto arrogante, assim em situações específicas, a coisa poderia se agravar. Tanto para corrigir esta atitude, como a da relação com estranhos, recomendamos que adote um Borzoi desde filhote e o ajude a se socializar desde bem pequeno para evitar estes problemas depois.

Cuidados necessários

galgo-espanhol

O estômago do Borzoi é muito delicado, por isso você deverá escolher muito bem a ração que irá lhe dar, sempre seguindo as orientações de seu veterinário de confiança. Seu grande tamanho exige uma quantidade mínima de 700 gramas diários de ração, algo que terá que considerar se você decidir adotar um cão desta raça.

Outro dos cuidados essenciais do Borzoi é o relacionado com seu pelo. Seu cão necessitará de uma escovação diária devido ao comprimento e densidade de seus pelos, além de cuidados de pet shop, onde deverão cortar, cuidar e escovar sua pelagem frequentemente.

Apesar de ser um cão grande, ele se adaptará a viver em um pequeno apartamento, mas se for muito pequeno, poderia ser incômodo. Ele precisa sair para correr e sentir-se livre.

Como vê, há cães para todos os gostos. Se você for mais introvertido e não gosta de ter a um cão sempre em cima e tem dinheiro e tempo para lhe dar todos os cuidados necessários, escolha um Borzoi como seu cão ideal.