Um menino envia uma carta para seu cão morto e recebe uma bela resposta

cão morto

Explicar a uma criança que seu animal de estimação morreu pode ser uma das coisas mais difíceis que tenhamos que fazer em nossa vida. Se para nós o nosso animal de companhia é um membro a mais da família, para uma criança é seu amigo, seu companheiro de brincadeiras, seu irmão.

Os pequenos não entendem muito bem o significado da morte e, embora alguns digam que não é bom inventar histórias para ajudá-los a assimilar a perda, há muitos que não estão de acordo com isto, já que o cão morto era mais do que um animal de estimação.

Do segundo grupo faz parte a mãe do garoto Luke. Luke é um menino de 3 anos que ficou imerso em tristeza quando seu beagle Moe morreu. Sua mãe já não sabia mais como ajudá-lo, por isso ela sugeriu a seu filho que escrevesse uma carta ao cãozinho no céu. E ele recebeu uma resposta! Quer saber o que Moe disse a Luke?

A carta de Luke para seu cão morto, Moe

A mãe de Luke escreveu no papel e deu a seu filho o endereço de seu cão morto: “Moe Westbrook, Céu dos cães, 1ª nuvem”.

O plano da mãe de Luke era pegar a carta antes que o carteiro chegasse, mas ela se esqueceu.

A carta que a mãe de Luke escreveu, que foi ditada pelo menino, dizia:

“Moe, você partiu sem me dizer adeus, mas a mamãe me disse que você tinha que ir para o céu. Acho que deve ser um lugar bonito e que estará feliz aí, mas eu sinto muitas saudades.

Mamãe me disse que você não pode voltar, mas quero que saiba que gostei muito de viver em sua companhia e que sempre vou querer brincar com você como fazíamos antes, embora já não esteja mais aqui você sempre será meu amigo.

Te amo,

Luke”

A mãe do garoto não pôde conter as lágrimas enquanto escrevia as palavras de seu filho de 3 anos. Ela colocou a carta em um envelope, fechou e colocou na caixa do correio para que, aos olhos de Luke, o carteiro a levasse ao cão morto.

Com raiva, a mãe se lamentava por ter esquecido de pegar a carta, mas jamais pensou que poderia receber uma resposta.

A resposta do cão morto de Luke

Em poucos dias, Luke recebeu uma resposta vinda de “Moe Westbrook, Céu dos cães, 1ª nuvem”. A mãe do Luke estava extremamente surpresa e perplexa. Isso não era possível! Curiosa e temerosa, ela abriu a carta que dizia assim:

“Estou no céu dos cães, brinco o dia inteiro e sou feliz.

Obrigado por ser meu amigo, te amo Luke.

Moe”.

Quando a mãe leu a carta de Moe para Luke, ele deixou de mostrar preocupação, pois sabia que seu amigo estava bem e que ainda o amava.

Mas para a mãe de Luke ainda havia algo a fazer, descobrir quem escreveu a carta.

De quem era a carta do cão falecido?

cães-e-crianças

A resposta estava obviamente na agência de correios da localidade em que Luke e sua mãe vivem. E foi para lá que a mãe de Luke se dirigiu. Não eram muitos os carteiros que abrangiam a região e, assim que ela obteve a listagem dos nomes, apenas teve que perguntar um a um se tinha sido ele ou ela quem havia respondido à carta do pequeno Luke.

Zina Owens, assim se chama a funcionária dos correios desta bela história. Zina trabalha como carteira nos correios e quando ela viu a carta de Luke, não pôde deixar de se emocionar e achou que devia fazer algo para consolar o pequeno. Então escreveu a resposta que o alegrou.

A mãe do garoto a agradeceu por seu gentil e desinteressado gesto e a resposta de Zina foi:

“O mundo está cheio de más notícias que parecem não importar a ninguém, sempre e quando não forem eles os afetados por ela. Um pouco de altruísmo e humanidade poderia tornar mundo melhor e com pessoas mais felizes. Apenas quis fazer o seu filho um pouquinho mais feliz e assim também pude me tornar um pouco mais feliz. Graças a vocês”.

Fonte da imagem principal: www.lasexta.com