Um gato que sobreviveu à temperatura de 60 graus na máquina de lavar roupa

Reza a lenda que os felinos têm sete vidas ou nove, dependendo do lugar do mundo a ser considerado. O que aconteceu foi que Bobby, com apenas nove meses, parece ter gasto uma delas. Siga lendo o texto para conhecer a história do gato que sobreviveu a um clico de lavagem de 60 graus em uma máquina de lavar roupa.

A história de Bobby, o sobrevivente

O incidente aconteceu em Nottingham, no Reino Unido.

A dona de Bobby, Lisa Keefe, estava fazendo todos os preparativos para lavar a roupa e o gato vagava pelo lugar, talvez à procura de um local macio e tranquilo para tirar uma boa soneca.

Certamente, o animalzinho achava que a máquina de lavar roupa era um lugar ideal e ele acabou entrando lá, e como já tinha acontecido outras vezes, Keefe o retirou rapidamente.

No entanto, em um descuido da mulher, o bichano voltou a se meter dentro da máquina e se acomodou entre as dobras de um edredom de tal maneira que ela não pode perceber que ele estava lá.

gato-que-sobreviveu-a-lavadora-2

Fonte: verne.elpais.com

Embora os veterinários fiquem chocados, há um gato que sobreviveu a um ciclo de lavagem de 60 graus em uma máquina de lavar. No entanto, por mais que se diga que esses felinos têm 7 vidas, e a história de Bobby pareça querer confirmar essa afirmação, é melhor não arriscar a vida de seu animal de estimação e procurar alguma forma de evitar que ele sofra acidentes tanto dentro de casa quanto fora.

Saiba como Bobby foi resgatado

Então, a máquina de lavar começou a funcionar com Bobby dentro. E foi nessa hora que Keefe escutou um barulho vindo de dentro do eletrodoméstico e decidiu desligá-lo, enquanto se perguntava onde estava o gato.

A suspeita dela se comprovou ao ver a coloração dos pelos de seu animal de estimação misturado com o tom amarelado da colcha. Por um segundo ela ficou paralisada, mas reagiu e tirou o animal de dentro da máquina.

Sem perder tempo, Lisa e seu marido Kevin levaram Bobby ao hospital de animais de estimação de sua cidade. O felino chegou à beira do colapso, mas os veterinários conseguiram estabilizá-lo e no dia seguinte ele pôde voltar para casa.

O gato que sobreviveu a um ciclo de lavagem foi indicado a um prêmio

Conforme disseram os médicos, o felino teve muita sorte de poder contar esta história. Quando chegou à sala de emergência, estava com hipotermia e em estado de choque.

Os profissionais assinalaram também que não conhecem casos semelhantes a esse. Assim, Bobby, o gato que sobreviveu a um ciclo de lavagem, foi indicado ao Prêmio PDSA Pet Survivor, criado para dar destaque às “histórias mais impressionantes de animais de estimação que sobreviveram por um milagre”.

O prêmio será entregue pela The People’s Dispensary for Sick Animal, uma ONG que se dedica a prestar serviços veterinários a donos de animais de estimação que têm baixa renda. Em um dos centros de saúde, o Nottingham Pet Hospital, o gato Bobby foi atendido e teve a sua vida salva.

Em 2015, o prêmio foi dado a Ziggy, um cachorro da raça Terrier que sobreviveu a um tiro que levou na cabeça. O cão tinha sido encontrado sozinho e ferido num bosque de Staffordshire. Uma vez recuperado, o bichinho foi adotado por duas pessoas que ficaram sabendo de sua triste história através dos meios de comunicação.

Evite acidentes com o seu animal de estimação dentro e fora de sua casa

gato-que-sobreviveu-a-lavadora-3

Fuente: verne.elpais.com

Enquanto se espera a escolha do vencedor dos prêmios PSDA deste ano, queremos acreditar que o felino aprendeu a lição e que não voltará a entrar na máquina de lavar por descuido de seus donos.

De qualquer maneira, agora, o casal Keefe se certifica vez ou outra de que o gato não está andando perto da máquina de lavar toda vez que vão usar o eletrodoméstico.

Não custa nada lembrar que os animais de estimação ficam expostos a uma grande variedade de acidentes nos seus lares. Por isso, preste muita atenção e trate de impedir que seu amigo de quatro patas corra perigo tanto dentro quanto fora de casa.